Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ARIEL DE SOUZA GRAÇA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ARIEL DE SOUZA GRAÇA
DATA: 28/06/2018
HORA: 15:00
LOCAL: Miniauditório do CCBS, UFS - Campus de São Cristóvão
TÍTULO: Avaliação da atividade antitumoral do óleo essencial de folhas de Schinus terebinthifolius Raddi.
PALAVRAS-CHAVES: Antitumoral; Schinus terebinthifolius; Sarcoma 180;Anacardiaceae.
PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Fisiologia
RESUMO:

O câncer é um conjunto de mais de 100 doenças onde há o crescimentodesordenado de células. Ela é a segunda doença, dentre as doenças e agravosnão transmissíveis (DANT), que mais mata no mundo, causando grandeprejuízo econômico, social e emocional, tanto para o Estado, quanto para oindivíduo. Estima-se que no Brasil 600 mil novos casos irão ocorrer a cada anopara o biênio 2018-2019. Atualmente, os principais tratamentos para o câncersão a cirurgia para a retirada do tumor, a radioterapia e a quimioterapia.Entretanto muitos dos tratamentos são caros e com vários efeitos colaterais.Desta maneira o desenvolvimento de novos fármacos é indispensável. Nestaperspectiva, novos medicamentos anticâncer é uma das áreas de pesquisamais proeminentes de produtos naturais. O Brasil é um país rico emdiversidade espécies vegetais, sendo assim, promissor em descobrir fontesque ajudem ao combate de várias patologias. A Schinus terebinthifolius Raddi éuma planta da família anacardiaceae, e é encontrada em toda costa brasileira.Popularmente é usada para o tratamento de várias doenças como inflamação,sarna, dor de garganta, prurido, queimadura, dor e como agente depurativo.Vários estudos apontam que esta planta possui atividade antioxidante,antibacteriana, antifúngica, antiprotozoário, inseticida, cicatrizante,antiinflamatória, citotóxica, antimutagênica e anticancerígena. O objetivo destetrabalho foi avaliar o efeito do óleo essencial das folhas da Schinusterebinthifolius Raddi sobre a atividade antitumoral in vivo a partir decamundongos inoculados com Sarcoma 180. Para isto, as folhas da S.terebintifolius foram coletadas e em seguida o óleo essencial foi extraídoatravés do cleavenge. A cromatografia gasosa (CG) revelou que o óleo possuicomo principais constituintes o α-pineno (37,10%) e o γ-3-careno (35,83%). Oteste de atividade in vitro (MTT) verificou que o óleo, em concentraçõesinferiores a 50 μg/mL, não possui atividade citotóxica contra as linhagenscelulares PC-3, HCT-116, MCF-7, HL-60, L929 e SNB-19. Entretanto, o teste invivo, demonstrou que o óleo essencial mostrou atividade antitumoral nas dosesde 25 e 50 μg/kg/dia por via intraperitonial, apresentando um percentual deinibição de 48,7 e 76,0%, respectivamente, sendo que a dose de 50 μg/kg/dia,estatísticamente, possui o mesmo efeito do 5-FU (dose: 25 μg/kg/dia). E por fimo óleo não apresentou nenhum efeito toxicológico sistêmico, quando compradoao grupo controle (CTRL), sendo avaliado o peso corporal e dos órgãos (baço,fígado, rins, estômago e coração), o consumo de água e ração, as análiseshematológicas e bioquímicas. Diante dos resultados, podemos concluir que oóleo essencial de folhas de S. terebinthifolius Raddi, embora não tenha sidoconstatada atividade citotóxica, possui atividade antitumoral in vivo, semtoxicidade e em baixa dosagem.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ANDREA YU KWAN VILLAR SHAN
Externo ao Programa - 2312577 - LUCIANA NALONE ANDRADE
Presidente - 1694364 - SANDRA LAUTON SANTOS
Notícia cadastrada em: 12/06/2018 09:11
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r10803-399c5c35c