Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: BIANCA MACÊDO DE ARAÚJO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: BIANCA MACÊDO DE ARAÚJO
DATA: 10/06/2021
HORA: 09:30
LOCAL: FORMA SÍNCRONA REMOTA
TÍTULO: AVALIAÇÃO DE EMULSÕES FOTOPROTETORAS PRODUZIDAS COM ÓLEO DE SEMENTES DE MORINGA OLEÍFERA
PALAVRAS-CHAVES: Emulsão; Fator de Proteção Solar; óleo de Moringa Oleífera
PÁGINAS: 22
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Química
SUBÁREA: Processos Industriais de Engenharia Química
ESPECIALIDADE: Processos Orgânicos
RESUMO:

Neste trabalho, foi avaliada a capacidade de fotoproteção de emulsões cosméticas produzidas com óleo extraído de sementes de moringa oleífera. Em relação ao óleo, o fator de proteção solar (FPS) apresentado foi de 1,07 na concentração de 20 μL mL-1, a identificação de compostos voláteis apresentou alta concentração de ácido oleico (87,74%), a concentração de fenóis totais encontrada foi de 15,07 mg EAG g-1 de óleo, a atividade antioxidante, determinada por IC50 e pelo índice de atividade antioxidante (IAA), foi de IC50 = 925,12μg mL-1 e IAA = 0,06, e a concentração de habilidade quelante foi de 53,58%. A emulsão do tipo O/A foi preparada com o óleo de sementes de moringa oleífera como fase oleosa e fazendo mistura de tensoativos, utilizando o Procetyl AWS (Croda) como tensoativo e o ácido oleico (Synth) como cotensoativo na proporção de 2:1, respectivamente. Foi construído o diagrama de fases pseudoternário para identificar as formulações com não separação de fases a serem analisadas quanto ao FPS e comportamento da viscosidade. As emulsões preparadas com 5% de óleo em sua formulação mostraram fator de proteção solar acima de 27, diferente das emulsões preparadas com 10% de óleo que apresentaram fator de proteção solar abaixo de 14. Duas emulsões preparadas sem a adição de ácido oleico em sua formulação não apresentaram separação de fases, apresentando FPS semelhante às formulações com adição de ácido oleico. As emulsões obtidas apresentaram comportamento de fluidos pseudoplásticos, de acordo com a curva de viscosidade em função da velocidade de rotação (rpm) realizada por análise em reômetro (Brookfield, DV-III Ultra), o que possibilita melhor espalhamento na pele. Portanto, o uso de óleo de sementes de moringa oleífera mostrou potencialidade para produção de emulsões fotoprotetoras.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2462308 - EDILSON DE JESUS SANTOS
Interno - 6426189 - ANTONIO SANTOS SILVA
Externo à Instituição - ANA PAULA BRESCANCINI RABELO
Notícia cadastrada em: 25/05/2021 18:35
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2021 - UFRN - fragata3.fragata3 v3.5.16 -r16088-62c448d53e