A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: MARCELO DOS SANTOS BEZERRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCELO DOS SANTOS BEZERRA
DATA: 29/04/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Videoconferencia
TÍTULO: FORMAÇÃO PARA O USO DAS TDIC EM CURSOS DE LICENCIATURA DA ÁREA DAS CIÊNCIAS DA NATUREZA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE, CAMPUS PROFESSOR ALBERTO CARVALHO
PALAVRAS-CHAVES: Formação Inicial de Professores; Ciências da Natureza; Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação (TDIC); Cultura digital
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Esta pesquisa está vinculada à linha de pesquisa “Formação Docente em Ciências Naturais” etem como objetivo geral investigar e compreender a formação inicial de professores dos cursosde licenciatura da área das Ciências da Natureza da Universidade Federal de Sergipe(UFS/campus Professor Alberto Carvalho), com relação à preparação para o uso dasTecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC). Como objetivos específicos,buscou-se: analisar o lugar das TDIC na formação inicial de professores, a partir dos ProjetosPedagógicos dos Cursos (PPC) das licenciaturas da área das Ciências da Natureza e identificaras concepções dos professores formadores dos cursos de licenciatura da área das Ciências daNatureza sobre a sua atuação na preparação para o uso das TDIC na formação inicial dos futurosprofessores da educação básica. Concernente à metodologia, trata-se de uma pesquisaqualitativa do tipo estudo de caso, alocada nos cursos de licenciatura em Ciências Biológicas,Física e Química da Universidade Federal de Sergipe (UFS/campus Professor AlbertoCarvalho). As etapas da pesquisa contemplaram a análise documental, aplicação dequestionário e entrevistas semiestruturas. A organização e análise dos dados ocorre a partir daanálise de conteúdo (BARDIN, 2011). O resultado deste estudo respondeu ao problema quegerou esta pesquisa e apontou que as TDIC têm lugar nas licenciaturas investigadas, em geral,descrita nas referências legais e normativas, no perfil de egresso, nas competências habilidadesa serem desenvolvidas pelo graduando e na matriz curricular. Em relação às matrizescurriculares dos cursos investigados, observou-se que a abordagem sobre as TDIC noscomponentes curriculares apresenta-se intuitos diferentes por isso, foram classificados emquatro categorias: “Componente curricular com enfoque técnico para o uso das TDIC”,“Componente curricular de conhecimento específico da área” “Componente curricularespecífico de TDIC”, e “Componentes curricular profissional. Mesmo como a presença desteselementos, o espaço ocupado pelas TDIC nos PPC ainda é discreto, pois, o número decomponentes curriculares obrigatórios, que buscam aborda as TDIC no ensino, comoferramenta pedagógica, ainda é restrito. Notou-se também que os professores formadoresreconhecem o potencial das TDIC para melhorar a qualidade dos processos de ensino eaprendizagem. Os motivos elencados para isso, são relativos ao ensino e aprendizagem dos
objetos de conhecimento abstratos na área das Ciências da Natureza. Além disso, compreende-se as TDIC como ferramenta de auxílio para o desenvolvimento do trabalho docente. A
triangulação da análise dos dados, evidencia-se que a formação inicial de professores dos cursosinvestigados tem direcionamento de um currículo que aborda, explora, demostra e compartilha
experiências sobre o uso das TDIC no processo formativo do professor. Embora, precisemelhora alguns aspectos, mas já se trilha um caminho para uma formação para que os futurosprofessores da área das Ciências da Natureza, possam utilizar as TDIC em suas práticas docente.Por fim, tendo em vista essa compressão, chega-se à consideração que algumas iniciativaspodem contribuir para uma formação inicial de professores da área das Ciências da Naturezapara o uso das TDIC mais efetiva: atualização e adequações permanente dos PPC dos cursos delicenciatura, para a construção de um documento cada vez mais próximo da realidade; melhoriana infraestrutura e o acesso as TDIC para que venha contribuir como maior adesão do uso dasTDIC no processo educacional; abordagem mais efetiva sobre o uso das TDIC nos componentescurriculares obrigatórios, que busque desenvolver a criticidade dos licenciandos em relação às
TDIC e aos conhecimentos científicos específicos da Biologia, Física e Química e didáticos-pedagógicos; vivência de experiencias sobre o uso das TDIC no processo educacional, em
âmbito como estágio e eventos, com a possibilidade do licenciando colocar em prática osconhecimentos adquiridos em sala de aula; necessidade de incentivo e promoção de cursos deformação continuada e reconhecimento da importância da formação constantes pelosprofessores formadores, a fim de acompanhar as mudanças propostas pela cultura digital.Entende-se que as discussões levantadas no decorrer desta dissertação, podem ser pertinentesna área educacional. Pois, ressalta-se que o resultado deste estudo dá relevo a importância dodebate contemporâneo sobre a formação inicial de professores para o uso das TDIC que atuarãona cultura digital.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - BRUNO SILVA LEITE
Presidente - 2650152 - JOÃO PAULO MENDONÇA LIMA
Interno - 1641977 - MARCIO ANDREI GUIMARAES

Notícia cadastrada em: 30/03/2022 08:26
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r18966-bf93dfabd7