Notícias

Banca de DEFESA: FERNANDA RAMOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FERNANDA RAMOS SANTOS
DATA: 29/05/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 9 Bloco A Departamento de Biologia
TÍTULO:

Educação Ambiental: Concepções e práticas pedagógicas de professores da rede pública municipal de Simão Dias/ SE


PALAVRAS-CHAVES:

COM-VIDAs – escolas – Simão Dias.


PÁGINAS: 94
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Tópicos Específicos de Educação
RESUMO:

No enfrentamento da atual crise ambiental, compreendida por muitos como uma crise civilizacional, que, mais que somente ecológica assume também um caráter social, surge a Educação Ambiental com o compromisso de promover mudanças de valores, comportamentos e atitudes para a construção de uma sociedade cada vez mais justa e ambientalmente sustentável. Assim, reconhecendo os diferentes contextos possíveis para a realização da Educação Ambiental, o presente estudo procurou pesquisar dentro do contexto escolar as concepções e práticas pedagógicas em Educação Ambiental de professores da rede pública municipal de Simão Dias. Para essa análise foram investigados: perfil do professor e a sua formação em educação ambiental, prática pedagógica, concepções sobre meio ambiente e Educação Ambiental, além da atuação das COM-VIDAs (Comissão de meio Ambiente e Qualidade de Vida na Escola). Sendo esta caracterizada como uma pesquisa de natureza quali-quantitativa, questionários e entrevistas semiestruturadas foram utilizados como recursos metodológicos. Em um universo de 89 professores, das diferentes áreas do conhecimento, que atuam nas séries finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º Ano), 54 participaram voluntariamente da pesquisa respondendo aos questionários. Destes professores, seis também manifestaram interesse em participar das entrevistas semiestruturadas. Quanto às concepções de meio ambiente, alguns destes professores já reconhecem o meio ambiente em uma concepção mais ampla, considerando não apenas os aspectos biológicos, mas também, os aspectos econômicos, sociais, políticos e culturais. Contudo, apesar de professores apresentarem uma visão ampla de meio ambiente e reconhecerem diversos problemas ambientais da comunidade escolar, ainda são poucas as ações realizadas nas escolas, através da atuação das COM-VIDAs, na perspectiva de discutir e propor soluções para as questões ambientais da comunidade local.  Desta forma, reconhecemos a necessidade de fortalecer o trabalho das COM-VIDAs, para garantir o caráter permanente, crítico e transformador da Educação Ambiental. Para isso, é importante que o município promova, através da Secretaria Municipal de Educação, a continuidade dos encontros municipais em Educação Ambiental, bem como, ofereça cursos de formação continuada para os professores, na perspectiva destes apresentarem subsídios teórico-metodológicos para a inserção da Educação Ambiental no contexto escolar.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 426682 - CARMEN REGINA PARISOTTO GUIMARAES
Interno - 265070 - MYRNA FRIEDERICHS LANDIM DE SOUZA
Notícia cadastrada em: 23/05/2013 11:58
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r15440-bf36319aa9