Notícias

Banca de DEFESA: JAMILE BEDOIA DO NASCIMENTO SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JAMILE BEDOIA DO NASCIMENTO SANTOS
DATA: 28/08/2020
HORA: 08:30
LOCAL: Videoconferência
TÍTULO: ASSOCIAÇÃO DA PREFERÊNCIA POR ATIVIDADES DE LAZER ATIVAS COM OS COMPORTAMENTOS DE RISCO AO ESTILO DE VIDA E ATIVIDADE FÍSICA EM ADOLESCENTES DE SERGIPE
PALAVRAS-CHAVES: Adolescente; Atividade física; Lazer ativo.
PÁGINAS: 88
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

Introdução: Em 2016 verificou-se que mais de 80% da população de escolares entre 11 e 17 anos não atendiam as recomendações de atividades físicas diárias. Objetivo: Verificar a associação entre a preferência de atividades de lazer ativos com os comportamentos de risco, fatores sociodemográficos e a prática de atividades física. Métodos: Trata-se de uma análise de levantamento epidemiológico com delineamento transversal, de dados secundários com amostra representativa de estudantes da Rede Pública Estadual de Sergipe, composta por 4151 escolares, com idade entre 14 e 19 anos. Os dados foram coletados mediante questionário auto administrado, Global School – Based Student Health Survey. Em decorrência da quantidade de variáveis, optou-se por apresentar dois estudos. Em ambos os estudo a variável dependente foi a preferência por atividades de lazer ativo. Já as variáveis determinantes os comportamentos de risco a saúde dos adolescentes, fatores sociodemográficos e prática de atividades físicas. Para análise dos dados, utilizou-se a regressão logística binária bruta e ajustada para a associação entre os desfechos e as variáveis independentes. Resultados: No primeiro estudo, a preferência por atividades de lazer ativo foi associada, ao sexo masculino [OR: 3,98 (3,44 – 4,61)], ao consumo adequado de frutas [OR: 1,36 (1,17 – 1,59)] e verduras [OR: 1,24 (1,03 – 1,48)], consumo de refrigerantes [OR: 1,32 (1,08 – 1,61)] e não exposição ao comportamento sedentário [OR: 2,34 (2,05 – 2,68)]. No segundo estudo, a preferência por atividades de lazer ativo foi associada, a atividade física nos últimos sete dias [OR: 1,98 (1,60 – 2,46)], a atividade habitual [OR: 1,81 (1,48 – 2,21)], a realização de AF no lazer [OR: 3,44 (2,95 – 4,00)], a se consideram ativo [OR: 3,15 (2,71 – 3,66)] e a participação nas aulas de educação física [OR: 1,93 (1,65 – 2,26)]. Conclusões: A preferência por atividades de lazer ativas apresentou associação com os comportamentos de risco do estilo de vida, com os fatores sociodemográficos e os fatores associados a prática de atividades físicas no tempo livre em adolescentes.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 596.345.615-00 - ALDEMIR SMITH MENEZES
Externo à Instituição - JYMMYS LOPES DOS SANTOS
Interno - 2297369 - ROBERTO JERONIMO DOS SANTOS SILVA
Notícia cadastrada em: 18/08/2020 15:20
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata4.fragata4 v3.5.16 -r12762-01b8f192c5