A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: VANEI PIMENTEL SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VANEI PIMENTEL SANTOS
DATA: 25/03/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Google meet
TÍTULO: A CIDADE COMO TERRITÓRIO DE INTERAÇÕES ECOLÓGICAS: ANÁLISE DA ECOMOTRICIDADE URBANA NA ORLA DE ATALAIA EM ARACAJU-SE
PALAVRAS-CHAVES: ambiente urbano; orla; interações ecológicas; ecomotricidade.
PÁGINAS: 65
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A orla, território físico de transição entre a “natureza selvagem” e o urbano (theedge), se constitui também como relevante território de significações simbólicasdas relações ser humano-natureza em contextos da “ecomotricidade” (açãointencional lúdica e ecológica). Tal pressuposto é sensível à observância daslegislações ambientais vigentes, das particularidades culturais da localidade edos projetos ecológicos de design da orla. Alicerçada nestes parâmetrosbásicos, a pesquisa analisará as estruturas (físicas-simbólicas) que constituemo território da Orla de Atalaia na cidade de Aracaju, Sergipe. A partir destaanálise, objetiva-se evidenciar potencialidades e limitações de interaçõesecológicas na Orla de Atalaia como expressão do que denominaremos“ecomotricidade urbana”. Os dados para constituição do corpus serãolevantados a partir de análise documental dos projetos de design da Orla deAtalaia, observações diretas de interações in loco (incluindo captação deimagens de referência como instrumento de diário de campo) e entrevistasestruturadas com indivíduos com experiências regulares de com-vivência coma Orla de Atalaia. Como dado complementar, também serão analisados osprojetos de design da Orla Sul, atualmente em fase de construção na cidade deAracaju. Os dados serão analisados a partir do método ecofenomenológico daecomotricidade, incluindo múltiplos procedimentos de análise. Trata-se,
portanto, de pesquisa qualitativa, descritiva e de campo, a fim de observar,registrar e analisar fenômenos que subsidiem a produção de conhecimentoscapazes de descrever a dinâmica socioambiental a partir de expressões daecomotricidade urbana. A melhor compreensão sobre as potencialidades elimitações de interações ecológicas na Orla de Atalaia traz valiosa contribuiçãopara os estudos com ênfase nas relações ser humano-natureza, especialmenteassociados às áreas da ecofenomenologia e da psicologia ambiental, e para afutura formulação de designs ecológicos em áreas urbanas, com implicaçãodireta a políticas públicas e a gestões sustentáveis para o lazer.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2082011 - CAE RODRIGUES
Interno - 3185055 - GICÉLIA MENDES DA SILVA
Externo ao Programa - 1778934 - MARINA DE SOUZA SARTORE

Notícia cadastrada em: 10/03/2022 21:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema2.ema2 v3.5.16 -r18154-6e174eae4e