Notícias

Banca de DEFESA: ALESSANDRA SANTANA PEREIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALESSANDRA SANTANA PEREIRA
DATA: 25/02/2016
HORA: 15:00
LOCAL: PRODEMA
TÍTULO: Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em Nossa Senhora da Glória: Desafios à Sustentabilidade Socioambiental
PALAVRAS-CHAVES: Resíduos Sólidos. Degradação Ambiental. Coleta Seletiva. Educação Ambiental. Qualidade de vida.
PÁGINAS: 61
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A Coleta Seletiva e a Educação Ambiental têm se tornado importante aliados da gestão resíduos sólidos urbanos, o primeiro devolvendo ao ciclo produtivo matérias que seriam destinados aos vazadouros; e o segundo agindo na sensibilização dos atores sociais para que tenham consciência dos problemas socioambientais enfrentados por sua comunidade. O presente estudo teve como objetivo analisar a gestão dos resíduos sólidos na cidade de Nossa Senhora da Glória/SE. A metodologia fundamentou-se no método hipotético-dedutivo, optando-se por uma pesquisa descritiva, exploratória e de natureza quantitativa e qualitativa. Os dados foram coletados através de fontes bibliográficas e documentais; questionários aplicados junto aos docentes, discentes e servidores das escolas municipais Tiradentes, Presidente Tancredo Neves, Professor José Augusto Barreto e Antônio Francisco dos Santos. Já as entrevistas foram realizadas com os Secretários de Meio Ambiente, Educação e Ação Social, além dos catadores de recicláveis. Ainda foi efetuado o mapeamento de pontos onde ocorre descarte de resíduos sólidos, localização do lixão da cidade e das escolas já citadas. Também foi desenvolvido um Diagnóstico Rápido Participativo com os atores sociais envolvido no estudo. Como um dos principais resultados desta pesquisa, pode-se destacar que a gestão dos resíduos sólidos na cidade considerada Capital do Sertão Sergipano acontece de forma precária e ambientalmente inadequada, quanto aos equipamentos de segurança, tratamento e disposição final, sendo verificada a inexistência de coleta seletiva. Os resíduos produzidos são todos depositados em lugar a céu aberto, ou seja, direcionados ao lixão. Através de visitas ao local de estudo evidenciou-se que o município tem um potencial muito grande em relação aos recicláveis, pois mais de vinte famílias sobrevivem da venda desse material, porém nem todos os recicláveis depositados no lixão são recolhidos, se perdendo um alto número de materiais. As considerações finais ressaltam a necessidade de políticas de resíduos sólidos dentro do município, que defina e envolva a todos os setores sociais, desde a geração, até a disposição final adequada. No final, ainda é proposto alguns passos para ser elaborado um Programa de Coleta Seletiva nas escolas municipais.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1316620 - ALCEU PEDROTTI
Presidente - 426314 - JOSE DALTRO FILHO
Externo à Instituição - KELMA MARIA VITORINO ALMEIDA
Externo ao Programa - 140555 - MARCOS CABRAL DE VASCONCELLOS BARRETTO
Interno - 2222763 - MARIA JOSE NASCIMENTO SOARES
Notícia cadastrada em: 25/01/2016 15:26
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r10668-754907a47