Notícias

Banca de DEFESA: MIRACI DOS SANTOS CORREIA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MIRACI DOS SANTOS CORREIA
DATA: 29/08/2015
HORA: 13:30
LOCAL: Sala de aula do PPGS - Didática 2
TÍTULO: ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DA POLÍTICA DE SAÚDE DA POPULAÇÃO NEGRA NO ESTADO DE SERGIPE.
PALAVRAS-CHAVES: Política , Conselho, Saúde.
PÁGINAS: 56
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO:

A pesquisa visa analisar a política de saúde da população negra, a partir de duas vertentes a primeira de entender como surgiu uma política pública especificamente para a população negra e a segunda estudar como se deu a sua implantação no Estado de Sergipe. Inquietava-se saber quais os atores envolvidos neste processo e como se relacionaram com o Estado durante sua implantação? O lócus da pesquisa foram os representantes da sociedade civil, através das lideranças do movimento negro, representantes do poder público e documentos oficiais, além disso, buscou-se analisar a conjuntura deste período para compreender as ações interventivas do Estado. Os resultados alcançados foram os seguintes: Os espaços de socialização, as redes de relacionamentos como o espaço de formação, o trabalho e as vivências políticas foram essenciais para o engajamento no Comitê. Destaque para os profissionais da área de saúde, não só pelo conhecimento na área, mas também pela participação ativa do profissional. Pôde- se verificar que os saberes mobilizados no Comitê consistem na militância e sobressai em um primeiro momento, nesse espaço quem domina o conhecimento acerca da Política Pública de saúde. Embora, para ser conselheiro não exija formação acadêmica, mas é um saber importante nesse espaço. Quanto às reuniões, estas são espaço de debate em que há interesses em jogo tanto por parte das representações governamentais quanto por parte da representação da Sociedade Civil. No que se refere a análise de carreira o objetivo do estudo obteve êxito, pois concluiu que a carreira dos conselheiros os habilita ao processo de participação e estes apesar de representarem uma entidade no conselho são, além disso, atores com um processo histórico. Participam das reuniões ativamente, dão opiniões e propõem deliberações, buscando trabalhar na política. Por fim, o presente estudo concluiu que as discussões no processo de implantação da Política de Saúde da População Negra no Estado de Sergipe ainda estão embrionárias e um longo caminho ainda será percorrido.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 6426371 - TANIA ELIAS MAGNO DA SILVA
Externo à Instituição - VERONICA TEIXEIRA MARQUES
Presidente - 1195417 - WILSON JOSE FERREIRA DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 14/08/2015 16:13
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2020 - UFRN - bemtevi1.bemtevi1 v3.5.16 -r10787-147c949b3