Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MATHEUS PEREIRA MATTOS FELIZOLA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MATHEUS PEREIRA MATTOS FELIZOLA
DATA: 17/12/2020
HORA: 14:30
LOCAL: meet.google.com/etw-hhhv-cjg
TÍTULO: Modelo de conexão entre os atores de um ecossistema de Inovação
PALAVRAS-CHAVES: Ecossistemas de Inovação, Empreendedorismo, Habitats de Inovação, Conexão e Inovação
PÁGINAS: 207
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Um ecossistema de inovação é uma rede complexa de atores com potencial para gerar inovação. A estrutura da rede pode ser formada pela academia, governo, setor empresarial, investidores, instituições de suporte e a sociedade em geral. Para a efetividade do ecossistema de inovação é preciso que sejam gerados produtos e serviços inovadores a partir do fluxo de comunicação, conexão, conhecimento, produtos, finanças e pessoas. A necessidade da realização de uma análise de ambientes de inovação para observar a conexão entre os atores de um ecossistema foi a motivação desta pesquisa, cujo escopo envolveu os ecossistemas de inovação de quatro estados brasileiros: Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe. A presente tese teve o objetivo de propor um modelo de conexão entre os atores de um Ecossistema de Inovação. A metodologia foi delineada com uma abordagem qualitativa, adotando-se o método de estudo de caso, e como fontes de evidência foram utilizadas entrevistas, observação não participante, análise de documentos, registro em arquivos e artefatos físicos. Para o embasamento teórico foi realizada uma revisão sistemática do conceito, atores e casos de ecossistema de inovação a partir da análise de publicações na base de dados da Web of Science. Como técnica de pesquisa adotou-se a análise de conteúdo indicada por Bardin (2016), com o auxílio do software Nvivo 12, licenciado para analisar o conteúdo investigado. Foi realizada uma revisão sistemática e o estudo seguiu a literatura científica mais referenciada do mundo no tocante aos ecossistemas de inovação, e a análise dos casos foi fundamentada em pesquisadores que investigaram atores da pesquisa nos quatro estados da Federação brasileira. Como considerações pode-se afirmar que tanto a literatura científica quanto a experiência de campo revelam que conexão entre os atores é fator fundamental para o desenvolvimento e fortalecimento de um ecossistema de inovação. A partir dos casos estaduais investigados observou-se que essa conexão é fortalecida com a presença de lideranças municipais, regionais e estaduais. No Sul do país, algumas cidades do interior polarizam as ações e influenciam cidades menores da região geográfica imediata. Em Sergipe, basicamente apenas a capital sergipana mantém conexão com os atores do ecossistema de inovação e sem uma articulação que seja capaz de desenvolver o ecossistema de inovação. A partir do confronto entre a pesquisa de campo e a teoria, será possível criar um modelo conciso de conexão que pode ser utilizado por qualquer cidade brasileira.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1201910 - FRANCISCO SANDRO RODRIGUES HOLANDA
Presidente - 1541859 - IRACEMA MACHADO DE ARAGAO
Interno - 1835499 - JOAO ANTONIO BELMINO DOS SANTOS
Externo à Instituição - MARCELO SANTANA SILVA
Externo à Instituição - ZULMARA VIRGÍNIA DE CARVALHO
Notícia cadastrada em: 07/12/2020 11:32
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r15644-68a4915b02