Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: POLLYANA SANTOS COELHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: POLLYANA SANTOS COELHO
DATA: 28/08/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório do Departamento de Farmácia (DFA) - Campus São Cristóvão
TÍTULO: EDUCAÇÃO DAS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E DECOLONIALIDADE NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS: REFLEXÕES SOBRE IDENTIDADE ÉTNICO-RACIAL, DIREITOS HUMANOS E ENSINO
PALAVRAS-CHAVES: Formação de Professores de Ciências. Ensino de Ciências. Educação das Relações Étnico-raciais. Decolonialidade.
PÁGINAS: 83
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

Inserida num cenário de batalhas por justiça social e, pesquisas e discussões acerca da inter-relação entre direitos humanos, cidadania e educação, a promulgação da lei 10.639/03, que torna obrigatória a inserção dos conteúdos de História e Cultura Afro-brasileira e Africana no âmbito de todo Currículo Oficial da Rede de Ensino, constitui-se em fruto das lutas históricas de movimentos sociais, em especial do Movimento Negro brasileiro. Materializando-se em instrumento de reparação, enfrentamento e combate ao racismo, e para além, de (re) descoberta de uma realidade histórica de apagamento e silenciamento cultural e epistêmico do povo negro. Partindo desse contexto, este trabalho apresenta os resultados parciais de uma pesquisa de mestrado em curso, que está inserida num cenário de política educacional nacional que tem como um de seus pressupostos a valorização da formação docente pautada em valores sociais pertinentes aos Direitos Humanos, através da qual buscamos (re) pensar o Ensino de Ciências e Matemática a partir de uma perspectiva histórica e epistemológica, outra. Instigados pela necessidade de desenvolvimento de estudos, que tenha como foco problematizar e interpelar a reflexão/consideração do papel da educação, em sua dimensão geral, e educação em ciências, em particular, na (re) produção do racismo e/ou antirracismo, entre outras injustiças sociais. Tendo como objetivo estabelecer diálogo, tecendo aproximações e distanciamentos, entre os processos formativos vividos pela tríade de professores de Ciências e Matemática (formador, em formação inicial, e da educação básica em formação continuada), e o papel assumido por suas práxis e perspectivas epistemológicas na Educação das Relações Étnico-Raciais junto aos/as alunos (as). E para tal, adotamos como abordagem a pesquisa qualitativa, classificada quanto aos seus procedimentos técnicos como pesquisa-ação, inspirada no movimento hermenêutico de Gadamer (2005; 2015), dada a complexidade da temática. Os dados estão sendo coletados através do mapeamento da produção acadêmica sobre a intersecção dos descritores formação de professores de ciências, ensino de ciências e educação das relações étnico-raciais, bem como de rodas de conversa com os sujeitos da pesquisa. O instrumento para tratamento e análise dos mesmos, é Análise Textual Discursiva (ATD).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1694328 - WELLINGTON BARROS DA SILVA
Interno - 1545817 - MARIA BATISTA LIMA
Externo à Instituição - BARBARA CARINE PINHEIRO
Notícia cadastrada em: 12/08/2019 14:07
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r15440-bf36319aa9