A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: MARCELO BARRETO COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCELO BARRETO COSTA
DATA: 21/08/2017
HORA: 17:00
LOCAL: Sala de Teleconferências a ser Definida
TÍTULO: A PRODUÇÃO DE FILMES COMO FERRAMENTA DE APRENDIZAGEM SOBRE HISTÓRIA E FILOSOFIA DA FÍSICA
PALAVRAS-CHAVES: Ensino de Física, Cinema e História e Filosofia das Ciências
PÁGINAS: 72
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Ensino-Aprendizagem
ESPECIALIDADE: Métodos e Técnicas de Ensino
RESUMO:

A sociedade contemporânea é testemunha ocular de uma série de avanços nas mais diversas áreas de atuação humana, principalmente no que tange aparatos tecnológicos. Contudo, a realidade de muitas salas de aula envolve um ensino feito de forma bem parecida com aquele que foi oferecido a gerações anteriores. Elementos que podem ser úteis para o processo de ensino e aprendizagem estão à disposição dos educadores, entretanto nem sempre são utilizados ou, quando são, muitas vezes de forma pouco significativa. Considerando esses aspectos, o objetivo desse trabalho foi utilizar a produção de filmes como ferramenta para o ensino de história e filosofia da ciência Física. Considerou-se a produção de filmes como estratégia metodológica por se tratar de um recurso que, além de inovador, possui grande potencial na promoção da Aprendizagem Significativa de uma ciência contextualizada. A produção dos filmes se deu numa escola pública da capital de Sergipe, em um projeto intitulado Videoteca da Ciência, que foi desenvolvido com alunos da segunda e terceira séries do Ensino Médio. Observou-se, entre envolvidos nesse projeto, uma compreensão mais ampla e contextualizada de conteúdos da Física, o desenvolvimento de valências de caráter social, além de uma elevação da autoestima. As experiências vivenciadas neste empreendimento contribuíram para que melhoramentos fossem feitos no projeto inicial resultando num produto ainda mais eficiente.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1296993 - DIVANIZIA DO NASCIMENTO SOUZA
Externo ao Programa - 3103768 - FABIO ALESSANDRO ROLEMBERG SILVA
Interno - 2582325 - SAMUEL RODRIGUES DE OLIVEIRA NETO

Notícia cadastrada em: 28/07/2017 14:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2023 - UFRN - bemtevi1.bemtevi1 v3.5.16 -r18277-8067e35817