A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: GUSTAVO ARAGAO RODRIGUES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GUSTAVO ARAGAO RODRIGUES
DATA: 22/08/2023
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de Vídeo conferência do PROEE
TÍTULO: MONITORAMENTO AUTOMATIZADO DE ISOLAMENTOS POR IMAGEAMENTO ULTRAVIOLETA EMPREGANDO APRENDIZADO PROFUNDO
PALAVRAS-CHAVES: Imageamento UV; Monitoramento de Equipamentos Elétricos; Efeito Corona; Visão Computacional
PÁGINAS: 92
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
RESUMO:

A presença de descargas superficiais ou descargas corona nas vizinhanças dos equipamentos e componentes do sistema elétrico é, em geral, um indício da ocorrência de algum fenômeno indesejável. Sendo este, potencialmente um processo que pode levar à falha ou à degradação física dos materiais isolantes. Uma das técnicas mais promissoras de monitoramento de efeito corona é o uso de câmeras especializadas da detecção de radiação ultravioleta. Esta dissertação apresenta um algoritmo inovador de classificação da criticidade de isolamentos a partir de atributos extraídos de vídeos ultravioleta. A metodologia proposta baseia-se na extração de 3 atributos de cada origem de fácula detectada: persistência máxima, área e distância mínima entre origem de fácula e isolamento. Para obter esse último atributo, propôs-se uma metodologia de segmentação dos isolamentos na imagem a partir da combinação de um modelo de rede neural convolucional profunda e o método de limiarização adaptativa da média. O modelo de aprendizado profundo apresentou precisão de 85,5% na detecção dos isolamentos em uma base de validação com 1985 imagens e 8730 instâncias. Já os resultados da classificação demonstraram que a distância entre o isolamento e a origem de fácula é um atributo essencial para a análise do vídeo. Essa variável introduz um contexto as descargas registradas e permite diferenciar casos cuja origem do ultravioleta é um isolamento, daquelas que se originam em cabos, anéis equalizadores, entre outras estruturas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1365912 - EDUARDO OLIVEIRA FREIRE
Interno - 2178222 - JUGURTA ROSA MONTALVAO FILHO
Externo à Instituição - MARCUS TULIUS BARROS FLORENTINO

Notícia cadastrada em: 08/08/2023 10:22
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r19193-ddf6079780