A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUCAS GABRIEL BEZERRA LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCAS GABRIEL BEZERRA LIMA
DATA: 03/07/2020
HORA: 15:00
LOCAL: Webconferência
TÍTULO: Capacidades Dinâmicas para Inovação: um estudo em pequenas indústrias de baixa tecnologia
PALAVRAS-CHAVES: Inovação. Capacidades Dinâmicas. Indústrias de Baixa Tecnologia. Pequena Empresa.
PÁGINAS: 94
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
RESUMO:

O debate tradicional sobre inovação tem se pautado na realidade de indústrias intensivas em tecnologia, Pesquisa & Desenvolvimento, e que se valem de inovações radicais, dificultando que esse debate seja aplicável à realidade das pequenas indústrias de baixa tecnologia, que são as indústrias que possuem padrões de inovação orientados a práticas incrementais e conhecimento tácito. Todavia, essas indústrias sofrem muitas pressões ambientais para inovar, uma vez que fornecem bens e serviços que são vitais para o funcionamento de uma sociedade, exigindo que elas desenvolvam capacidades dinâmicas para inovação. Assim, a presente pesquisa busca compreender como as indústrias de baixa tecnologia desenvolvem capacidades dinâmicas que permitem a elas inovar, e para isso, será adotado o modelo de capacidades dinâmicas de Wang e Ahmed (2007), que considera três capacidades: adaptativa, absortiva e inovadora. Quanto aos procedimentos metodológicos, a pesquisa é de natureza qualitativa, e do tipo descritiva. A estratégia utilizada será a de estudo de casos múltiplos, no qual pretende investigar quatro indústrias com base em critérios previamente estabelecidos. Como fonte de evidências, serão utilizados documentos e entrevistas semiestruturadas com os gestores das indústrias. E para o tratamento e análise das evidências, a técnica adotada será a análise de conteúdo. Espera-se que os resultados da pesquisa permitam identificar as práticas e as estratégicas utilizadas por estas indústrias para inovar, no intuito de impulsionar a inovação de indústrias semelhantes que ainda não inovem, contribuindo, dessa forma, para o desenvolvimento econômico esocial, e para a ampliação do debate sobre inovação.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1049184 - GLESSIA SILVA DE LIMA
Interno - 1224228 - MARIA CONCEICAO MELO SILVA LUFT
Interno - 2501207 - VERUSCHKA VIEIRA FRANCA
Externo à Instituição - SUSANA CARLA FARIAS PEREIRA

Notícia cadastrada em: 04/06/2020 19:56
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - dragao2.dragao2 v3.5.16 -r17715-9ce6d7c69e