Notícias

Banca de DEFESA: ALDECI DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALDECI DOS SANTOS
DATA: 14/07/2017
HORA: 08:30
LOCAL: Sala do PPGED
TÍTULO: PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL SOBRE O ECOSSISTEMA MANGUEZAL
PALAVRAS-CHAVES: Percepção Ambiental, Mapas Mentais, Ecossistema Manguezal
PÁGINAS: 115
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

O presente trabalho objetivou contribuir para a preservação ambiental dos manguezais através da Percepção Ambiental dos alunos do 6º ano de uma escola pública no município de Barra dos Coqueiros/SE. Para seu desenvolvimento, optou-se pela abordagem metodológica qualitativa, com viés ao estudo de caso. Quanto ao delineamento metodológico da pesquisa, esta foi dividida em três momentos: 1) diagnóstico sobre as percepções prévias dos alunos através de questionários e mapas mentais; 2) Realização de uma intervenção didática sobre abordagens do manguezal do município; 3) comparativo dos mapas mentais antes e pós intervenção educativa, afim de verificar se houve mudanças na percepção dos alunos. Ressalta-se ainda que todas as etapas mencionadas, foram realizadas durante as aulas de Ciências. Para a análise e interpretação dos mapas mentais confeccionados pelos alunos na primeira fase do trabalho, utilizou-se a metodologia proposta por Kozel (2001). A utilização do questionário e mapas mentais anteriores a intervenção didática apresentou importantes contribuições, no sentido de avaliar as percepções dos alunos quanto ao ecossistema manguezal, onde constatou-se que os discentes já apresentavam um conhecimento prévio quanto ao ecossistema. Já a intervenção didática contribuiu significativamente no processo de ensino e na ampliação do conhecimento que os alunos já apresentavam, sempre com enfoque para as questões ambientais. Quanto aos mapas mentais posteriores à intervenção, os alunos além de desenharem, fizeram uma descrição do que haviam ilustrado, facilitando assim o entendimento dos desenhos. Nos mapas e descrições supracitados, identificamos que a maioria dos discentes ressaltou os principais problemas ambientais a exemplo do lixo, como também a importância do ecossistema, tanto para a população que utiliza o manguezal como fonte de subsistência, como também para fauna local e animais visitantes. Foi possível constatar também que o entorno pode afetar o indivíduo e vice-versa, por meio de uma diversidade de interpretações positivas e negativas, com algumas visões distorcidas e depreciativas quanto ao ambiente foco do trabalho. Assim, a educação ambiental faz-se necessária no intuito de realizar, junto aos alunos, um processo de sensibilização quanto aos aspectos atitudinais, contribuindo para a preservação do ambiente ao seu redor, além de favorecer e estimular as relações mais estreitas destes com seu meio.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3134383 - CARLOS ALBERTO DE VASCONCELOS
Interno - 2926781 - YZILA LIZIANE FARIAS MAIA DE ARAUJO
Externo à Instituição - MARTA CRISTINA VIEIRA FARIAS
Notícia cadastrada em: 05/07/2017 23:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r15440-bf36319aa9