A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: DOUGLAS RIBEIRO ANDRADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DOUGLAS RIBEIRO ANDRADE
DATA: 31/08/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Sala virtual: meet.google.com/tsf-zaer-thk
TÍTULO: ESTUDO ÓPTICO RELACIONADO A LENTES ESFÉRICAS E A HISTÓRIA DE GALILEU GALILEI, SUA CONTRIBUIÇÃO PARA OS PRIMEIROS TELESCÓPIOS
PALAVRAS-CHAVES: Ensino de Física, Instrução por Colegas, História da Ciência, Telescópio.
PÁGINAS: 137
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Ensino-Aprendizagem
ESPECIALIDADE: Tecnologia Educacional
RESUMO:

Reiteradamente, professores utilizam recursos matemáticos para definir leis e conceitos físicos, assim acabam deixando esquecidos os grandes pensadores Físicos que impulsionaram o desenvolvimento da ciência. Dessa forma, será apresentado nesse trabalho uma sequência didática na qual abordaremos a história de Galileu Galilei, mostrando um estudo prático sobre Óptica Geométrica em especial lentes esféricas, voltado para a construção do telescópio de Galileu, com alunos do 30 ano do ensino médio, no Colégio Pierre Freitas na cidade de Simão Dias-SE. Como referencial teórico nos baseamos nas teorias de aprendizagem significativa de David Ausubel, e na utilização de mapas conceituais de Joseph Novak, considerando-se a necessidade de analisar os conhecimentos prévios que os alunos possuem para ser tomado como parâmetro de condução da aula. Para a implementação, utilizamos a metodologia de Instrução por Colegas (Peer Instruction), de Eric Mazur, no qual podemos intercalar questões de conceitos com as de cálculos, levando dinamismo para as turmas, devido a interação entre aluno/aluno, deixando-os livres para serem protagonista do seu próprio conhecimento, descentralizando do conhecimento do professor. Ao analisar os dados, foi possível observar um ganho significativo de aprendizagem, observamos que as discussões entre eles foram proveitosas, aumentando o índice de participação na aula. Tendo como base as questões conceituais, observamos que sempre houve um aumento significativo nas respostas corretas após cada debate. Com base nas análises feitas sobre essa aplicação, observamos que esse método tem grande potencialidade para ser replicado em outros conteúdos. Para esta aplicação os alunos utilizaram a plataforma YouTube, os próprios livros como material potencialmente significativo e elaboraram mapas conceituais. Foram elaboradas questões conceituais para conduzir as aulas, applets, um banco óptico de baixo custo e por fim os próprios alunos construirão lunetas similares a que Galileu usou.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1424267 - CELSO JOSE VIANA BARBOSA
Interno - 1296993 - DIVANIZIA DO NASCIMENTO SOUZA
Externo à Instituição - WYTLER CORDEIRO DOS SANTOS

Notícia cadastrada em: 30/08/2020 19:07
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2023 - UFRN - dragao3.dragao3 v3.5.16 -r18277-8067e35817