Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: REBECA MARÍLIA DE ALCANTARA ARAUJO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: REBECA MARÍLIA DE ALCANTARA ARAUJO
DATA: 23/03/2017
HORA: 14:00
LOCAL: Departamento de Educação Física
TÍTULO: EFEITOS DO TREINAMENTO DO MÉTODO PILATES NO PERCENTUAL DE GORDURA CORPORAL, PRESSÃO ARTERIAL E FUNÇÃO PULMONAR DE MULHERES HIPERTENSAS.
PALAVRAS-CHAVES: Pilates; pressão arterial; percentual de gordura; hipertensão; mulheres.
PÁGINAS: 51
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

Introdução: O exercício físico é considerado uma forma não medicamentosa para o tratamento da hipertensão arterial. Diante dos vários tipos e metodologias de exercícios existentes o método Pilates surgiu e vem sendo considerado um tipo de treinamento de condicionamento físico e que a cada dia aumenta o número de adeptos à prática, principalmente mulheres. Objetivo: Avaliar o efeito crônico do treinamento do método Pilates na pressão arterial sistólica (PAS), pressão arterial diastólica (PAD), pressão arterial média (PAM), percentual de gordura corporal e função pulmonar de mulheres hipertensas. Métodos: Participaram do estudo vinte e seis mulheres, sendo oito normotensas (GN) (56 ± 4,3 anos), oito hipertensas descompensadas (GHD) (58 ± 5,6 anos) e dez hipertensas controladas (GHC) (57 ± 5 anos) que foram submetidas a doze semanas de treinamento com o método Pilates, sendo duas sessões semanais e com duração de 60 minutos cada sessão. O protocolo foi composto por 10 exercícios, 3 séries de 10 repetições e com intervalo de 1 minuto entre séries. Foram medidas a PAS, PAD, PAM e percentual de gordura corporal pré e pós-treinamento. Resultados: A análise entre os grupos mostrou que o grupo de hipertensas descompensadas apresentou a PAS e PAM maior que a dos grupos GHC e GN no momento pré. E no momento pós a PAS e PAM diminuiu quando comparado com o momento pré-treinamento de Pilates no GHD, mas a PAS continuou maior quando comparada com os GN e GHC. O percentual de gordura melhorou nos grupos GHC e GHD no momento pós-treinamento. O Pilates não promoveu alteração na função pulmonar. Conclusão: O Pilates promove diminuição da PA e do percentual de gordura corporal em mulheres hipertensas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 276.084.415-34 - SILVAN SILVA DE ARAUJO
Interno - 1546651 - MARCOS BEZERRA DE ALMEIDA
Externo ao Programa - 1635611 - EVALEIDE DINIZ DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 20/03/2017 09:05
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata2.fragata2 v3.5.16 -r12712-85cc87cea5