A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ISABELLA SILVA DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ISABELLA SILVA DOS SANTOS
DATA: 13/06/2024
HORA: 14:30
LOCAL: meet.google.com/ftz-cqyn-gys
TÍTULO: A língua espanhola nos currículos de ensino médio do Brasil: (re)existências após a revogação da Lei 11.161/05
PALAVRAS-CHAVES: Currículo; Educação; Língua Espanhola.
PÁGINAS: 60
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Lingüística Aplicada
RESUMO:

Em 2017, foi sancionada a Lei 13.415/2017 que altera a Lei n° 9.394, de 20 de dezembro de 1996, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) e os estados iniciaram o processo para o cumprimento da referida Lei, a chamada Lei do Novo Ensino Médio. A nova legislação traz alterações significativas para o Ensino Médio; foi incluída na LDB um novo artigo, o 35-A, que vincula a Base Nacional Comum Curricular aos direitos e objetivos de aprendizagem do Ensino Médio; a supracitada Lei revoga a Lei 11.161/2005 e afirma que os currículos do ensino médio incluirão em caráter obrigatório a língua inglesa e poderão ofertar outras línguas estrangeiras preferencialmente a língua espanhola. Diante deste novo cenário, esta tese tem como objetivo analisar os novos currículos estaduais das 27 Unidades federativas do Brasil e apurar quantos, quais e de que forma os estados mantiveram a língua espanhola presente nos seus currículos e nas escolas da rede estadual. A metodologia utilizada será a pesquisa qualitativa por meio da análise dos currículos e das propostas de Novo Ensino Médio nas redes estaduais, bem como o lugar dedicado ao componente curricular língua espanhola. Esperamos, como resultado desta investigação, mapear a política linguística dos estados brasileiros e entender, de que forma, apesar da nova legislação, a pluralidade linguística foi garantida nas redes estaduais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1654781 - DORIS CRISTINA VICENTE DA SILVA MATOS
Interno - 2329868 - ANA KARINA DE OLIVEIRA NASCIMENTO
Externo à Instituição - WAGNER BARROS TEIXEIRA

Notícia cadastrada em: 10/05/2024 17:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua2.bigua2 v3.5.16 -r19295-ad7fbbb3d7