Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: PRISCILA DE ANDRADE NEVES SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PRISCILA DE ANDRADE NEVES SANTOS
DATA: 03/08/2020
HORA: 15:00
LOCAL: Google Meet
TÍTULO: MACRODETERMINANTES DO ESTILO DE VIDA ATIVO E PROBLEMAS DE SONO RELACIONADOS À ANSIEDADE EM ADOLESCENTES
PALAVRAS-CHAVES: estilo de vida ativo, sedentarismo, transtornos do sono.
PÁGINAS: 45
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

Introdução: Níveis adequados de atividade física (AF) e comportamento sedentário (CS) estão associados à redução de risco para a saúde física e mental na adolescência. Entretanto, nessa fase há uma tendência para adoção de estilos de vida menos ativos e o surgimento de problemas de saúde mental. Devido os múltiplos determinantes que atuam sobre esses fatores de risco a saúde do adolescente, investigações sobre o papel de macrodeterminantes do estilo de vida ativo e indicadores de saúde mental, bem como suas interrelações, podem auxiliar o entendimento desses fenômenos e direcionar intervenções em saúde pública. Objetivo: Verificar os macrodeterminantes do estilo de vida ativo e problemas de sono induzidos por ansiedade em adolescentes brasileiros. Métodos: Os dados foram derivados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE) de 2015, incluindo 50.540 adolescentes de capitais brasileiras. Enquanto macrodeteminantes, foram consideradas informações sobre população total, densidade populacional, Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e Produto Interno Bruto (PIB). Informações sobre o nível de AF (diferentes domínos e total), CS (tempo em TV) e problemas de sono induzidos por ansiedade foram obtidas por questionários preenchidos pelos adolescentes. A idade cronológica, cor da pele e região do país foram consideradas co-variáveis. Modelos de regressão logística foram utilizados para as análises principais. Resultados: Observamos que adolescentes residentes em cidades em tercis intermediários e superiores de população total e densidade populacional apresentaram menores probabilidades de serem ativos. Porém, apenas entre os meninos, maior tercil de IDH esteve associado a maiores níveis de AF total, no transporte, e também maior tempo em TV. Dos macrodeterminantes, maior PIB esteve consistentemente associado a uma maior probabilidade de apresentar problemas de sono induzidos por ansiedade em meninos e meninas, independente dos níveis de AF e CS. Conclusões: Macrodeterminantes sociodemográficos e econômicos estão relacionados de forma independente ao estilo de vida ativo e indicadores de saúde mental em adolescentes brasileiros.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3045473 - THAYSE NATACHA QUEIROZ FERREIRA GOMES
Interno - 1003924 - AFRANIO DE ANDRADE BASTOS
Externo à Instituição - BRENO QUINTELLA FARAH
Notícia cadastrada em: 30/07/2020 12:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata2.fragata2 v3.5.16 -r12646-2c874e3307