A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: JORGE LUIZ DA SILVA FILHO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JORGE LUIZ DA SILVA FILHO
DATA: 29/08/2022
HORA: 09:00
LOCAL: NIPPEC
TÍTULO: SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO DE NANOCRISTAIS SEMICONDUTORES DO TIPO BIVO 4 ANCORADOS EM DIATOMITA: ESTUDO DA ATIVIDADE FOTOCATALÍTICA NA DEGRADAÇÃO DO CORANTE AZUL DE METILENO
PALAVRAS-CHAVES: BiVO4; Diatomita; Fotocatálise Solar; Resíduo de Curtume.
PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Efluentes de curtume, são classificados como um dos dez mais prejudiciais ao meioambiente, isso porque sua composição química é formada por uma variedade deelementos, desde corantes até metais pesados. Dessa forma, torna-se urgentedesenvolver métodos de remoção desses poluentes e a tecnologia fotocatalítica, vem semostrando como forte candidata a resolver essa problemática. Devido à sua atividadefotocatalítica à luz visível, fotocatalisadores baseados em bismuto, vem sendo estudadosde forma considerável. Entre eles, o semicondutor Vanadato de Bismuto (BiVO 4 ), comestrutura cristalina monoclínica, tem sido reconhecido como um fotocatalisadorpotencialmente apropriado para a degradação de contaminantes orgânicos sob irradiaçãocom luz visível, isso devido ao seu estreito intervalo de band gap de 2,4 eV. No entanto,A baixa área de superfície e o uso na forma pura, diminuem seriamente a atividade decompostos baseados em BiVO 4 e podem impedir a sua utilização generalizada comofotocatalisadores. Nesse sentido, o presente trabalho estudou a síntese e caracterizaçãode nanocristais do tipo BiVO 4 ancorados em diatomita. Assim como, sua atividadefotocatalítica na degradação do corante azul de metileno e de resíduo de curtume, sobirradiação solar. Objetivando produzir um fotocatalisador mais eficiente possível na degradação desses poluentes orgânicos. Da caracterização estrutural das amostras, foi possível extrair informações, tais como: condições de cristalização dos nanocristais de BiVO 4 e dos compósitos BiVO 4 @diatomita, que apresentou valor médio de 200 ºC/12h. Tamanho do cristalito, que foi da ordem de 32 ± 4 nm para os nanocristais de BiVO 4 e 23 ± 2 nm para o SiO 2 , que forma a matriz porosa da diatomita. Quantificação de fases através do método de Rietveld, que foi de fundamental importância para o trabalho, mostrando que os valores experimentais conferem com os nominais. Quanto a caracterização óptica, os resultados mostraram que o band gap do BiVO 4 varia com a concentração de diatomita, apresentando valores entre 2,26 eV 2,39 eV. Dos testes fotocatalíticos, o compósito BVO_DE02 foi o que apresentou melhores resultados sob irradiação solar, degradando 97% de uma solução do corante MB em um intervalo de tempo de 120 min. Apresentando uma constante de velocidade de reação k = 1,32x10 -3 min -1 , que foi cerca de 30% mais rápido que o BiVO 4 puro.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 3017354 - CAMILO BRUNO RAMOS DE JESUS
Presidente - 2228579 - RENATA CRISTINA KIATKOSKI KAMINSKI
Interno - 1658460 - VICTOR HUGO VITORINO SARMENTO

Notícia cadastrada em: 03/08/2022 11:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r18966-bf93dfabd7