A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: ANNA LAUREN COSTA NASCIMENTO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANNA LAUREN COSTA NASCIMENTO
DATA: 24/02/2015
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório departamento de Medicina Veterinária (DMV)- UFS
TÍTULO: Utilização do extrato aquoso de noni em diluente para congelamento de sêmen de carneiro
PALAVRAS-CHAVES: antioxidante, espermatozoides, lipoperoxidação, meio diluidor
PÁGINAS: 35
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Produção Animal
RESUMO:

O experimento foi realizado no município de São Cristóvão, região metropolitana de Aracaju na Universidade Federal de Sergipe. E foi realizado com objetivo de avaliar a viabilidade de semen ovino submetido a diluição contendo diferentes quantidades de extrato aquoso de noni (Morinda citrifolia L). Os tratamentos diferiram quanto a inclusão do extrato aquoso ao meio diluidor em T1 tratamento controle, sem adição de extrato; T2 diluente contendo 24 µg/mL; T3 com 72 µg/mL e T4 120 µg/mL de extrato. Foram coletados 16 ejaculados os quais foram analisados diluídos entre os tratamentos e congelados. Após a descongelação o sêmen foi submetido ao teste de termorresistência e avaliado quanto a motilidade subjetiva, vigor espermático, teste de integridade de membrana pelo teste hiposmótico e teste supravital. O noni foi avaliado quanto as suas características físico-químicas apresentando como resultados ph=4,12; Acidez titulável = 8,78%; Sólidos solúveis = 8,18°Brix e teor de Vitamina C = 309,43 mg.100-1. O extrato aquoso do noni foi avaliado quanto a quantificação de compostos fenólicos totais, atividade antioxidante e capacidade de inibição da peroxidação lipídica. O extrato apresentou quantidades de fenóis totais de 47,96 ± 1,95 mg Eq. Ácido Gálico.100g-1 do extrato. Na concentração de 3,0 μg.mL-1 no tempo de 30 minutos apresentou uma atividade antioxidante de 89,35 ± 2,32 %. Sendo observado também que apenas 1,2± 0,15 µg/mL da amostra é suficiente para reduzir o DPPH em 50%. Apresentou uma excelente capacidade redox em inibir a lipoperoxidação na concentração de 10 µg.mL-1, sendo semelhante estatisticamente (p<0,05) ao controle positivo sintético Trolox O extrato nas concentrações de 72 e 120 mg.mL-1 foi capaz de inibir a lipoperoxidação no meio diluidor em 21,75% e 51,32%.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1645905 - ANSELMO DOMINGOS FERREIRA SANTOS
Externo à Instituição - VALESCA BARRETO LUZ
Interno - 2176639 - VERONALDO SOUZA DE OLIVEIRA

Notícia cadastrada em: 28/01/2015 11:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - bemtevi1.bemtevi1 v3.5.16 -r18160-36a7f68df5