Notícias

Banca de DEFESA: JOEDNA VIEIRA BARRETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOEDNA VIEIRA BARRETO
DATA: 25/02/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Miniauditório CCBS (A confirmar)
TÍTULO: Jogo simulador de papéis como estratégia mobilizadora das capacidades do Pensamento Crítico
PALAVRAS-CHAVES: Pensamento Crítico; Jogo simulador de papeis; Jogo educativo e Ensino de Química.
PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

Este trabalho apresenta para discussão resultados de um projeto de pesquisa que versou sobre a abordagem do Jogo simulador de papéis, o Live Action, sendo este pensado como estratégia de ensino na perspectiva do desenvolvimento de capacidades de Pensamento Crítico. No âmbito da pesquisa, o objetivo foi investigar as possíveis capacidades do Pensamento Crítico mobilizadas em estudantes que passaram pela abordagem do jogo simulador de papéis. O tema do Live Action, carboidratos, foi problematizado por meio do uso de uma Questão Sócio Científica (QSC) que emergiu da interação pesquisadora e professor de química da Escola Básica. Do ponto de vista metodológico, o material baseou-se nos três momentos pedagógicos, a problematização, organização do conhecimento e aplicação do conhecimento. O material sofreu um processo de validação que consistiu em estabelecer um grau de concordância sobre as capacidades intencionalmente expressas no Live Action. A validação foi estabelecida em quatro etapas até a implementação do material no contexto de sala de aula para averiguar se as capacidades expressas estavam condizentes com as atribuições de acordo com o grau de concordância entre os especialistas. A implementação ocorreu através das ações formativas que fazem parte do Programa de Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), nas quais envolvem trabalhos com o objetivo de expressar as capacidades do Pensamento Crítico nos alunos. A abordagem do material didático aconteceu em três turmas de 2º ano do Ensino Médio de uma escola pública do estado de Sergipe. Nessa configuração, a pesquisa teve natureza qualitativa do tipo estudo de caso, sendo a coleta de dados por meio de registros em gravação audiovisual e questionários. O tratamento dos dados obtidos ocorreu a partir do método de análise de conteúdo segundo Bardin (2011). A construção das categorias foram elaboradas a posteriori, baseadas nas capacidades de Pensamento Crítico. Tais categorias são: 1) Analisar argumentos; 2) Avaliar a confiabilidade das fontes; 3) Juízo de valor; 4) Identificar assunções e 5) Decidir sobre uma ação. Como resultados da intervenção do material implementado na sala de aula observou-se que os alunos mobilizaram as capacidades do Pensamento Crítico expressas no material, como por exemplo, analisar argumentos, averiguar a confiabilidade de fontes distintas, fazer ou responder questões, assim como não houve um número significativo de outras capacidades, resultando na não mobilização. As capacidades mobilizadas na implementação do material foram capacidade 2. Analisar argumentos; capacidade 4. Avaliar a confiabilidade de um fonte; capacidade 8. Fazer e avaliar juízos de valores; capacidade 10. Identificar assunções; e capacidade 11. Decidir sobre uma ação. Desse modo, o Jogo simulador de papéis contribuiu para a mobilização das capacidades do Pensamento Crítico. Por fim, fazemos uma reflexão no qual concluímos que este material tem que ser implementado mais vezes, para podemos minimizar algumas incoerências e dar mais robusteza em seus resultados.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1655045 - ERIVANILDO LOPES DA SILVA
Interno - 2448855 - TIAGO NERY RIBEIRO
Externo à Instituição - MARCELO PIMENTEL DA SILVEIRA
Notícia cadastrada em: 24/01/2019 09:44
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r15368-99f189d34b