A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de DEFESA: HARIEL UDI SANTANA MENDES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: HARIEL UDI SANTANA MENDES
DATA: 28/02/2019
HORA: 10:00
LOCAL: NUPEG
TÍTULO: FUNÇÕES POROSIDADES E VELOCIDADES NO MOVIMENTO GRAVITACIONAL DE UMA SUSPENSÃO PARTICULADA EM PROVETA
PALAVRAS-CHAVES: funções porosidades; funções velocidades; suspensão particulada.
PÁGINAS: 95
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Química
RESUMO:

O estudo do movimento gravitacional de uma suspensão particulada é de grande importância para o estabelecimento de parâmetros fenomenológicos do processo, e para a predição de valores de parâmetros necessários aos cálculos de projetos de sedimentadores e da sedimentação de partículas sólidas, presentes em fluidos de perfuração e completação de poços de petróleo. Neste trabalho, com base nos testes de proveta para o movimento gravitacional, consideram-se as regiões de sedimentação livre, de transição e de compactação, ocupadas pela suspensão durante o processo. A suspensão na proveta foi modelada por um meio poroso com restrição de incompressibilidade que, sob certas condições, permite o estabelecimento de equações para as funções porosidades e velocidades nestas três regiões. Nas equações que fornecem diretamente as funções porosidades para as regiões de transição e de compactação surgem parâmetros constantes que precisam ser determinados, os quais também aparecem nas equações que descrevem a altura da interface superior descendente, a onda de aceleração e a interface inferior ascendente. As equações propostas para a altura da interface superior descendente mostraram um ótimo ajuste em relação aos dados experimentais do teste de proveta de suspensões particuladas de barita, calcita e atapulgita, com porosidade inicial conhecida. Para a interface inferior ascendente, o comportamento se apresenta compatível com formas da literatura. Os resultados numéricos para porosidades e velocidades estão de acordo com resultados da literatura, ou seja, tendem aumentar, em módulo, do fundo da proveta até a altura da interface superior descendente e diminuem com o tempo em cada posição.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 6426189 - ANTONIO SANTOS SILVA
Interno - 2222671 - PEDRO LEITE DE SANTANA
Interno - 1715065 - ROGERIO LUZ PAGANO
Externo ao Programa - 2031182 - ACTO DE LIMA CUNHA

Notícia cadastrada em: 19/02/2019 10:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema1.ema1 v3.5.16 -r18160-36a7f68df5