A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Noticias

Banca de QUALIFICAÇÃO: EDIVILSON SILVA CASTRO FILHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EDIVILSON SILVA CASTRO FILHO
DATA: 02/06/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Embrapa Tabuleiros Costeiros Sala 42
TÍTULO: PRODUÇÃO DE GLIRICIDIA EM DIFERENTES DENSIDADES E AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE SILAGENS DE GLIRICIDIA COM DIFERENTES PROPORÇÕES DE MILHO MOÍDO
PALAVRAS-CHAVES: Gliricídia, leguminosas forrageiras, silagem
PÁGINAS: 30
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
ESPECIALIDADE: Avaliação de Alimentos para Animais
RESUMO:

Gliricidia sepium ( Jacq. ) Walp. é uma leguminosa arbórea muito bem adaptada a condições de estresse hídrico, com alto teor de proteína em suas folhas que a torna uma estratégia de baixo custo para alimentação de ruminantes em períodos de estiagem. No nordeste brasileiro, a gliricídia tem sido usado como alimento para bovinos e ovinos em sistemas silvipastoris e também na forma de silagem ou feno. Ela tem apresentado boa produtividade de matéria seca de alta qualidade e boa aceitação pelos animais. O presente trabalho objetivou avaliar o efeito de diferentes densidades de plantas sobre a biomassa e produtividade de matéria seca de gliricídia, além da verificação da qualidade da silagem com ou sem a adição de milho grão como aditivo. Foram realizados dois experimentos. No primeiro foi feito um plantio de gliricidia adensada sem irrigação em um delineamento em blocos casualizados com quatro repetições, na Estação Experimental Pedro Arle pertencente a Embrapa Tabuleiros Costeiros em Frei Paulo, Sergipe, Brasil. As densidades de 10.000, 20.000, 30.000 e 40.000 plantas/ha foram testadas. A produtividade de biomassa fresca e seca, biomassa das folhas e percentual de folhas em relação a massa total de 13 cortes foram avaliadas durante o período de crescimento entre 02/09/2009 e 28/08/2013. Os cortes foram realizados nas datas: 02/09/2009, 16/03/2010, 26/05/2010, 24/08/2010, 09/12/2010, 22/03/2011, 10/06/2011, 28/09/2011, 01/02/2012, 01/08/2012, 05/12/2012, 29/05/2013 e 28/08/2013. Os valores de produtividade de biomassa aumentaram com o aumento da densidade de plantas após a densidade de 20.000 plantas/ha, recomendando-se para a localidade o plantio com 40000 plantas/ha. No segundo experimento foram confecionados 36 silos com forragem de gliricidia ensilados com ou sem a adição de milho grão como aditivo. Foram utilizados para a confecção das silagens mini silos laboratoriais de PVC com 10 cm de diâmetro e 30 cm de comprimento, lacrados com tampas de PVC e presilhas de metal. A colheita e desfolha da gliricídia foram realizadas manualmente, sendo utilizado somente folhas e caules tenros e descartados os caules grossos. Em seguida o material da gliricídia foi moído em máquina forrageira e após esse procedimento foram coletadas e pesadas 2 amostras para posteriores análises laboratoriais do material a ser ensilado, sendo uma amostra correspondente a gliricídia moída e outra ao milho moído (MI). Os tratamentos foram os seguintes, com base na matéria fresca: 100% de gliricídia, 94% de gliricídia + 6% de milho, 88% de gliricídia + 12% de milho, 82% de gliricídia + 18% de milho, 76% de gliricídia + 6% de milho e T6=70% de gliricídia + 30% de milho. Para avaliar a qualidade foram estudados os seguintes parâmetros: matéria seca total (MST), extrato etéreo (EE) e matéria mineral (MM), fibra em detergente ácido e neutro (FDA e FDN respectivamente), digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS), proteína bruta (PB), pelo método KJEDAHL, pH, ácido lático e nitrogênio amoniacal (N-NH3). A adição de milho alterou os parâmetros bromatológicos da silagem sem, entretanto, alterar as características fermentativas das silagens.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 627.399.990-20 - EVANDRO NEVES MUNIZ
Interno - 1366651 - GLADSTON RAFAEL DE ARRUDA SANTOS
Externo à Instituição - JOSE HENRIQUE DE ALBUQUERQUE RANGEL

Notícia cadastrada em: 16/05/2014 09:19
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - dragao3.dragao3 v3.5.16 -r17722-925b7210d0