Notícias

Banca de DEFESA: MARIA ELANE MENDONÇA SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA ELANE MENDONÇA SANTOS
DATA: 07/03/2017
HORA: 14:00
LOCAL: A Definir
TÍTULO: Concepções sobre Ciência, Tecnologia e Sociedade e concepções de ensinar de futuros professores de ciências inseridos em um projeto baseado em Arranjos Produtivos Locais.
PALAVRAS-CHAVES: Relações CTS; concepções de ensinar Ciência e Tecnologia; Formação inicial de professores.
PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
RESUMO:

Nesta pesquisa, foi realizado um estudo sobre as concepções de Ciência, tecnologia
e sociedade (CTS) e as concepções de ensinar ciência de futuros professores da área
de ensino de ciências, que participam de um projeto institucional que trata da temática
Ciência e tecnologia na escola básica. A investigação se deu durante o período de
vigência do projeto, à medida em que 19 estudantes vivenciavam momentos distintos
das propostas formativas. A primeira intervenção teve o objetivo de coletar as
concepções sobre CTS. Para tal, foi utilizado o questionário VOSTS, adaptação de
Canavarro (2000). A segunda intervenção procurou investigar as concepções de
ensinar ciência e tecnologia. Neste caso, foi pensada uma entrevista que tinha como
eixo teórico as sete deformações de Cachapuz e colaboradores (2011). A terceira
intervenção teve como meta investigar as relações CTS tecidas pelos alunos, sendo
esta etapa ocorrida quase na metade do andamento do projeto institucional. O
levantamento foi realizado a partir da proposição de diagramas mais adequados e
menos adequados atribuídos a CTS. No quarto e último momentos, coletou-se as
concepções sobre ensinar ciência e tecnologia novamente. Utilizou-se a entrevista do
segundo momento readaptada, mas com a perspectiva de provocar as concepções
dos alunos. Percebeu-se que ao longo do processo da investigação, os momentos
vivenciados pelos alunos contribuíram, de certa forma, para a compreensão de
determinados fatores vistos como essenciais na formação do professor de ciências,
como a postura diante do papel da experimentação e da teoria, a aplicação da
construção do conhecimento científico de forma contextual e as relações CTS no
cotidiano. A medida em que se analisou os quatro momentos percebe-se a
necessidade de discussões acerca da Natureza da Ciência nas universidades, uma
vez que a visão distorcida sobre Ciência e Tecnologia repercute nas concepções CTS
e na própria concepção de ensinar ciência por não conseguirem compreender qual o
papel da ciência nesse processo. Dessa forma, enfoca-se a necessidade de
discussões pautadas na perspectiva CTS nos cursos de ciências, para melhor
compreender a importância e o papel do professor na tomada de decisões dos alunos,
formando cidadãos aptos a compreender e modificar a sociedade e assim promover
a Alfabetização Cientifico-Tecnológica.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1655045 - ERIVANILDO LOPES DA SILVA
Interno - 1296993 - DIVANIZIA DO NASCIMENTO SOUZA
Externo à Instituição - MARIA EUNICE RIBEIRO MARCONDES
Notícia cadastrada em: 07/03/2017 09:41
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r15368-99f189d34b