A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: DOUGLAS COSTA SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DOUGLAS COSTA SANTOS
DATA: 03/03/2015
HORA: 09:00
LOCAL: Mini Auditório
TÍTULO: INVESTIGAÇÃO DE PARÂMETROS DE SÍNTESE E DE POTENCIALIDADES DOS SISTEMAS DE NANOPARTÍCULAS DE OURO EMPREGANDO PLURONIC F127 E PLURONIC F127 TIOLADO COMO REDUTOR/ESTABILIZADOR
PALAVRAS-CHAVES: INVESTIGAÇÃO DE PARÂMETROS, NANOPARTÍCULAS DE OURO e PLURONIC F127 E PLURONIC F127 TIOLADO
PÁGINAS: 77
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

Neste trabalho, nanopartículas e nanoclusters de ouro (AuNPs e AuNCLs, respectivamente) foram obtidos pelo método de redução em solução diluída, empregando o polímero anfifílico Pluronic F 127 não funcionalizado (PF127) e funcionalizado (PF 127-Tiol) como agente redutor/estabilizador, respectivamente. A funcionalização do polímero foi realizada por reação de esterificação com ácido tioglicólico (TGA), inserindo-se grupos tióis terminais. A concentração de PF127 e temperatura de obtenção foram parâmetros variados nos processos, além da incidência ou não de radiação UV. A caracterização dos nanosistemas foi realizada por espectroscopia de absorção no UV-Vis e por microscopias eletrônicas de transmissão (MET). Os sistemas foram testados quanto à atividade catalítica e incorporação de uma molécula modelo, a baicaleína. As diferentes condições de síntese influíram sobre a morfologia, tamanho, quantidade, polidispersão e cinética de formação das nanopartículas. Com a irradiação UV, por exemplo, AuNPs prismáticas, além das esféricas foram obtidas, indicando a existência de dois mecanismos de redução simultâneos, o que foi corroborado nos estudos cinéticos. O PF127 utilizado como redutor/estabilizador resulta em AuNPs com diâmetros menores do que as obtidas por redução por citrato, além de uma concentração preferencial das partículas nos agregados poliméricos. O rendimento da reação de funcionalização, estimado por 1H RMN, foi de 90%. O produto obtido (PF127-Tiol) foi empregado na redução do Au3+ e, nanopartículas menores que 3 nm foram obtidas, nesse caso, AuNCLs, evidenciados pelo desaparecimento da banda SPR e surgimento de uma forte absorção no UV, além da observação por MET. Os sistemas a partir do PF127 foram investigados quanto a aplicação em catálise, na qual as AuNPs preparados utilizando Pluronic foi mais eficiente do que as obtidas por redução por citrato. Na investigação da incorporação de uma molécula modelo, as eficiências de encapsulamento foram superiores a 90%. Dessa forma, esses sistemas mostraram-se promissores para uma diversa gama de aplicações de nanopartículas ou clusters de ouro, tais como na catálise de reações químicas e encapsulamamento de bioativos. A síntese por PF127 mostrou-se uma rota ambientalmente amigável e capaz de modulação nos tamanhos e formas das AuNPs,.Os sistemas ainda são promissores para uso em sistemas biológicos, tendo em vista a biocompatibilidade do PF127.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1495228 - IARA DE FATIMA GIMENEZ
Externo à Instituição - LARISSA OUTUBO
Presidente - 287.247.858-22 - ZAINE TEIXEIRA CAMARGO

Notícia cadastrada em: 13/02/2015 18:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r19181-717445561f