Notícias

Banca de DEFESA: FABIANA ALMEIDA BIDEGAIN

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FABIANA ALMEIDA BIDEGAIN
DATA: 31/07/2015
HORA: 14:00
LOCAL: EMBRAPA TABULEIROS COSTEIROS
TÍTULO: Subpopulações de cinética espermática em sêmen ovino submetido a diferentes técnicas de seleção e conservação.
PALAVRAS-CHAVES: CASA, subpopulação espermática, cinética espermática, conservação.
PÁGINAS: 40
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Medicina Veterinária
SUBÁREA: Reprodução Animal
ESPECIALIDADE: Inseminação Artificial Animal
RESUMO:

A cinética espermática tem sido relatada como uma das principais características responsáveis pelo transporte do espermatozoide através do trato reprodutivo de fêmea e pela fecundação. Estudos em diversas espécies, como carneiros, cavalos, cães, humanos, javalis, entre outros, demonstram que a utilização do sêmen em programas de inseminação artificial que foram processados e conservados por refrigeração ou congelação apresentam menores taxas de fecundação quando comparado ao uso do sêmen in natura. O desenvolvimento da análise do movimento espermático assistida por computador (CASA) possibilitou a análise de vários parâmetros da cinética espermática em uma única amostra de sêmen, através da reconstituição do movimento de um grande número celular e o uso da análise computadorizada de sêmen associada a métodos estatísticos two-step cluster tem possibilitado identificar e avaliar diferentes grupos cinéticos de espermatozoides, explorando a heterogeneidade das células e avaliando o potencial fertilizante da amostra. O presente estudo teve o objetivo de identificar e caracterizar as subpopulações espermáticas de amostras de sêmen in natura, refrigerado e descongelado, oriundos do banco de dados com diferentes técnicas de seleção animal. Foram utilizados carneiros da raça Santa Inês pertencentes ao Núcleo de Conservação de Ovinos Santa Inês da Embrapa. Os dados de cinética espermática (velocidade curvilinear - VCL; velocidade em linha reta - VSL; velocidade do trajeto médio - VAP; linearidade – LIN; retilinearidade – STR; índice de oscilação dos espermatozoides – WOB; amplitude do deslocamento lateral da cabeça - ALH e frequência do batimento flagelar - BCF) obtidos a partir do grupo 1 - sêmen in natura sem seleção animal (n = 69.289 espermatozoides), grupo 2- in natura com seleção animal para capacidade andrológica (n= 51.920 espermatozoides), grupo 3- sêmen in natura com seleção animal para capacidade andrológica e idade (n= 17.421 espermatozoides), grupo 4- sêmen refrigerado (n=14.817 espermatozoides) e grupo 5- sêmen descongelado (n = 45.489 espermatozoides), foram tabulados, relativizados e avaliados pelo método de análise de agrupamento two-step cluster. Esse procedimento permitiu a identificação de três subpopulações espermáticas nos grupos 1 e 2, e duas subpopulações nos grupos 3, 4 e 5. Portanto, a quantidade de subpopulações espermáticas e de células contidas em cada subpopulação são afetadas pela seleção animal e pelos processos de refrigeração e criopreservação, podendo ter relação com as menores taxas de fertilidade nos grupos menos heterogêneos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 035.828.296-93 - ALEXANDRE NIZIO MARIA
Externo à Instituição - ERIKA CALDAS SILVEIRA
Presidente - 481.176.765-91 - HYMERSON COSTA AZEVEDO
Notícia cadastrada em: 14/07/2015 22:08
SIGAA | Núcleo de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2017 - UFRN - canario.cpd.ufs.br.canario1 v3.5.16 -r3330-b0060cf52