Notícias

Banca de DEFESA: LUCIANO ALVES DE JESUS JÚNIOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCIANO ALVES DE JESUS JÚNIOR
DATA: 30/05/2017
HORA: 09:00
LOCAL: SALA MULTIUSO - PPGPI
TÍTULO: INDICADORES DA CULTURA DO COCO NO BRASIL COMO FORMA DE INCENTIVO AO AUMENTO DE PEDIDOS DE PATENTE.
PALAVRAS-CHAVES: Cocoicultura , Produtividade do coco, patentes
PÁGINAS: 52
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

coco no Brasil é considerado uma frutífera de grande importância econômica e social em virtude da ampla variabilidade de produtos que podem ser obtidos com a sua exploração. Nos últimos anos no Brasil o cultivo de coco vem demonstrando transformações em termos sociais, econômicos e produtivos promovendo um novo arranjo geo-produtivo. O objetivo principal deste trabalho é que com a apresentação dos dados ocorra um aumento de pedidos de patentes no Brasil relacionados com a cultura de coco. A metodologia utilizada baseou-se em formatação de tabelas com os dados, estatísticas descritivas e com testes de modelos de regressão do tipo polinomial de grau 3, sendo o melhor modelo calculado para quantidade produzida, área plantada e produtividade, embasada como método de sintetizar uma série de valores, de 1990 a 2015, obtido através de órgão oficial brasileiro. No Brasil as maiores plantações e produções de coco se concentram na região do Nordeste. A cocoicultura no estado de Sergipe representa importante fonte de renda para muitos produtores, ocupando aproximadamente 38.000 mil ha, dos quais 80% estão localizados em área de baixada litorânea e tabuleiros costeiros. Atualmente é o estado conta com a terceira maior produção e área plantada de coco no país, sendo a maior parte destinada principalmente à produção de coco seco. Isso demonstra a evolução tecnológica nos últimos 25 anos com a cultura do coqueiro.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 426680 - GABRIEL FRANCISCO DA SILVA
Presidente - 1835499 - JOAO ANTONIO BELMINO DOS SANTOS
Externo ao Programa - 1548928 - PATRICIA BELTRAO LESSA CONSTANT
Notícia cadastrada em: 29/05/2017 09:16
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r15644-68a4915b02