A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Noticias

Banca de DEFESA: NARJARA RODRIGUES GENTIL

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: NARJARA RODRIGUES GENTIL
DATA: 29/07/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Mini-auditório do PROZOOTEC
TÍTULO: ESCORE DE CONDIÇÃO CORPORAL POR MEIO DE ULTRASSOM EM VACAS MESTIÇAS DURANTE O PERÍODO DE TRANSIÇÃO E FASE INICIAL DE LACTAÇÃO
PALAVRAS-CHAVES: Avaliação, mobilização, metabolismo, produção, reserva energética.
PÁGINAS: 45
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Produção Animal
ESPECIALIDADE: Criação de Animais
RESUMO:

Objetivou – se com esse trabalho verificar a relação entre a espessura de gordura subcutânea na garupa (EGG) e o escore de condição corporal visual (ECC) em vacas mestiças (Holandês – Zebu) durante o período de transição e fase inicial de lactação, e relacionar esses achados com parâmetros produtivos e metabólicos desses animais. Um total de 108 vacas leiteiras mestiças pertencentes a 6 propriedades rurais foram escolhidas aleatoriamente e divididas em três grupos de acordo com sua fase de produção naquele momento: grupo 1 (-4 – 0 semana pré–parto; n=30 animais); grupo 2 (0 – 4 semana pós-parto; n = 15 animais); grupo 3 (5 - 14 semanas pós – parto; n=63 animais). Análises de correlação e regressão foram usadas para descrever a relação entre as variáveis ECC, EGG, peso vivo (PV), produção de leite, constituintes do leite e metabólitos sanguíneos (glicose, colesterol total, proteína total e albumina). Para avaliação produtiva e metabólica dos animais foi feita uma análise de clusters visando à distribuição dos mesmos em grupos de EGG homogêneos dentro de cada fase estudada. A análise de variância mostrou que houve diferenças significativas (P<0,05) entre os três grupos para as três variáveis ECC, EGG e PV. A variável PV apresentou uma fraca correlação com as variáveis ECC e EGG, com r = 0,28 e r = 0,38 respectivamente. Nos grupos 1 e 3 houveram fortes e diretas correlações entre as variáveis EGG e ECC, com r = 0,78 e r = 0,71 na mesma ordem. O EGG foi um bom preditor dos metabólitos albumina, colesterol total e proteína total. Além de ser um bom indicador da produção e densidade do leite, como também das proporções de sólidos totais e lactose.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1645905 - ANSELMO DOMINGOS FERREIRA SANTOS
Interno - 210.706.950-68 - FRANCISCO DE ASSIS FONSECA DE MACEDO
Externo à Instituição - LUDMILA COUTO GOMES
Interno - 2176639 - VERONALDO SOUZA DE OLIVEIRA

Notícia cadastrada em: 20/07/2016 10:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2022 - UFRN - ema2.ema2 v3.5.16 -r17722-925b7210d0