A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: JULIANA OLIVEIRA MALTA CARDOSO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JULIANA OLIVEIRA MALTA CARDOSO
DATA: 15/12/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Vídeo conferência
TÍTULO: INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES DE NANOSÍLICA E NANO-METACAULIM NA FORMAÇÃO DA ETRINGITA TARDIA POR ATAQUE DE SULFATOS INTERNOS INDUZIDO PELO CALOR EM PASTAS CIMENTÍCIAS .
PALAVRAS-CHAVES: sulfato, etringita, nanosílica, nano-metacaulim.
PÁGINAS: 158
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

A patologia de ataque de sulfatos internos induzido pelo calor é bastante agressiva e
promove o crescimento de cristais de etringita na matriz de cimento enrijecida, podendo
levar o elemento à fissura ou colapso estrutural. A fim de mitigar essa patologia, podem
ser utilizadas adições de materiais pozolânicos nanométricos, promovendo redução na
quantidade de hidróxido de cálcio na matriz, além de maior grau de hidratação
microestrutural e refinamento de poros. Assim, foi proposto um estudo sobre a influência
das adições de nanosílica (NS) e nano-metacaulim (NMK) em conjunto, na formação da
etringita tardia (DEF) em pastas cimentícias sob cura térmica. Entretanto, para
aproveitar os benefícios das nanopartículas, é necessário utilizá-las sob a forma mais
dispersa possível. Para tal, foi realizado um estudo de caracterização e estabilidade de
suspensão de NMK, analisando titulação potenciométrica, potencial zeta, tamanho
médio de partículas, diferentes tipos de dispersantes e medidas de viscosidades ao
longo do tempo. O segundo estudo foi a caracterização das pastas com adição de NS
e NMK por DRX, TG, FTIR e MEV, avaliando aspectos da pozolanicidade e formação
da DEF. Os resultados apontaram suspensões estáveis até a idade analisada de 24 h,
com o policarboxilato sendo o dispersante que promoveu maior estabilização do
potencial zeta das suspensões, ao longo do tempo. Em relação à DEF, a adição isolada
de NS não demonstrou influência no mecanismo reacional. A adição isolada de NMK
postergou o início da DEF de 28 para 180 dias. Na pasta com adição conjunta NS+NMK,
apesar da elevada atividade pozolânica, houve DEF com 28 dias de hidratação, sendo
que com 180 dias imagens de MEV mostraram formação de etringita massiva.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2080292 - CRISTIANE XAVIER RESENDE
Externo ao Programa - 2523631 - ELIANA MIDORI SUSSUCHI
Externo à Instituição - GIBSON ROCHA MEIRA
Interno - 1495228 - IARA DE FATIMA GIMENEZ
Presidente - 426679 - LEDJANE SILVA BARRETO

Notícia cadastrada em: 17/11/2020 12:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r19181-717445561f