Notícias

Banca de DEFESA: PATRÍCIA SANTOS CUNHA MENDONÇA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PATRÍCIA SANTOS CUNHA MENDONÇA
DATA: 28/07/2017
HORA: 08:30
LOCAL: A definir
TÍTULO: Efeitos cardiovasculares do extrato aquoso das folhas de Chrysobalanus icaco em ratos normotensos e hipertensos.
PALAVRAS-CHAVES: Chrysobalanaceae; hipertensão arterial; vasorrelaxamento.
PÁGINAS: 65
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Fisiologia
RESUMO:

Chrysobalanus icaco é uma planta medicinal rica em metabólitos que apresentam efeitos hipotensor, vasorelaxante e anti-hipertensivo. Assim, o objetivo do presente trabalho foi avaliar os efeitos cardiovasculares do extrato aquoso das folhas de C. icaco (EACI) em ratos. Foi realizada a análise de polifenóis por HPLC do extrato obtido. Cateteres foram implantados na aorta e na veia cava e medidas diretas de pressão arterial média (PAM) e frequência cardíaca (FC) foram obtidas antes e após a administração intravenosa do EACI (5, 10, 20 e 40 mg/kg) em ratos normotensos, ou após administração oral (400 mg/kg; gavagem) de forma aguda ou sub-crônica por 7 dias em ratos hipertensos induzidos por L-NAME. A partir dos registros obtidos, foi realizada também a avaliação das funções autonômicas. As variações de tensão isométrica foram registradas em anéis de artéria mesentérica superior montados em cubas para órgão isolado. Nos experimentos foram utilizados ratos Wistar machos e todos os procedimentos experimentais foram aprovados (CEPA/UFS: 38/09 e 49/16). O cromatograma obtido do EACI apresentou cinco picos de compostos majoritários e destes foram identificados a rutina, quercitrina e miricitrina. O EACI, nas doses de 5 e 10 mg/kg (i.v.) induziu hipotensão transiente (-8 ± 1 e -11 ± 1%), enquanto que as doses de 20 e 40 mg/kg produziram hipotensão persistente (-14 ± 1 e -27 ± 2%; n = 7), ambas associadas à taquicardia (3 ± 1; 8 ± 2; 11 ± 4 e 20 ± 5%; n = 7). A hipotensão na dose de 40 mg/kg foi atenuada pelo pré-tratamento com L-NAME (-21,2 ± 1,9%; n = 6) ou indometacina (INDO) (-19,3 ± 3,2%; n = 6). Mas foi potencializada após hexametônio (HEXA) (‑36,7 ± 4,0%; n = 6). A taquicardia foi potencializada pela INDO (24,3 ± 2,8%; n = 6) e atenuada pelo HEXA (9,3 ± 1,4%; n = 6). O tratamento oral durante 7 dias com EACI (400 mg/kg) foi capaz de reduzir significativamente a PAM (172,4 ± 14% vs 145 ± 2,3%; n = 4/5), sem alterar a FC, além de promover redução da modulação simpática e aumento da vagal e melhora da resposta baroreflexa. Em preparações de anéis arteriais com endotélio funcional e pré-contraídas com fenilefrina, EACI (de 1 a 3000 μg/mL) induziu vasorelaxamento (Rmáx: 109,4 ± 10,0%; n = 7) que foi atenuado após a remoção do endotélio (Rmáx: 68,6 ± 11,8%; n = 10) e praticamente abolido em anéis sem endotélio funcional pré-contraídos com KCl 80 mmol/L (Rmáx: 7,1 ± 3,0%; n = 4) ou em anéis pré-incubados com TEA ou L-NAME, exceto na concentração de 3000 μg/mL. A pré-incubação dos anéis com atropina não alterou o vasorelaxamento (Rmáx: 113,3 ± 4,2%; n = 8) induzido pelo EACI. Os resultados demonstraram que o EACI induz hipotensão associada à taquicardia com envolvimento da liberação do óxido nítrico (NO) e prostaciclina (PGI2) quando administrado pela via intravenosa, e efeito anti-hipertensivo quando administrado subcronicamente pela via oral em ratos hipertensos que parece envolver uma modulação autonômica. Além disso, EACI induziu vasorelaxamento em anéis de artéria mesentérica de rato que parece envolver a participação do endotélio vascular, mediante a liberação de NO, e a ativação de canais para potássio. Porém em concentrações elevadas, seu efeito parece ser independente destas vias.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1467719 - LUCINDO JOSE QUINTANS JUNIOR
Externo ao Programa - 2027473 - MARCELO CAVALCANTE DUARTE
Presidente - 2190308 - MARCIO ROBERTO VIANA DOS SANTOS
Interno - 1694364 - SANDRA LAUTON SANTOS
Externo à Instituição - THALLITA KELLY RABELO
Notícia cadastrada em: 13/07/2017 16:24
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r10803-399c5c35c