Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JOANNA ANGÉLICA MELO DE ANDRADE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOANNA ANGÉLICA MELO DE ANDRADE
DATA: 21/09/2017
HORA: 09:30
LOCAL: Sala 6 B, do departamento de Biologia (DBI) no CCBS
TÍTULO: FAMÍLIA E HABILIDADES SOCIOEMOCIONAIS DE ALGUNS LICENCIANDOS COM DEFICIÊNCIA DO CURSO DE BIOLOGIA
PALAVRAS-CHAVES: Educação Inclusiva. Licenciandos com deficiência. Família. Habilidades Socioemocionais (HSE)
PÁGINAS: 60
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Ensino-Aprendizagem
ESPECIALIDADE: Métodos e Técnicas de Ensino
RESUMO:

A Educação Inclusiva refere-se à responsabilidade do governo e das instituições de ensino de cada país com a formação e qualificação das crianças e jovens com deficiência, respeitando os diversos tipos de diferenças. É necessário salientar que no processo de inclusão da pessoa com deficiência, a família desempenha papel importante, pois é no lar onde ocorre as primeiras relações interpessoais e por consequência onde o aprendizado começa. Contudo, por muitas vezes, no intuito de proteger e cuidar da pessoa com deficiência a família acaba por criar impasses que dificultam o desenvolvimento de determinadas competências e habilidades importantes para a vida em sociedade. Assim, ao pensar a inclusão do aluno com deficiência no curso de Licenciatura em Biologia, buscamos compreender a influência da família desse discente. Além disso, através do olhar das habilidades socioemocionais (HSE) que tentaremos vislumbrar esta relação. As HSE quando conduzidas adequadamente, preparam o indivíduo para buscar o que deseja, resolver situações cotidianas, discernir comportamentos e decisões, estabelecer metas, entre outras posturas que colaboram para o seu crescimento pessoal, assim como da sua comunidade. Diante do exposto delimitamos como objetivo geral identificar e descrever as HSE de licenciandos com deficiência do curso de biologia compreendendo possíveis influências das famílias desses alunos na construção destas habilidades. Esta é uma pesquisa de natureza exploratória, com abordagem qualitativa, devido a suas características é realizada através do método estudo de caso. Ela ocorre no Departamento de Biologia (DBI) da UFS e os sujeitos serão três alunos com deficiência devidamente matriculados no curso, assim como seus pais e professores, conferindo um total de nove pessoas. Para a coleta de dados utilizamos a entrevista semiestruturada e para a análise de dados adotamos a Análise Categorial do Conteúdo proposto em Bardin (2011).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1674029 - ALICE ALEXANDRE PAGAN
Interno - 2926781 - YZILA LIZIANE FARIAS MAIA DE ARAUJO
Externo ao Programa - 2049228 - RITA DE CACIA SANTOS SOUZA
Notícia cadastrada em: 01/08/2017 08:56
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r15368-99f189d34b