Notícias

Banca de DEFESA: ÍGOR DA SILVA SALMERON

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ÍGOR DA SILVA SALMERON
DATA: 03/03/2017
HORA: 13:30
LOCAL: Sala de aula PPGS
TÍTULO: "OS MÉDICOS E SEUS ESPAÇOS DE ATUAÇÃO: DAS RESSONÂNCIAS ENTRE MEDICINA E REPRESENTATIVIDADE PROFISSIONAL EM ARACAJU
PALAVRAS-CHAVES: médicos, política, representação, atuação profissional, trajetórias.
PÁGINAS: 150
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO:

Essa dissertação tem como objetivo analisar os médicos e os seus espaços derepresentação profissional, em específico, analisar quais as formas de participação eminstâncias de atuação profissional dos médicos Aracaju. Dentro disso, o objeto empíricocentral são os médicos que ocupam ou ocuparam cargos de presidência nessas entidades,estudando acerca das suas carreiras e trajetórias biográficas, assim como seus percursosprofissionais. Estamos querendo nos atentar aqui, às entidades de representaçãoprofissional da classe médica aracajuana, às quais focalizamos na Sociedade Médica deSergipe (SOMESE), no Sindicato dos Médicos do Estado de Sergipe (SINDIMED-SE),na Academia Sergipana de Medicina (ASM-SE) e no Conselho Regional de Medicina deSergipe (CREMESE). Para dar conta de tal empreitada, tratamos de submeter à análisecrítica as trajetórias de médicos que possuem cargos de direção nessas instituições. Poroutro lado, consideramos fundamental compreender também o sistema de relações sociaisque os médicos estabelecem entre si, estudando nesse sentido, justamente suas açõesinstitucionais. Para compreender sobre o médico em geral, foi mister fazer umlevantamento sobre o que já vinha sendo debatido acerca desse profissional, o que noslevou a percebermos a utilidade de nos basearmos em leituras fundamentais que versamjustamente sobre a sociologia dos Grupos Profissionais, assim como também as que seinserem na linha do Interacionismo Simbólico e da Sociologia Política; já que buscamosinvestigar os médicos em seus espaços de confraternização e consagração social, comoas tradicionais reuniões-almoço que acontecem todas as quintas-feiras na SociedadeMédica e às terças-feiras no Sindicato dos Médicos. Num segundo momento, percebemosa necessidade de reconstruirmos um pouco do contexto histórico em que se deu odesenvolvimento da medicina em Sergipe, assim como buscar entender como se deu afundação dessas entidades e suas relações com o Estado e a política local. Numa terceiraetapa, empreendemos realizar uma análise do cotidiano das interações dos médicos emseus momentos de maior descontração, como nos exemplos, das reuniões-almoço queacontecem também às sextas-feiras, quando participa um grupo mais seleto de médicos,conhecidos, como ‘G-8’, o que nos leva a conhecer o ator médico em seu cotidiano social.A partir disso, buscamos demonstrar em como a atuação profissional dos médicos emseus espaços de representação, estão calcadas na relação indissociável entre orequerimento de uma ‘expertise’ profissional, isto é, dominar um saber técnicoespecializado, ao mesmo tempo em que se tem a formação de uma habilidade coadunadaao exercício de um saber político, que fica conectado de maneira intrínseca ao sabertécnico do profissional médico.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1523397 - FERNANDA RIOS PETRARCA
Interno - 1494768 - MARCELO ALARIO ENNES
Externo à Instituição - VERONICA TEIXEIRA MARQUES
Notícia cadastrada em: 15/02/2017 09:24
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r10803-399c5c35c