Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: AUSTREGÉSILO DE BRITO SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: AUSTREGÉSILO DE BRITO SILVA
DATA: 21/03/2017
HORA: 15:30
LOCAL: SALA MULTIUSO - PPGPI
TÍTULO: A CONSTRUÇÃO DE UM MODELO DE POLÍTICA DE INOVAÇÃO NO ÂMBITO DO INSTITUTO FEDERAL DO PIAUÍ: da recepção de projetos de pesquisa à transferência de tecnologia.
PALAVRAS-CHAVES: Políticas de inovação tecnológica. Modelos procedimentais. Transferência de tecnologia. Fundação de Apoio. Setor produtivo.
PÁGINAS: 125
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

A Política de Inovação nos institutos e universidades federais, apesar das dificuldades nesse setor, tornou-se importante para o desenvolvimento econômico e social das instituições científicas, tecnológicas e de inovação (ICTs). A Política de Inovação, ainda não implantada por todas as ICTs, evidencia que as poucas instituições que a implantaram nem todas conseguiram implementá-las, carecendo também de legislação interna mais abrangente e direcionada aos seus professores pesquisadores. As normas sobre a propriedade intelectual envolvendo a política de inovação de que trata a Lei nº 10.793, de 2004, está dirigida aos pesquisadores públicos. Contudo, pertinente a essas garantias, veio a Lei nº 13.243/2016, para estendê-las aos professores pesquisadores em regime de dedicação exclusiva nas instituições federais (IFs), os institutos e universidades federais. Nesse contexto, o objetivo da pesquisa foi colher dados para fundamentar as sugestões que possam contribuir para a construção de um modelo de política de inovação da recepção de projetos de pesquisa à transferência de tecnologia no Instituto Federal do Piauí (IFPI), e incrementar o desenvolvimento tecnológico e a aproximação do Instituto ao setor produtivo piauiense, visando valorizar o professor pesquisador e ser útil a outras ICTs. Considerando a realidade da atual gestão da transferência de tecnologia, deve-se destacar a necessidade da implementação da política de inovação pelo IFPI e as possíveis alternativas para minimizar ou elidir os obstáculos que enfrenta o NIT, na preparação de futuras transferências de tecnologias (TTs). A metodologia adotada foi de natureza qualitativa, de caráter exploratório, por meio de um estudo de caso. As informações foram coletadas a partir do estudo de documentos dos núcleos de inovação tecnológica dos institutos federais de educação do Nordeste, tendo como foco principal o Núcleo de Inovação do Instituto Federal do Ceará/Bahia, parâmetros da pesquisa, com análise do conteúdo de suas Políticas de Inovação. Os instrumentos de pesquisa foram a legislação interna da instituição e as entrevistas semiestruturadas aplicadas a servidores do NIT/IFPI e dos NITs IFCE/IFBA. Assim, seguindo as recomendações das leis mencionadas, a pesquisa sugere, para o alcance da pretendida aproximação da Instituição com o SPP e da valorização do pesquisador, uma reestrutura do Núcleo de Inovação Tecnológica do IFPI (NIT/IFPI) e a criação de uma fundação de apoio, como ferramenta facilitadora do financiamento de pesquisas e de remuneração do profissional pesquisador, como preceitua o atual marco legal (LED).


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 426680 - GABRIEL FRANCISCO DA SILVA
Presidente - 1689571 - JANE DE JESUS DA SILVEIRA MOREIRA
Externo à Instituição - JOSÉ CARLOS RAULINO LOPES
Notícia cadastrada em: 13/03/2017 13:41
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r15644-68a4915b02