Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ALEXANDRE HERCULANO DE SOUZA LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALEXANDRE HERCULANO DE SOUZA LIMA
DATA: 01/02/2019
HORA: 16:00
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: ANÁLISE ESPAÇO-TEMPORAL DA FRAGMENTAÇÃO FLORESTAL NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO SÃO FRANCISCO
PALAVRAS-CHAVES: mapeamento, sensoriamento remoto, ecologia da paisagem, métrica da paisagem.
PÁGINAS: 35
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Recursos Florestais e Engenharia Florestal
SUBÁREA: Conservação da Natureza
ESPECIALIDADE: Conservação de Bacias Hidrográficas
RESUMO:

Apesar da grande disponibilidade de recursos hídricos no Brasil, não ocorre uma distribuição equitativa destes recursos. Juntamente com a questão da escassez hídrica, o desmatamento se revela como outra problemática ambiental nas bacias hidrográficas. A bacia hidrográfica do Rio São Francisco se destaca devido a sua vasta extensão, relevância para o país e pela sua complexidade ambiental, por ser detentora de diferentes processos de degradação, os quais carecem de investigações cientificas periodicamente. Neste contexto, as geotecnologias, ou seja, o conjunto de novas tecnologias ligadas a geociências, com destaque para o geoprocessamento e sensoriamento remoto, por atuarem com a precisão de informações georreferenciadas, além de possibilitarem a geração informações qualitativas e quantitativas do espaço, surgem como alternativa para a viabilização da gestão ambiental das bacias hidrográficas. Desta maneira, o objetivo geral deste trabalho se constitui em realizar uma análise espaço-temporal da fragmentação florestal da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco. Para tanto será utilizada a abordagem da ecologia da paisagem, como também os índices responsáveis pela mensuração da estrutura da paisagem, denominados métricas da paisagem. Além disso, serão mapeadas as dinâmicas de uso e cobertura da terra, com enfoque na vegetação ao longo dos anos de 1997, 2007 e 2017. Espera-se que assim possam ser constatados os principais processos de degradação ambiental que ocorrem no espaço da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco no decorrer do tempo, tornando possível a propostas de medidas mitigadoras para impactos ambientais negativos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1739891 - MILTON MARQUES FERNANDES
Interno - 1141161 - DANIELA PINHEIRO BITENCURTI RUIZ ESPARZA
Externo à Instituição - MARCIA RODRIGUES DE MOURA FERNANDES
Notícia cadastrada em: 23/01/2019 16:19
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r10787-147c949b3