Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ESTER MILENA DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ESTER MILENA DOS SANTOS
DATA: 07/02/2020
HORA: 09:00
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: AVALIAÇÃO INTEGRADA E PARTICIPATIVA DOS IMPACTOS AMBIENTAIS SOBRE A QUALIDADE DAS ÁGUAS NO ESTUÁRIO DO RIO POXIM.
PALAVRAS-CHAVES: Esgoto Sanitário. Estatística. Geoprocessamento. Gestão Participativa. Urbanização.
PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A água é um recurso essencial e um elemento territorialmente estratégico para diversas sociedades. Contudo, tendo em vista o crescimento populacional e o atual modelo de desenvolvimento econômico, muitos centros urbanos crescem desordenadamente impactando recursos ambientais adjacentes. Essa é a realidade de muitos centros urbanos brasileiros, como o município de Aracaju, o qual apresenta um crescimento urbano desordenado sobre ecossistemas costeiros e margens de rios estuarinos, além de déficit em serviços de saneamento básico como coleta e tratamento de esgoto sanitário. Nos últimos anos, medidas vêm sendo implementadas de forma a assegurar à disponibilidade e à qualidade da água às presentes e futuras gerações. Ademais, crescem as discussões acerca das ações voltadas ao gerenciamento de recursos hídrico baseado no paradigma da integração com os demais recursos naturais, da descentralização administrativa e institucional e da participação social. Posto isso, a presente pesquisa visa avaliar, frente ao uso e ocupação da área e a gestão do recurso hídrico, o impacto na qualidade da água devido ao lançamento das fontes pontuais de esgoto sanitário ao longo do trecho de estuário do rio Poxim. Sua abordagem é quali-quantitativa de caráter descritivo e explicativo, envolvendo as pesquisas bibliográficas, documentais e experimentais. Seu procedimento metodológico se constituirá da caracterização dos recursos ambientais, do diagnóstico rápido participativo e do levantamento das condições de poluição do trecho. A caracterização envolverá a construção de mapas e análise de dados primários e secundário associados ao meio físico, biológico e socioeconômico e ao processo de urbanização na área. O diagnóstico envolverá a realização do mapeamento participativo e será realizado junto aos moradores do bairro Jabotiana, conjuntos JK e Sol Nascente - escolhidos pela sua atuação em defesa do rio. Por fim, o levantamento das condições de poluição do trecho, compreenderá o levantamento e a identificação das fontes de poluição através de mapas e de planos, além da avaliação da qualidade da água. Essa avaliação englobará a execução de um plano de amostragem e análise dos seguintes parâmetros: salinidade, condutividade elétrica, temperatura da água, pH, turbidez, sólidos totais, oxigênio dissolvido, nitrogênio amoniacal, nitrato, fósforo total, carbono orgânico total e coliformes termotolerantes. A interpretação dos dados dessa análise contará com a utilização de métodos estatísticos executados no software livre R. Com os resultados, portanto, espera-se contribuir com um maior conhecimento de ambientes estuarinos sergipanos, como também, na sensibilização dos moradores, com o intuito de auxiliá-los numa atuação ativa no processo de conservação do recurso hídrico.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2579022 - GREGORIO GUIRADA FACCIOLI
Interno - 279481 - ROSEMERI MELO E SOUZA
Externo à Instituição - SILVÂNIO SILVÉRIO LOPES DA COSTA
Notícia cadastrada em: 30/01/2020 15:33
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r13123-abfc75de94