A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados). Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Aceito
Notícias

Banca de DEFESA: NOEME LEITE DO NASCIMENTO OLIVEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: NOEME LEITE DO NASCIMENTO OLIVEIRA
DATA: 31/08/2021
HORA: 14:00
LOCAL: via Google meet
TÍTULO: CADERNO DE LEITURA DE POEMAS DE TOBIAS BARRETO
PALAVRAS-CHAVES: Leitura de poemas; Leitor subjetivo; Método social-identitário; recepção literária.
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
SUBÁREA: Literatura Brasileira
RESUMO:

Este trabalho de conclusão do Mestrado Profissional em Letras em Rede tem por objetivo desenvolver uma proposta de intervenção de leitura literária de alguns poemas, da obra Dias e Noites, de Tobias Barreto, a fim de estimular a recepção dos textos com a temática do amor romântico e da poesia condoreira deste escritor, instigando a identificação do jogo de ironias e intertextualidades de sua poesia a fim de formar leitores literários que valorizem o processo de recepção subjetiva a partir de suas experiências pessoais e do horizonte de expectativa desses poemas. Para isso, este trabalho propõe a produção de um caderno de leitura voltado para as séries finais, 8º. e 9º anos, do Ensino Fundamental. Na primeira parte desta dissertação, apresentamos discussões acerca dos desafios do ensino de literatura e da leitura de poemas a partir das características do gênero lírico. Na segunda parte, nos aprofundaremos no debate acerca da identificação do leitor com a leitura de poemas a partir das concepções de letramento literário e leitura subjetiva. A terceira parte é composta pelo caderno de intervenção com suas partes práticas. Nessas três partes, debateremos as especificidades do gênero lírico, bem como a importância do desenvolvimento da consciência política, da identificação com as leituras e do perfil colaborativo e transformador dos leitores frente às experiências com a prática de leitura. Metodologicamente, serão utilizadas como base teórica as concepções interdisciplinares de identificação do leitor, seguindo a exploração das etapas do letramento literário, de Rildo Cosson, da exploração das perspectivas da leitura subjetiva de Annie Rouxel, das abordagens voltadas para a leitura do texto poético proposta por de Helder Pinheiro Alves, e o processo de identificação cultural do leitor, articulado por Carlos Gomes. Como produto final, o caderno de leitura é composto de atividades que exploram a subjetividade do leitor e seu processo de identificação com as leituras da poesia de Tobias Barreto a partir do jogo de palavras e ironias identificadas nas charadas, na representação do amor, da mulher e do patriotismo.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 2251636 - ALEXANDRE DE MELO ANDRADE
Presidente - 95283 - CARLOS MAGNO SANTOS GOMES
Interno - 1543268 - CHRISTINA BIELINSKI RAMALHO

Notícia cadastrada em: 25/08/2021 08:40
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r16418-219d26904e