Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: IVANILTON ALAN DE SOUZA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IVANILTON ALAN DE SOUZA SILVA
DATA: 04/02/2015
HORA: 14:00
LOCAL: Auditorio do CCBS/HU
TÍTULO: Avaliação da viabilidade de fibroblastos humanos e da composição da dentina radicular em diferentes meios de armazenagem: Um estudo in vitro
PALAVRAS-CHAVES: Ligamento Periodontal; Avulsão Dentária; Cultura; Fibroblasto
PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
RESUMO:

O propósito deste estudo foi avaliar a capacidade de manutenção das células de fibroblastos humanos e analisar a composição da dentina radicular de dentes bovinos em diferentes meios de armazenagem. Células de fibroblastos imortalizados humanos foram cultivadas em frascos contendo Meio Eagle modificado de Dulbecco (DMEM), suplementado com 20% de soro fetal bovino, 100 U/mL de penicilina/estreptomicina. Após atingir confluência as células foram tripsinizadas, contadas em hemocitômetro e plaqueadas. O meio de cultura foi removido de cada poço e as células foram expostas, nos tempos de 15, 30, 45 e 60 minutos, as soluções leite integral; ringer lactato; solução de própolis vermelho e Pedialyte. DMEM foi considerado grupo controle positivo e controle negativo água de torneira. Após os tempos experimentais, foi aplicado o método colorimétrico MTT formazan. A absorbância das amostras foi determinada pela leitura em comprimento de onda de 570nm. Para análise de composição superficial da dentina radicular por meio de FTIR foram coletados 120 incisivos bovinos. Foram confeccionadas amostras de 3x4mm de dentina radicular extraída da região cervical. As amostras foram divididas aleatoriamente entre grupos experimentais nos tempos de 15, 30, 45 e 60 minutos. Os dados foram tabulados e submetidos à análise estatística empregando Análise de Variância em fator único para os meios de armazenagem dentro de cada tempo e o fator tempo para cada meio de armazenamento, seguido dos teste de Dunnet e Teste de Tukey (P<0,05). Avaliando-se a viabilidade dos fibroblastos humanos, o leite integral apresentou níveis de viabilidade celular similar ao controle positivo e superior aos demais meios testados. No período de 60 minutos de armazenagem, aquele mais comumente realizado nas condições clínicas o meio Ringer com lactato apresentou desempenho superior aos Própolis vermelho e o pedialyte e todos estes superiores a água de torneira (controle negativo). Conclui-se que, dentre os meios experimentais, o leite demostrou melhores capacidades preservativas de fibroblastos, já quando comparamos o Ringer com lactato, o própolis vermelho e o pedialyte, o Ringer com lactato apresentou melhor eficácia.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 004.311.705-84 - LUIZ ALVES DE OLIVEIRA NETO
Interno - 1694366 - MARIA AMALIA GONZAGA RIBEIRO
Externo à Instituição - THIAGO DE SANTANA SANTOS
Notícia cadastrada em: 19/01/2015 23:26
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r10787-147c949b3