A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: SHIRLEY AZEVEDO BARRETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SHIRLEY AZEVEDO BARRETO
DATA: 06/06/2022
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório do PRODEMA
TÍTULO: Relação entre variavéis climatólogicas e morbimortalidade por doenças respiratorias de crianças e idosos no município de Aracaju-SE.
PALAVRAS-CHAVES: Climatologia. Doenças Respiratórias. Mortalidade. Morbidade. Saúde.
PÁGINAS: 213
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

As variações no clima têm gerado uma crescente preocupação quanto aos potenciais efeitos à saúde da humanidade, especialmente aqueles relacionados às doenças que podem causar um aumento na morbimortalidade em diferentes regiões do mundo, em especial nos países em desenvolvimento. Nesse sentido, a presente pesquisa tem por objetivo analisar a influência das variáveis meteorológicas e a morbimortalidade das crianças e idosos, por doenças respiratórias no município de Aracaju. Como universo da pesquisa, foi escolhida a área geográfica de Aracaju, localizada na região Nordeste do Brasil e que, em função do rápido e grande aumento do desenvolvimento urbano, vem provocando degradação ambiental, influenciando, sobremaneira, na saúde da população residente no município supracitado. Foi realizada uma análise da relação existente entre as variáveis meteorológicas: temperatura, umidade relativa do ar, precipitação pluvial, velocidade do vento, e as ocorrências de doenças e mortes por causa de Doenças do Aparelho Respiratório nos grupos de crianças (0-4 anos) e de idosos (acima de 60 anos), como também por gênero. O método de abordagem utilizado foi o Hipotético Dedutivo, quantitativo, quanto ao método de procedimento, foram usadas técnicas estatísticas com o objetivo de gerar resultados e conhecimentos por meio da execução prática. A coleta de dados foi realizada por meio da busca de informações no banco de dados digitais do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), para direcionamento do arranjo dos fatores climáticos e populacionais, frente ao estudo epidemiológico descritivo, realizado a partir de informações de dados sobre morbimortalidade registrados no banco de dados da Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju e DATASUS. A amostra está composta pelos casos de mortalidade ocorridos no município no período de 2000 a 2020, bem como os casos de morbidade no período de 2008 a 2020. Os resultados estatísticos apontaram que as variáveis meteorológicas, nas medições obtidas para a cidade de Aracaju, nos períodos estudados, não se mostraram adequadas para descreverem o comportamento das morbimortalidades ocorridas nos idosos nos gêneros femininos e masculinos e no grupo de crianças, em análise realizada por meio da técnica multivariada de análise de regressão e correlação canônica. Nesse sentido, entendemos, portanto, que as variações meteorológicas, em Aracaju, não apresentaram significância estatística nas doenças respiratórias, mas a análise de correlação mostrou resultados significativos nos casos de pneumonia, como também, há uma relação expressiva dos dados de morbimortalidade com os períodos climáticos por doenças respiratórias em crianças e idosos. Por fim, concluímos que as variáveis meteorológicas têm maior influência na morbidade em crianças e idosos do que na mortalidade.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 4178490 - INAJA FRANCISCO DE SOUSA
Interno - 1807439 - JAILTON DE JESUS COSTA
Externo à Instituição - ALANE REGINA RODRIGUES DOS SANTOS

Notícia cadastrada em: 27/05/2022 11:48
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema3.ema3 v3.5.16 -r18156-ca4d4a6fac