A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ROBSON DA COSTA FERREIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROBSON DA COSTA FERREIRA
DATA: 29/03/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Sala remota Classroom
TÍTULO: PLANEJAMENTO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE: conexões de saberes na comunidade São João Batista, arquipélago do Bailique-AP
PALAVRAS-CHAVES: Palavras-Chave: Saberes. Sustentabilidade. Territorialidade. Amazônia Oriental.
PÁGINAS: 39
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Esta pesquisa objetiva compreender as inter-relações dos saberes locais e tradicionais para o planejamento ambiental sustentável na comunidade São João Batista, no arquipélago do Bailique-AP. A metodologia fundamenta-se em um estudo de caso, com uma abordagem quali-quantitativa, a qual permite focar em aspectos particulares da comunidade, sem perder de vista a noção holística que este tipo de estudo requer, além de contribuir para o conhecimento dos fenômenos individuais, grupais, organizacionais e sociais da realidade existente. A realização ocorrerá através das seguintes etapas: 1) levantamento bibliográfico de estudos pré-existentes sobre o território; 2) condução dos procedimentos éticos; 3) observações direta in loco para identificação das formas de uso e ocupação; 4) aplicação de questionários semiestruturados para traçar o perfil socioambiental da comunidade; e 5) oficina de Cartografia Socioambiental. Esta última compreenderá a construção participativa de mapas temáticos sobre o planejamento ambiental e as práticas desenvolvidas pela comunidade, bem como as problemáticas e soluções apontadas, e a relação com os saberes locais. As análises dos mapas temáticos serão fundamentadas na Geoecologia da Paisagem, e as falas que serão transcritas das gravações das oficinas serão analisadas na concepção do Coletivo de Pensamento e Estilo de Pensamento. Dessa forma, espera-se como resultados: a consolidação da elaboração de um diagnóstico socioambiental da comunidade; a construção de mapas cognitivos da inter-relação entre os saberes locais e o planejamento ambiental de maneira interdisciplinar e transversal; uma análise da cartografia socioambiental dos comunitários e suas interligações com o planejamento ambiental participativo sustentável; a identificação das potencialidades e fragilidades socioambientais locais, bem como, as formas de uso e ocupação territorial; além de propostas de ações mitigadoras para o desenvolvimento territorial sustentável, a partir dos saberes locais e tradicionais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3185055 - GICÉLIA MENDES DA SILVA
Interno - 1190318 - NUBIA DIAS DOS SANTOS
Externo à Instituição - HELENA CRISTINA GUIMARAES QUEIROZ SIMÕES
Externo à Instituição - HELOÍSA THAÍS RODRIGUES DE SOUZA
Externo à Instituição - RAIMUNDA KELLY SILVA GOMES

Notícia cadastrada em: 15/03/2022 12:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema2.ema2 v3.5.16 -r18160-36a7f68df5