Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MADSON RODRIGO SILVA BEZERRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MADSON RODRIGO SILVA BEZERRA
DATA: 30/01/2018
HORA: 14:00
LOCAL: DEF/UFS
TÍTULO: ADAPTAÇÕES NEUROMOTORAS E FUNCIONAIS AO USO DE EXERGAMES EM CRIANÇAS PARTICIPANTES DE AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA
PALAVRAS-CHAVES: Exergames, crianças, capacidades físicas, aulas de educação física, educação física escolar.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

Introdução: A atividade física desenvolve as mudanças estruturais, envolvendo as mais variadas mudanças físicas e fisiológicas ao longo da vida, estando relacionados ao estilo de vida. Os exergames tem se destacado como uma excelente solução para a mudança desses comportamentos e fonte de prática de atividade física regular. Objetivo: Verificar a efetividade do uso dos exergames como ferramenta pedagógica em aulas de educação física para proporcionar alterações cardiorrespiratórias, assim como nos níveis de flexibilidade e força muscular localizada, em crianças. Metodologia: O trabalho foi dividido em dois manuscritos organizados conforme segue: o primeiro teve o intuito de verificar alterações na capacidade cardiorrespiratória em estudantes que frequentaram aulas de educação física tradicional, comparados com estudantes que frequentaram aulas em que os exergames foram utilizados como ferramenta pedagógica. O segundo manuscrito comparou a resposta da flexibilidade e força em crianças praticantes de exergames nas aulas de educação física e crianças praticantes de educação física tradicional. Resultados: O primeiro trabalho identificou aumento significativo na capacidade cardiorrespiratória dos alunos que praticaram exergames nas aulas de educação física, F(1, 33)= 7,593; p<0,01; r= 0,43. Além disso, notou-se o grupo controle não apresentou alteração significativa durante o tempo de intervenção F(1,33)= 0,339; p> 0,01; r= 0,10 sendo que na comparação entre os grupos ocorreu diferença significativa no incremento de VO2max F(1, 33)= 17,932; p< 0,001; r= 0,59. Para o segundo manuscrito, ao analisar o nível de flexibilidade entre os grupos, verificou-se alterações significativas, F (1, 33)= 7,678; p< 0,01; r= 0,43. Apresentando alteração significativa no grupo exergames F(1, 33)= 3,933; p< 0,01; r= 0,57 e não mostrou alterações significativas no grupo Controle F (1, 33)= 0,558; p> 0,01; r= 0,43. Na variável Força de membros superiores não apresentou alterações significativas inter ou intragrupos e na variável força abdominal, houveram alterações significativas apenas no grupo exergames F(1, 33)= 4,968; p< 0,01; r= 0,36. Conclusão: O uso dos exergames nas aulas de educação física promovem alterações significativas no consumo máximo de oxigênio, flexibilidade, promoveram aumento significativo de força abdominal, porém não promoveu incremento na força neuromuscular de membros superiores.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1003924 - AFRANIO DE ANDRADE BASTOS
Interno - 2229468 - FELIPE JOSE AIDAR MARTINS
Externo à Instituição - NUBIA JOSANIA LIRA SOUZA
Notícia cadastrada em: 22/01/2018 16:49
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r12762-01b8f192c5