Notícias

Banca de DEFESA: MANUELA MARIA PEREIRA DO NASCIMENTO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MANUELA MARIA PEREIRA DO NASCIMENTO
DATA: 20/02/2014
HORA: 14:30
LOCAL: Universidade Federal de Sergipe
TÍTULO: Habitação "popular" de mercado: relações com o ambiente urbano na região metropolitana de Aracaju/SE.
PALAVRAS-CHAVES: Provisão habitacional - Ambiente urbano e Região Metropolitana de Aracaju
PÁGINAS: 160
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
SUBÁREA: Geografia Humana
ESPECIALIDADE: Geografia Urbana
RESUMO:

Atualmente as ações de provisão habitacional no Brasil possuem elevada complexidade institucional e financeira, apesar da sua massiva divulgação em propaganda demasiadamente simples. Observa-se que as políticas habitacionais são materializadas por interesses originários do ideário de crescimento acelerado da política em nível nacional e, portanto, apresentam-se em diversos casos, desconectadas da dinâmica regional e demandas socioambientais locais. Esta pesquisa fustifica-se então, pela necesidade de análise dos desdobramentos e efeitos da nova política habitacional brasileira, situando-a no contexto das diferenciações intrametropolitanas. Definiu-se a partir daí, como objetivo geral analisar a expansão habitacional da Região Metropolitana de Aracaju, no período de 2000 e 2013, considerando suas relações com o ambiente urbano, situação da infraestrutura e o surgimento de novos aglomerados de edificações. Para tanto, realizou-se pesquisa bibliográfica, documental e de dados secundários, bem como a observação direta e levantamento fotográfico em campo. Além disso, identificaram-se a partir de indicadores socioambientais e análise cartográfica as áresa da Região Matropolitana com adensamento de edificações enquadradas nos financiamentos governamentais desde a década de 2000 e, analisaram-se as condições de infraestrutura urbana dos novos espaços mediante as categorias de análise estabelecidas. Conclui-se que em se tratando das questões formuladas para pesquisa a aplicação dos recursos do Governo Federal em habitação, nas áreas que têm seus efeitos mais evidenciados, não ocorre em concordância com as dimensões socioambientais estabelecidas em sua política e programas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 426626 - HELIO MARIO DE ARAUJO
Interno - 1834882 - ARIOVALDO ANTONIO TADEU LUCAS
Externo à Instituição - EDNA MARIA FURTADO
Notícia cadastrada em: 27/01/2014 16:22
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - fragata2.fragata2 v3.5.16 -r12838-31cfbbda77