A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: FERNANDA MASLOVA SOARES ALVES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FERNANDA MASLOVA SOARES ALVES
DATA: 05/07/2018
HORA: 14:30
LOCAL: LQI Laboratório de Química Industrial
TÍTULO: EXTRAÇÃO DE ÓLEO DE PIMENTA ROSA (Schinus terebinthifolius Raddi) COM ETANOL PRESSURIZADO E ULTRASSOM: CINÉTICA E ATIVIDADE ANTIOXIDANTE
PALAVRAS-CHAVES: Pimenta Rosa, extração, etanol pressurizado, ultrassom, atividade antioxidante.
PÁGINAS: 20
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Química
SUBÁREA: Processos Industriais de Engenharia Química
ESPECIALIDADE: Processos Orgânicos
RESUMO:

O presente trabalho objetivou avaliar a atividade antioxidante do óleo extraído do fruto de Pimenta Rosa (Schinus terebinthifolius Raddi). A extração foi realizada usando etanol pressurizado (PEE) e por ultrassom (UE) utilizando solventes orgânicos metanol, etanol e hexano. No processo PEE foi utilizado planejamento de experimento 23 com tréplica no ponto central, sob condições do processo, temperatura 40, 60 e 80ºC, pressão 5, 10 e 15 MPa e vazão de solvente 0.5, 0.75 e 1.0 mL/min. A cinética de extração foi avaliada nas condições 60ºC, 10 MPa e 0.75 mL/min. Foram usados os modelos Peleg, Fick e o de segunda ordem na estimação dos parâmetros cinéticos. O modelo de segunda ordem foi o que resultou menor erro médio relativo, representando melhor os dados experimentais. Na PEE, o rendimento da extração variou de 0.0767 a 0.2465 g/g (7.67 a 24.65% massa), sendo que, a concentração de compostos fenólicos totais variou de 325.35 a 884.15 mg de ácido gálico/100 g de óleo, a inibição do radical DPPH (IC50) variou de 0.2062 a 0.4110 mg/mL de óleo, a inibição do radical ABTS apresentou resultado entre 0.02419 e 0.03194 mmols de trolox/g de óleo e a atividade quelante 38,07%. O rendimento da extração usando ultrassom foi de 0.275 g/g para o metanol, 0.258 g/g para o etanol e 0.0436 g/g para o hexano. Na UE, a melhor condição de extração foi com metanol sendo a concentração de compostos fenólicos de 533.67 mg de ácido gálico/100 g de óleo, DPPH (IC50) foi 0.3478 mg/mL de óleo, ABTS 0.0258 mmols de trolox/g de óleo e 76.45% para a atividade quelante. Os seguintes compostos fenólicos encontrados no óleo foram ácidos gálico, ácido p-cumárico e quercetina.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2462308 - EDILSON DE JESUS SANTOS
Interno - 2581604 - CRISTINA FERRAZ SILVA
Externo ao Programa - 2698666 - INAURA CAROLINA CARNEIRO DA ROCHA

Notícia cadastrada em: 25/06/2018 09:49
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema2.ema2 v3.5.16 -r18160-36a7f68df5