UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 27 de Novembro de 2022

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


PPGCS

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE


    Últimas Notícias

25/11/2022 CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÕES DO MESTRADO EDITAL 06/2022 PPGCS/POSGRAP/UFS
25/11/2022 CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÕES DO PROJETO DE COOPERAÇÃO ENTRE INSTITUIÇÕES (PCI) ...
23/11/2022 RESULTADO DAS ETAPAS 1 E 2 - EDITAL PPGCS POSGRAP/UFS N° 10/2022 (PCI) - PÓS ...
23/11/2022 RESULTADO DAS ETAPAS 1 E 2 - EDITAIS 06/07/08 E 09-2022 PPGCS/POSGRAP/UFS - PÓS ...

Apresentação do Departamento

O Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde é pontuado com nota 5 pela CAPES pela segunda vez na última avaliação CAPES (Avaliação quadrienal 2016). Isto nos consolida como um programa de excelência e foi uma conquista importante, considerando que estamos entre os principais Programas de Pós-graduações no Brasil, especialmente da região Nordeste. O PPGCS tem uma estrutura multidisciplinar que inclui diversas áreas da saúde de forma interativa e complementar. O objetivo cardinal do Programa é formar docentes e pesquisadores em nível de mestrado e doutorado, com capacidade de disseminar conhecimentos e desenvolver pesquisas nas áreas de Ciências da Saúde. O PPGCS entende a saúde no seu sentido mais amplo – que comporta os níveis de promoção, prevenção, investigação, tratamento, reabilitação e avaliação da qualidade de vida nos agravos gerais e específicos do Brasil e da região nordeste. 
O corpo docente do PPGCS reúne um grupo de professores em diversas áreas prioritárias no estado de Sergipe dentro do campo da saúde (Enfermagem, Farmacologia, Farmácia, Fisiologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Imunologia, Medicina, Microbiologia, Nutrição, Odontologia e Saúde Coletiva), e tem buscado a interação entre essas áreas através de projetos de pesquisa conjuntos. O Programa procura refletir e avaliar, crítica e sistematicamente, todo o processo que envolve a produção de novos conhecimentos, valorizando o estímulo à produção científica e geração de novas tecnologias e estabelecimento de cooperações com outros centros de pesquisa no Brasil e de outros países.
Procuramos contribuir também com a gestão, a formação de recursos humanos, o manejo dos principais agravos para a saúde humana, bem como as soluções regionais para muitos dos problemas locais que afligem a população sergipana e nordestina, sendo referência na formação de muitos professores atualmente do quadro da UFS, Institutos Federais de Ensino e de muitos funcionários do laboratório central do estado. A formação de profissionais diferenciados nessas áreas da saúde tem contribuído para a excelência dos serviços de saúde do estado.
A meta do Programa é formalizar sua internacionalização, que já existe nos grupos de pesquisa dos professores, estabelecendo convênios formais com outras universidades, a exemplo do convênio recentemente formalizado com a Bharathiar University, Coimbatore, Índia e a longa colaboração que temos com a Liverpool School of Tropical Medicine, do Reino Unido e a Iowa University nos Estados Unidos. Além disso, tem procurado aprofundar a integração entre as diversas áreas e linhas de pesquisa desenvolvidas, promovendo a pesquisa interdisciplinar e a complementariedade dos saberes para o avanço do conhecimento, interagindo grupos que atuam em pesquisas básicas com os que atuam em pesquisas aplicadas. Este direcionamento vem sendo consolidado com a aprovação de Projetos de Núcleos de Excelência (PRONEX), diversos projetos aprovados em Editais da CAPES e CNPq e da FAPITEC, envolvendo diversos grupos de pesquisadores do PPGCS, objetivando estudos que aprofundem avaliação de mecanismos das doenças e incentivando pesquisas de translação, aplicando os conhecimentos gerados para a prática clínica. Consolidamos várias linhas de pesquisa e incluímos novos projetos que partiram de demandas da comunidade acadêmica local, e estabelecemos um processo contínuo de revalidação do credenciamento dos docentes permanentes do programa, com o intuito de incluir novos docentes produtivos e readequando o tamanho do corpo docente do programa, sempre com a preocupação na qualidade da formação dos nossos Mestres e Doutores e na produção científica e tecnológica.

 

 

O Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde é pontuado com nota 5 pela CAPES pela segunda vez na última avaliação CAPES (Avaliação quadrienal 2016). Isto nos consolida como um programa de excelência e foi uma conquista importante, considerando que estamos entre os principais Programas de Pós-graduações no Brasil, especialmente da região Nordeste. O PPGCS tem uma estrutura multidisciplinar que inclui diversas áreas da saúde de forma interativa e complementar. O objetivo cardinal do Programa é formar docentes e pesquisadores em nível de mestrado e doutorado, com capacidade de disseminar conhecimentos e desenvolver pesquisas nas áreas de Ciências da Saúde.

 

O PPGCS entende a saúde no seu sentido mais amplo – que comporta os níveis de promoção, prevenção, investigação, tratamento, reabilitação e avaliação da qualidade de vida nos agravos gerais e específicos do Brasil e da região nordeste. O corpo docente do PPGCS reúne um grupo de professores em diversas áreas prioritárias no estado de Sergipe dentro do campo da saúde (Enfermagem, Farmacologia, Farmácia, Fisiologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Imunologia, Medicina, Microbiologia, Nutrição, Odontologia e Saúde Coletiva), e tem buscado a interação entre essas áreas através de projetos de pesquisa conjuntos. O Programa procura refletir e avaliar, crítica e sistematicamente, todo o processo que envolve a produção de novos conhecimentos, valorizando o estímulo à produção científica e geração de novas tecnologias e estabelecimento de cooperações com outros centros de pesquisa no Brasil e de outros países.Procuramos contribuir também com a gestão, a formação de recursos humanos, o manejo dos principais agravos para a saúde humana, bem como as soluções regionais para muitos dos problemas locais que afligem a população sergipana e nordestina, sendo referência na formação de muitos professores atualmente do quadro da UFS, Institutos Federais de Ensino e de muitos funcionários do laboratório central do estado. A formação de profissionais diferenciados nessas áreas da saúde tem contribuído para a excelência dos serviços de saúde do estado.

 

A meta do Programa é formalizar sua internacionalização, que já existe nos grupos de pesquisa dos professores, estabelecendo convênios formais com outras universidades, a exemplo do convênio recentemente formalizado com a Bharathiar University, Coimbatore, Índia e a longa colaboração que temos com a Liverpool School of Tropical Medicine, do Reino Unido e a Iowa University nos Estados Unidos. Além disso, tem procurado aprofundar a integração entre as diversas áreas e linhas de pesquisa desenvolvidas, promovendo a pesquisa interdisciplinar e a complementariedade dos saberes para o avanço do conhecimento, interagindo grupos que atuam em pesquisas básicas com os que atuam em pesquisas aplicadas. Este direcionamento vem sendo consolidado com a aprovação de Projetos de Núcleos de Excelência (PRONEX), diversos projetos aprovados em Editais da CAPES e CNPq e da FAPITEC, envolvendo diversos grupos de pesquisadores do PPGCS, objetivando estudos que aprofundem avaliação de mecanismos das doenças e incentivando pesquisas de translação, aplicando os conhecimentos gerados para a prática clínica. Consolidamos várias linhas de pesquisa e incluímos novos projetos que partiram de demandas da comunidade acadêmica local, e estabelecemos um processo contínuo de revalidação do credenciamento dos docentes permanentes do programa, com o intuito de incluir novos docentes produtivos e readequando o tamanho do corpo docente do programa, sempre com a preocupação na qualidade da formação dos nossos Mestres e Doutores e na produção científica e tecnológica.

 

 

Coordenadora: Profa. Dra. Tatiana Rodrigues de Moura

Possui graduação em Farmacia -Bioquimica pela Universidade Estadual de Londrina (2002) e Mestrado (2005) e Doutorado (2008) em Patologia Humana pela Universidade Federal da Bahia, com período sanduiche (2007-2008) no Departamentode Quimica e Tecnologia Farmacêutica na Universidade de Navarra (Pamplona- Navarra-Espanha). Atualmente é professora do Departamento de Morfologia da Universidade Federal de Sergipe, responsável pela disciplina de Imunologia da Graduação, Professora permanente do Programa de Pós Graduação em Biologia Parasitária e do Programa de Ciências da Saúde da UFS. Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde.Tem experiência em Imunologia, atuando principalmente no seguintes temas: Imunidade Inata e Adaptativa na Leishmaniose, mecanismos de resistência da leishmania ao antimonial, epidemiologia da Leishmaniose, participação do TREM-1 em doenças inflamatórias infecciosas ou não. Coordeno o grupo de pesquisa que avalia aspectos do parasito e hospedeiro em doenças infeciosas.

 

Coordenador Adjunto: Prof. Dr. André Sales Barreto

Graduação em Fisioterapia pela Universidade Tiradentes (2002), mestrado (2008-2010) e doutorado (2010-2014) em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Sergipe. Atualmente é professor adjunto do Departamento de Educação em Saúde de Lagarto da Universidade Federal de Sergipe (DESL/UFS). Docente permanente dos Programas de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde (PPGCAS) e Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (PPGCS) da UFS. Orienta alunos de Iniciação Científica, Iniciação Tecnológica e Mestrado e co-orienta de Doutorado. Ex-Coordenador do PPGCAS (2017-2020). Coordenador adjunto do Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde/UFS (PPGCS). Diretor Acadêmico Pedagógico do Campus Universitário Professor Antonio Garcia Filho. Membro da Comissão de Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia (COMPITEC) da UFS nos períodos 2015-2019 e 2021-atual atuando como parecerista dos pedidos de patentes, colaborando com as normas de avaliação institucional e ministrando palestras sobre propriedade industrial. Desenvolve trabalhos na área de fisiologia e farmacologia cardiovascular procurando investigar os efeitos do exercício físico e/ou produtos naturais isolados ou com desenvolvimento biotecnológico em modelos experimentais de hipertensão arterial, infarto agudo do miocárdio e resistência à insulina.

 

Endereço Institucional

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde - PPGCS

Rua Cláudio Batista s/n- Hospital Universitário, Bairro Sanatório, Aracaju - SE

CEP 49060-100 

Telefone: 3194-7202

Email: ppgcs@academico.ufs.br

Chefia do Departamento:
TATIANA RODRIGUES DE MOURA
Telefone(s):
Não informado
Endereço Alternativo:
Não informado

<< voltar

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2022 - UFRN v3.5.16 -r18154-6e174eae4e