Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCELA DOREA BATTESINI

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCELA DOREA BATTESINI
DATA: 11/09/2013
HORA: 09:00
LOCAL: PRODEMA Sala 02
TÍTULO: AVALIAÇÃO DOS INDICADORES DE QUALIDADE DE HABITAT E SUSTENTABILIDADE ECOLOGICA DOS RECURSOS HÍDRICOS NA MATA DO CÍPO, SIRIRI – VIVO, SERGIPE
PALAVRAS-CHAVES: Recursos Hídricos; Avaliação Socio-Ambiental; Indicadores de Sustentabilidade.
PÁGINAS: 41
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

Este estudo propõe avaliar a qualidade do habitat de um fragmento de floresta Atlântica, denominada de Mata do Cipó, localizada no município de Siriri-SE. Esta mata apresenta componentes estruturais e funcionais de uma vegetação ciliar, que em hipótese ainda mantém seus elementos em uma dinâmica natural, de forma equilibrada?. Porém, o uso de forma indiscriminada dos solos, a apropriação dos recursos hídricos e as atividades humanas podem levar a um rompimento da estabilidade sistêmica quando estas atividades são constantes e/ou diversificadas. Estas afetam direta e/ou indiretamente a flora e a fauna local. Estes elementos que caracterizam o ecossistema foram observados na Mata do Cipó e foi percebido que os mesmos protegem as nascentes do rio Siriri. As águas deste rio são utilizadas por diversos fins que vão além do consumo humano. A área tem um grande potencial para ser explorada em nível de atividades impactantes, como: a extração de minérios da carnalita e rochas, expansão das atividades agropecuárias, tais como: plantação de cana, criação de gado e agricultura familiar. Sendo assim, este trabalho tem por objetivo específicos: realizar um panorama socioambiental da comunidade de entorno da Mata do Cipó; analisar os parâmetros físico-químicos dos recursos hídricos; avaliar a qualidade e estrutura do habitat local e, por último, fazer uma matriz de hierarquização dos indicadores ambientais; Tem como meta propor o uso dos indicadores de qualidade ambiental e sustentabilidade dos recursos hídricos. Tais indicadores serão encontrados nos parâmetros físicos, químicos da água, qualidade do habitat por meio de um Protocolo de Avaliação Rápida, este mede os fatores de estado da cobertura arbórea associados aos aspectos funcionais e estruturais dos riachos. O estudo avalia os possíveis atores sociais e fatores econômicos como geradores de pressão interna e externa sobre a mata e os recursos hídricos, completa assim, o triangulo da sustentabilidade de desenvolvimento local.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 388007 - ADAUTO DE SOUZA RIBEIRO
Externo ao Programa - 1362555 - MARIA DO SOCORRO FERREIRA DA SILVA
Interno - 1153037 - STEPHEN FRANCIS FERRARI
Notícia cadastrada em: 23/08/2013 16:08
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bemtevi1.bemtevi1 v3.5.16 -r10787-147c949b3