A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente
Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFS

2024
Descrição
  • ÉMILE COSTA LIMA
  • Dinâmica da conversão de mangue em áreas urbanas: lições para conservação dos sistemas socioecológicos em áreas úmidas
  • Orientador : LARISSA MONTEIRO RAFAEL
  • Data: 15/02/2024
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O manguezal é um ecossistema de transição localizado entre a terra e o mar frequentemente associado a ambientes estuarinos. Esse sistema socioecológico oferece serviços ecossistêmicos como sequestro e estoque de carbono, fornecimento de recursos naturais, estabilização de zonas costeiras e prevenção a inundações, benefícios esses que contribuem para a desaceleração das mudanças climáticas. Tais ecossistemas, por estarem atrelados às áreas de povoamento, sofrem diversos impactos negativos, a exemplo da poluição, fato esse que demonstra a necessidade de ações voltadas para a sua conservação. Uma maneira de atingir tal objetivo é investir em pesquisas relacionadas à dinâmica de paisagens e à cobertura e uso da terra (CUT). Nesse sentido, Aracaju – SE é uma cidade litorânea que possui extensas áreas de manguezal, as quais sofrem impacto em função da urbanização. Com isso, o estudo em questão apresentou o intuito de extrair lições para conservação socioambiental em Áreas Úmidas a partir da compreensão da dinâmica dos padrões de conversão de mangues na cidade de Aracaju. Para isso foram utilizados dados fornecidos pelo projeto Mapbiomas, realizadas visitações in loco e efetuada uma revisão bibliográfica. Os dados estatísticos foram analisados no software Microsoft Excel, já os mapas temáticos foram elaborados no QGis. No que se refere aos dados bibliográficos, esses foram obtidos nas bases de dados Google Acadêmico, Bibliotecas Digitais de Teses e Dissertações Nacionais (BDTD) e Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Federal de Sergipe (BDTD UFS). Após a realização desses procedimentos, foi feita uma relação entre os dados estatísticos e os bibliográficos para compreender os possíveis eventos causadores das conversões dessas regiões. A partir da análise dos dados foi possível verificar que entre 1985 e 2021 aumentou aproximadamente 430 hectares (34,64%) das áreas de mangue em Aracaju -SE. O ano com a maior área foi 2013 (com 1.709 hectares) e o ano de menor área foi 1985 (com 1.241 ha). Foi visto um acréscimo dos mangues localizados nas regiões banhadas pelos rios Parnamirim e Sergipe na Zona Norte (ZN), pelos rios Sergipe e Poxim na Zona Sul (ZS) e pelo rio Vaza-Barris na Zona de Expansão (ZE) no bairro Santa Maria e no povoado Robalo. Ainda na ZE, inseridos na Aruanda, Mosqueiro e Croa do Goré, os mangues mativeram-se estáveis. Foi possível observar uma relação entre diminuição de Rio, Lago e Oceano e aumento de Mangue, visto que em quase todas essas regiões é possível verificar a mesma diferença: em alguns locais onde eram encontrados Corpos d’Água em 1985, em 2021 foi observado Mangue, o que pode ser explicado pelo assoreamento desses rios, sedimentação de substrato e então colonização da vegetação de mangue nesse substrato, formando bosques e/ou florestas de mangue na área. O padrão de crescimento da cidade Aracaju encontrado foi o de expansão imobiliária a partir de aterramento dos manguezais, sítios, lagoas e salinas. Esse padrão foi visto na construção e ampliação de alguns bairros como Jardins, Coroa do Meio, Farolândia, Inácio Barbosa, São Conrado, Bugio, Lamarão, Soledade, Porto Dantas e Santos Dumont entre meados de 1980-2000. Tal modelo permanece sendo seguido no desenvolvimento de novas regiões, a exemplo dos bairros Jabotiana, Santa Maria e a ZE, desde a década de 2010. Apesar das pressões antrópicas sofridas pelos mangues da cidade, eles apresentaram acrescimento entre 1985-2021, o que nos ensina lições referentes à resistência e resiliência. Muito do que explica esse aumento foi a dinâmica fluvial natural da região, além do estabelecimento de leis e projetos para a proteção deles. Contudo, o incremento dessa vegetação não indica necessariamente algo totalmente positivo, pois foi analisado um acrescimento no índice de fragmentação de mangues. Ainda, não foi encontrada uma grande riqueza de espécies, o que acarreta a homogeneização dos manguezais. Também foram vistos muitos espécimes mortos em alguns locais, a exemplo do calçadão da Praia Formosa e do Parque Ecológico do Tramandaí. Outrossim, a maior parte dos manguezais se encontram em situações de descaso, sendo depósitos de lixos e esgoto, alto índice de poluição e pressão de áreas urbanizadas ao redor. Ademais, na ZN algumas áreas de rio, aquicultura ou apicum foram convertidas em mangues. Também foram analisadas classes de rio e aquicultura convertidas em apicum. Por fim, avaliou-se uma relação entre os níveis de apicuns e aquicultura, haja vista mantiveram-se constantes e semelhantes, o que pode estar associado à carcinicultura e psicultura realizada no município. Dessa forma, espera-se que os resultados obtidos a partir dessa pesquisa contribuam para a melhoria da gestão ambiental do município.

2023
Descrição
  • KATHLLEEN ALVES DA SILVA
  • Fatores que influenciam a ortorexia nervosa
  • Orientador : MARCIO ANDREI GUIMARAES
  • Data: 18/10/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A Ortorexia Nervosa (ON) é considerada um comportamento alimentar e acontece quando abusca pela alimentação saudável se torna uma obsessão que começa a prejudicar a capacidadedo indivíduo em participar da sociedade cotidiana. Ainda não existe um consenso oficial paraidentificar e diagnosticar a ON. A escala de Ortorexia Teruel (TOS) é composta por itens queavaliam características de Ortorexia Nervosa e Ortorexia Saudável (OS), este caracteriza osindivíduos interessados em alimentação saudável sem patologia, focada em nutrição adequadapara manter a saúde sem práticas extremas. Essa escala tem apresentado confiabilidadesatisfatória para identificação da ON. O conhecimento nutricional engloba tanto a compreensãobásica dos nutrientes dos alimentos como também as decisões sobre as escolhas alimentaresdiárias. O aumento do conhecimento nutricional dos indivíduos é considerado uma forma demelhorar o comportamento alimentar. O objetivo do presente estudo foi adaptar e validar duasescalas de atitudes para avaliar a Ortorexia nervosa e conhecimento nutricional em uma amostrade estudantes de graduação e pós-graduação do Campus Universitário Professor AlbertoCarvalho/UFS. Primeiro foram adaptadas as duas escalas para o português, em seguida 334alunos universitários de graduação e pós-graduação responderam um questionário com questõessobre atitudes em relação à Ortorexia Nervosa, conhecimento nutricional e um questionáriosocioeconômico. A pesquisa se caracteriza como quantitativa. A análise estatística foi realizadapelo uso de análise fatorial exploratória e confirmatória e Teoria de Resposta ao Item (TRI). Aescala para Ortorexia Nervosa apresentou um modelo com dois fatores e a escala deConhecimento Nutricional apresentou um modelo com um fator. As duas escalas analisadasapresentaram propriedades psicométricas adequadas. Foi observado que as pessoas quefrequentam o nutricionista têm escores médios maiores de Ortorexia saudável em relaçãoàqueles que não frequentam. Ainda em relação a Ortorexia saudável foi verificada diferençaestatística significativa entre aqueles que frequentam o nutricionista 1 ou 2 vezes em relaçãoàquelas que não frequentam. Aqueles que recebiam orientações médicas também apresentaramescores médios maiores de Ortorexia saudável em relação àqueles que não recebiam ourecebiam e não seguiam. Os escores médios maiores também foram observados entre aquelasque avaliavam a quantidade de atividade física como suficiente e mais que suficiente. Nãoforam observadas diferenças significativas nos testes envolvendo Ortorexia Nervosa eConhecimento Nutricional e as demais variáveis do estudo.

  • FERNANDA JACOMO VIANA
  • Silenciamento ambiental da Caatinga frente aos demais domínios morfoclimáticos brasileiros nos livros didáticos do PNLD de 2021
  • Orientador : MARCOS VINICIUS MEIADO
  • Data: 31/08/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo avalia o enfoque dado à Caatinga em relação aos demais domíniosmorfoclimáticos brasileiros. Afinal, apesar de ser o único bioma exclusivamentebrasileiro, com grande biodiversidade e alta taxa de espécies endêmicas, a Caatinga nãorecebe o reconhecimento e a importância que merece. Isso se reflete na alta taxa deperda de área natural, menor investimento em conservação e em apenas 2,2% da suaárea protegida por unidades de conservação integral. A escolha dos livros didáticos sejustifica pelo seu papel formador, capaz de reproduzir ideologias, estereótipos epreconceitos presentes na sociedade. Portanto, é importante analisar se a Caatinga estásendo silenciada em relação aos outros biomas brasileiros e se a sua abordagem estárestrita apenas aos seus aspectos climáticos adversos, reproduzindo o racismo ambientaljá verificado na representação dos povos tradicionais e seus meios de subsistência emlivros paradidáticos distribuídos pelo Fundo Nacional para Desenvolvimento daEducação (FNDE). Para isso, foram analisadas as obras aprovadas no Guia do LivroDidático das áreas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (CNT), bem como deCiências Humanas Sociais e Aplicadas (CHSA) por terem ligação com o tema emquestão, nos quais a área de CNT possui sete coleções aprovadas e analisadas, já o aárea de CHSA possui quatorze coleções aprovadas, mas apenas onze puderam serencontradas e verificadas durante a pesquisa. A metodologia adotada é Quali-quantitativa, utilizando os pressupostos metodológicos da Análise de Conteúdo deBardin. Os dados são discutidos à luz da justiça ambiental e do papel que a educaçãoambiental libertadora possui para gerar o senso de pertencimento e/ou reconhecimentoda importância da Caatinga para o equilíbrio ecossistêmico, com consequentevalorização dela como patrimônio brasileiro, afinal, embora haja pequenos avanços naapresentação da Caatinga nos livros didáticos quando se compara trabalhos anterioresfeitos com versões do triênio de 2018 do PNLD, ainda há uma redução do espaçodedicado as suas belezas, biodiversidade e importância ecológicas no entanto, a ênfaseas suas características climáticas adversas e paisagem seca predomina na maior partedas obras verificadas nesse estudo. Dessa forma, apontamos tais aspectos visandofomentar novas formas de abordagem da Caatinga nos livros didáticos e incentivar umaatuação crítica dos docentes na educação básica brasileira.

  • JOSÉ BOMFIM SANTIAGO JÚNIOR
  • ANÁLISE EPIDEMIOLÓGICA DOS ATENDIMENTOS NO AMBULATÓRIO DE NEUROLOGIA DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SERGIPE
  • Orientador : DEISE MARIA FURTADO DE MENDONCA MARTINS
  • Data: 31/08/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A Epidemiologia é o estudo dos fatores que determinam a frequência e a distribuiçãodas doenças nas coletividades humanas. Os objetivos principais da epidemiologiaconsistem na descrição dos problemas de saúde, na obtenção de dados para oplanejamento, execução e avaliação das ações de prevenção, controle e tratamento dasdoenças, bem como, para o estabelecimento de prioridades e identificação de possíveisfatores etiológicos na gênese das enfermidades. As doenças do sistema nervosoconstituem um grupo de doenças hereditárias ou adquiridas, que podem ser comuns ouraras e que geram, em muitos casos, incapacidade funcional para os pacientes, comconsequente dependência de familiares ou cuidadores. No Estado de Sergipe o HospitalUniversitário (HU) é referência no Sistema Único de Saúde (SUS) para atendimentos demédia e alta complexidade nas diferentes especialidades dentre elas, a Neurologia.Estudos destacam o aumento no número de pesquisas em epidemiologia no Brasil,obtendo um índice maior de concentração nas regiões Sudeste (60,8%) e Nordeste(21,6%). Entretanto, o estado de Sergipe não possui dados epidemiológicos acerca daincidência e prevalência de doenças neurológicas. Assim sendo, é necessário estudosque determinem o perfil epidemiológico das doenças neurológicas no estado, para queestes possam vir a fornecer informações que servirão de subsídio para auxiliar noplanejamento de políticas públicas de saúde. Além disso, estudos como esse sãoimportantes para identificação do perfil clínico dos pacientes em determinadalocalidade.

  • TATIANA MARIA DOS SANTOS DIAS
  • UNIDADE DE ENSINO POTENCIALMENTE SIGNIFICATIVA: vivências, (re)construção e aprendizagens na Universidade Federal de Sergipe
  • Orientador : MARCIO ANDREI GUIMARAES
  • Data: 25/08/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A complexidade que envolve o ensino de Ciências da Natureza é um desafio paramuitos pedagogos, pois aproximar a realidade dos alunos ao conhecimento científicopode não ser tarefa fácil, exige do professor a capacidade de explorar a temática deforma contextualizada. É essencial entender como o homem afeta o seu meio ambiente,essa compreensão na escola deve ser direcionada por meio de atividadesinterdisciplinares e concretas, que possam auxiliar na formação de indivíduos críticos,participativos, aptos a enfrentar os problemas ambientais e uma possível crise dosrecursos naturais disponíveis, dentre eles a água. Nesse contexto, de fortes mudanças nomeio ambiente, se faz necessário adaptar as práticas pedagógicas no ensino. Dessemodo, no intuito de promover um processo de aprendizagem e re(construção) doconhecimento de maneira interdisciplinar, consequentemente de forma concreta,prazerosa, integrada à realidade dos discentes, surgiu o seguinte questionamento: Quaisaprendizagens os licenciandos (re)construíram ao longo da trajetória formativavivenciada nesta pesquisa? Portanto, este trabalho tem como objetivo geral analisar ascontribuições da UEPS, por meio da construção de um terrário vivenciada pelosdiscentes de Pedagogia da Universidade Federal de Sergipe, Campus Professor AlbertoCarvalho, com vistas à identificação da evolução conceitual sobre ciclo hidrológico.Epistemologicamente, este estudo apoia-se na Aprendizagem Significativa de DavidAusubel, uma teoria cognitivista que tem como foco central o processo de assimilação,transformação, organização e armazenamento da informação na estrutura cognitiva dosindivíduos. Trata-se, ainda, de uma investigação qualitativa, quanto à natureza dosdados, com 28 licenciandos do quarto período. Fundamentei-me também nametodologia da pesquisa-formação, que consiste em integrar a pesquisa e a formaçãodos licenciandos, desenvolvendo uma oficina formativa ao longo de um semestre letivo,com carga horária de 10 horas, que me permitiu utilizar questionários aplicados duranteo processo formativo e ao final solicitou-se um memorial narrativo como dispositivo deconstrução dos dados. Por meio da análise do memorial, emergiram as seguintescategorias: perspectiva profissional, intervenção do homem no meio ambiente,construção de saberes, reflexão sobre o ciclo hidrológico, gosto pela observação,conscientização e erros conceituais. As vivências colaboraram para aprendizagem ere(construção) de novos saberes sobre o ciclo hidrológico, os futuros docentes tambémexpressaram o desejo de multiplicar a usabilidade do terrário adequando a sua realidadeem suas futuras práticas.

  • ANDREA MARIA DOS SANTOS
  • Uso do Design Thinking no ensino de Geografia: contribuições para a educação especial com perspectiva inclusiva sobre a conservação ambiental nos anos finais do ensino fundamental.
  • Orientador : CRISTIANO APRIGIO DOS SANTOS
  • Data: 25/05/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Os recursos hídricos superficiais e subterrâneos podem sofrer, em maior ou menor grau,contaminações pelos mais diversos poluentes. Dentre as principais fontes decontaminação dos recursos hídricos, encontra-se o descarte inadequado de resíduossólidos, sendo esse o foco da pesquisa, em específico no rio das Pedras, que estálocalizado no município de Areia Branca/SE. De modo desordenado nas proximidadesdo rio em destaque é notória a pressão exercida sobre o ambiente, onde ocorre de formacomum o descarte de resíduos sólidos e o despejo de esgoto doméstico pela populaçãoda localidade, onde também está situada a Escola Municipal José Inácio da Fonseca,unidade escolar de aplicação da pesquisa. Diante do exposto, trata-se de uma temáticarelevante que precisa ser problematizada na Educação Básica de forma não simplista,em específico nas aulas do componente curricular Geografia. Tratar a questão ambientalé relevante dentro da esfera educacional, diante de tais demandas em destaque, aeducação ambiental apresenta-se como finalidade da aplicação dessa pesquisa. O acessoigualitário a todos os espaços da vida é um pré-requisito para os direitos humanosuniversais e liberdades fundamentais do cidadão, sejam esses indivíduos pessoas comdeficiência ou não, faz-se necessário adaptar estratégias didáticas que contrapunham asideias e metodologias tradicionais, no âmbito dessa pesquisa abordagens ativas deensino, em específico o Design Thinking. Em relação aos procedimentos metodológicosforam realizados estudos bibliográficos, a aplicação das 5 etapas do Design Thinking(descoberta, interpretação, ideação, experimentação e evolução), aplicação dequestionário e registros fotográficos durante o percurso metodológico. A partir dosresultados obtidos é possível apresentar que a aplicação do Design Thinking foi positivapois contribuiu para o entendimento sobre a problemática ambiental no rio das Pedraspelos discentes da EMJIF.

  • GABRIELLE NERIS LIMA
  • Diversidade e composição das comunidades de liquens em um gradiente altitudinal no Parque Nacional Serra de Itabaiana- SE
  • Orientador : MARCELA EUGENIA DA SILVA CACERES
  • Data: 27/04/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Liquens são o resultado da associação simbiótica entreum micobionte (fungo) e um fotobionte (alga e/oucianobactéria). Eles desaparecem muito rápido de regiõesonde o impacto ambiental é elevado, pois acompanham asalterações temporais da vegetação. O presente trabalhobusca estudar a variação da estrutura da comunidade deliquens em termos de composição, riqueza e abundância,em um gradiente altitudinal na trilha principal do ParqueNacional Serra de Itabaiana (PARNASI) e identificar sehá mudanças nas comunidades liquênicas associadas àaltitude no parque. Foram realizadas duas coletas. Para aremoção dos talos liquênicos do córtex dos forófitoshospedeiros selecionados, foram utilizados faca emartelo. A identificação das espécies coletadas foirealizada de acordo com bibliografias específicas. Para asanálises estatísticas foram feitas análises com teste F (F),gl, GLM, Shannon (W) e Simpson (D), além de umcluster. Os índices de diversidade não diferiramsignificantemente entre os indivíduos coletados. Os dadosestatísticos apresentados mostraram que a luminosidade éum fator síntese para essa área. Porém, o objetivo centraldo trabalho foi verificar se a altitude influenciava na
    composição das espécies, o que não pode ser verificadocom exatidão.

  • MÔNICA SANTOS OLIVEIRA
  • Atitudes de professores sobre o TDAH e estudantes com comportamentos do tipo TDAH
  • Orientador : JOSE RONALDO DOS SANTOS
  • Data: 27/04/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O TDAH é um transtorno caracteriza por desatenção, hiperatividade e impulsividade emgraus variados e tem uma prevalência de 5% na população infantil e 2,5% na populaçãoadulta. O diagnóstico é clínico e pode envolver a aplicação de diversos instrumentospadronizados. Apesar do conhecimento de sua causa biológica, ainda há muitacontrovérsia em relação ao TDAH, principalmente em relação à medicalização decrianças em idade escolar. Muitas pesquisas apontam nessa direção enquanto outrasbuscam desenvolver e validar instrumentos de diagnósticos. Mesmo assim, apesar daimportância no contexto educacional, há poucas pesquisas e instrumentos voltados paraa percepção e atitudes de professores e demais profissionais da educação em relação aoTDAH. Assim, esta pesquisa teve o objetivo de desvelar as percepções e atitudes deprofessores da educação infantil e ensino fundamental sobre o TDAH e a criança comsintomas de TDAH. Para isso foram aplicadas 4 escalas psicométricas e 1 questionáriosociodemográficos a 186 professores da educação infantil e fundamental 1. A análisedos dados revelou quatro construtos relacionados às atitudes e com variações de atitudespositivas e negativas. Os modelos de equações estruturais mostram que o conhecimentosobre o TDAH foi o fator que mais impactou as atitudes em relação ao TDAH. Dessamaneira, é recomendada a formação de professores no que tange os conceitos eestratégias de ensino para crianças com TDAH que se distancie da mera semiformação.

  • DAIANNE SANTOS DOS ANJOS
  • Análise microbiológica e físico-química da água dos poços artesianos que abastecem os moradores da zona rural do município de Itabaiana, Sergipe.
  • Orientador : MARCOS VINICIUS MEIADO
  • Data: 28/02/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A água é um elemento essencial para a sobrevivência de todas as espécies, inclusive ahumana, por isso é imprescindível a conservação desse elemento natural. Diversasatividades (industriais e agropecuárias) fazem uso da água com um consumodesordenado. Em decorrência da falta de água potável, as águas subterrâneas surgemcomo uma fonte alternativa para o consumo humano, principalmente por meio daperfuração dos poços artesianos tubulares. Por essa razão, o objetivo desta pesquisa éanalisar, através dos parâmetros microbiológicos e físico-químicos, a qualidade da águados poços artesianos que abastecem a zona rural do município de Itabaiana, estado deSergipe. O presente estudo trata-se de uma pesquisa descritiva, exploratória equantitativa. Nesse sentido, selecionou-se dezenove poços públicos para compor aamostragem desta pesquisa. Realizou-se a coleta para análise microbiológica deamostras de água em dezenove poços, já a coleta para os parâmetros físico-químicos foirealizada em nove poços, a fim de averiguar a sua potabilidade para o consumo humano.Após a realização das análises, os resultados foram relacionados com os parâmetros dalegislação que regulamenta a potabilidade da água (Portarias do Ministério da saúde nº2.914/11, nº 888/21, nº 5/17). Os resultados microbiológicos demonstraram a presençade Escherichia coli em nove poços, além da detecção de bactérias heterotróficas em trêspoços. Quanto aos resultados físico-químicos, obteve-se valores máximo permitido pelalegislação referentes aos parâmetros de condutividade elétrica em oitos poços, Durezaem três poços, Cloretos em cinco poços, Alcalinidade em seis poços e Cloro residuallivre todos os poços analisados não se encontram com os valores mínimos permitidopela legislação. Em relação aos parâmetros de Temperatura e PotencialHidrogeniônico(pH), todos os pontos analisados estão em conformidade com alegislação. É importante ressaltar que, durante as coletas, foi observado que às margensdesses poços contaminados existiam a inserção de lixos, criação de bovinos, além deesgotos a céu aberto. Todos esses fatores mencionados contribuem de maneirasignificativa para a proliferação desses microrganismos patogênicos na água.

  • JOSÉ LUCAS SANTOS
  • ANÁLISE ESPAÇO-TEMPORAL E CARTOGRAFIA DE PAISAGENS DO ALTO CURSO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO SERGIPE
  • Orientador : DANIEL RODRIGUES DE LIRA
  • Data: 28/02/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O uso e ocupação das terras podem incidir em problemas ambientais com repercussões negativas ao ambiente. O trecho do alto curso da bacia do rio Sergipe faz parte das oito bacias existentes no estado de Sergipe, na literatura este recorte da paisagem concentra boa parte de sua área em pastagem e esta forma na qual o uso da terra está associada resulta em impactos sobre os ecossistemas e os recursos naturais disponíveis neste caso o recurso água e o solo, considerados importantes para o desenvolvimento social e econômico acende o alerta para estudos que visem diagnosticar o estado dos recursos naturais. Deste modo ao analisarmos o alto curso da bacia do Rio Sergipe sobre a perspectiva do planejamento e levantamento desses aspectos e conjunto de operações o resultado deste esforço se traduz em uma pesquisa temática que pode ser sintetizada através de produtos cartográficos. A proposta deste trabalho versa sobre uma perspectiva de uma análise e evolução temporal sobre o uso e a ocupação das terras no recorte do alto curso da bacia hidrográfica do Rio Sergipe considerando este trecho um elemento importante dentro do entendimento da dinâmica socioambiental deste recorte da paisagem semiárida brasileira.

  • ELIZIANE VITÓRIA SANTOS
  • Saúde emocional de alunos e professores do alto sertão sergipano durante o retorno às atividades presenciais em meio a pandemia da Covid-19.
  • Orientador : JOSE RONALDO DOS SANTOS
  • Data: 28/02/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Após o surgimento de casos de COVID-19 em Wuhan na China, a Organização Mundial daSaúde (OMS) entendeu que a COVID-19 é uma doença de emergência mundial. Por ser umapatologia de alto nível de contaminação, a OMS orientou a prática do isolamento social, uso demáscaras, e a higienização das mãos como medidas primordiais para se evitar a contaminaçãopelo SARS-CoV-2. Diante da necessidade de se evitar aglomerações, as atividades presenciaisdas escolas foram interrompidas, estudantes e professores passaram a se encontrar apenas emambientes virtuais, porém o acesso a recursos tecnológicos não é uma realidade de todos osestudantes brasileiros o que provocou lacunas na aprendizagem mediante a dificuldade dosestudantes em acessarem as aulas online. Além disso, já se observa os danos emocionais entreprofessores e alunos, pois o isolamento social provocou mudanças drásticas no cotidiano, o quefavoreceu o desenvolvimento de sintomas de ansiedade e depressão. Nesse sentido, o presenteestudo buscou entender os danos emocionais provocados pelo isolamento social aos professorese alunos do Ensino Médio do alto sertão sergipano, para que a gestão escolar possa se planejarde maneira adequada para o retorno das aulas presenciais. O estudo caracteriza-se como umapesquisa quantitativa de abordagem descritiva, para seu desenvolvimento foi aplicado umquestionário a 118 alunos do Ensino Médio dos turnos noturno e integral do Centro deExcelência 28 de Janeiro, com questões relacionadas ao período de aulas online, preparaçãopara o ENEM e demais vestibulares, acesso a recursos tecnológicos durante as aulas online eretorno às aulas presencias, bem como o Inventário de Ansiedade Beck- BAI e o Inventário deDepressão de Beck-BDI. Também participaram do estudo 9 professores do Ensino Médio, queresponderam um questionário relacionado às aulas online, ao sentimento de segurança noretorno às aulas presenciais o Inventário de Ansiedade Beck- BAI e o Inventário de Depressãode Beck-BDI. Com base em estatística descritiva e nos testes estatísticos (ANOVA) de umavia, Test t e Analise de componentes principais (PCA) obteve-se os seguintes resultados: Alémdos danos a aprendizagem, de acordo com os inventários Beck entre os turnos noturno e integralos alunos do integral são os mais ansiosos, (t(116) = 4,464 e p < 0,001) e também são os maisdeprimidos (t(116) = 4,382 e p < 0,001), quando observado entre as turmas do integral, não hádiferença estatística quanto a ansiedade do mesmo modo os alunos do noturno, em analise pósteste observou-se que a 1o e 2o série integral são mais ansiosos que os alunos da 1o e 2o sérienoturno, porém não houve diferença estatística entre os participantes da 3o série noturno eintegral quanto a ansiedade. Além disso, entre os sexos, as mulheres são mais ansiosas edeprimidas do que os homens. Quanto aos professores, 89% dos participantes apresentam-seem grau mínimo para ansiedade e 100% em grau mínimo para depressão. Através dos resultadosconclui-se com a necessidade da criação de estratégias de cuidados com a saúde emocional noambiente escolar, assim sendo necessário que a lei no 13. 935, de dezembro de 2019 passe a sercumprida, e profissionais de psicologia e assistência social passem a contribuir com asatividades de planejamento junto aos professores e gestão escolar, no que diz respeito a saúdeemocional durante o retorno as aulas presenciais.

  • KELIANNE CAROLINA TARGINO DE ARAÚJO
  • Impactos causados pela exótica invasora Megathyrsus maximus (Jacq.) B.K.Simon & S.W.L.Jacobs (Poaceae) sobre a vegetação da Mata Atlântica e sobre culturas agrícolas
  • Orientador : JULIANO RICARDO FABRICANTE
  • Data: 28/02/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A introdução de espécies exóticas tem promovido a simplificação da biota nativa, alémde causar vários outros efeitos negativos sobre os ecossistemas naturais e antrópicos. Oprocesso responsável por causar esse problema é chamado de invasão biológica (IB).Dentre as espécies responsáveis por promover as IB, está a gramínea Megathyrsusmaximus (Jacq.) B.K.Simon &amp; S.W.L.Jacobsm. Diante disso, o presente estudo tevecomo objetivo avaliar os impactos causados pela exótica invasora sobre a vegetaçãoautóctone da Mata Atlântica e sobre a germinação de culturas agrícolas. Para aavaliação de impactos foram plotadas 40 parcelas de 1m², sendo metade delas instaladasem ambientes invadidos por Megathyrsus maximus (AI) e a outra metade em ambientessem a presença da espécie (ANI). No interior dessas unidades amostrais todos osindivíduos de espécies herbáceas e semilenhosas foram contabilizados e com essesdados foram realizadas as análises estatísticas (composição, riqueza, diversidade ecomparações). Já para avaliar os efeitos de Megathyrsus maximus sobre a germinaçãode culturas agrícolas foram realizados testes de alelopatia. Para tanto, foram coletadasamostras da parte aérea da exótica invasora e após os procedimentos usuais, foramrealizadas as análises pertinentes (germinabilidade, índice de velocidade de germinação,tempo médio de germinação, coeficiente de uniformidade de germinação ecomparações). Foram amostrados 676 indivíduos distribuídos em 43 espécies no AI e943 indivíduos distribuídos em 94 espécies no ANI. Segundo as análises realizadas, acomposição específica, a riqueza taxonômica e a diversidade foram afetadas pelapresença de Megathyrsus maximus, assim como foram afetados os índices utilizados nosbioensaios de alelopatia. O conjunto de resultados obtidos indicam a necessidade decriação de políticas públicas que visem o controle da espécie M. maximus em todo oterritório nacional, principalmente em Unidades de Conservação e áreas produtivas.

  • RICLECIA FRAGA SANTOS
  • Efeito da técnica de extração na ação alelopática de diferentes órgãos de Calotropis procera (Aiton) W.T. Aiton (Apocynaceae)
  • Orientador : MARCOS VINICIUS MEIADO
  • Data: 09/02/2023
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • As plantas produzem diferentes tipos e quantidades distintas de compostos secundários durante seu ciclo de vida, os quais podem apresentar efeitos alelopáticos. De acordo com a forma com que esses compostos são extraídos, esses efeitos positivos ou negativos são alterados, pois a técnica influencia quais compostos estarão disponíveis na solução, bem como sua concentração. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da técnica de extração na ação alelopática de diferentes órgãos de Calotropis procera (Aiton) W.T. Aiton (Apocynaceae), uma espécie exótica invasora presente no Estado de Sergipe. As amostras da espécie estudada foram coletadas em uma população localizada em áreas de Caatinga do município de Canindé de São Francisco, no Alto Sertão Sergipano. Para a produção dos extratos foram utilizadas amostras de raízes, caules, folhas, flores, frutos verdes e frutos secos, totalizando seis tratamentos. O material coletado foi lavado em água corrente e colocado para secar em estufa de circulação forçada de ar, a 50 °C, por 72 horas. Após a secagem, as amostras foram trituradas e utilizadas para a preparação dos extratos através de duas técnicas. Na primeira, as amostras foram colocadas em água destilada na proporção de 1:10 (amostra desidratada: volume de água) e mantidas em temperatura de 25 °C, por 24 horas, com posterior filtragem. Por sua vez, na segunda técnica, as amostras também foram colocadas em água destilada na mesma proporção, mas mantidas em ultrassom por 30 minutos, a 25 °C. As soluções produzidas pelas duas técnicas de extração foram testadas nas concentrações de 100, 90, 80, 70, 60, 50, 40, 30, 20, 10 e 0%, diluídas em água destilada. A ação alelopática dessas soluções foi avaliada na germinação das sementes de alface [Lactuca sativa L. (Asteraceae)], espécie modelo para estudos de alelopatia. Foram calculados os parâmetros germinabilidade, tempo médio de germinação, velocidade média de germinação e sincronia, os quais foram comparados por Modelos Lineares Generalizados, com três fatores categóricos (órgão, técnica de extração e concentração, sendo a último aninhado à técnica de extração). Todos os parâmetros germinativos foram afetados significativamente pelos fatores avaliados, com exceção da sincronia. Independentemente da técnica de extração, foi observada uma redução significativa dos parâmetros germinativos com o aumento da concentração das soluções. Os órgãos com maior ação alelopática foram as flores e os frutos verdes. Em relação à redução na germinabilidade, isso pode estar relacionado ao estresse aleloquímico que ocasiona a inibição da absorção de água e alteração na atividade do ácido giberélico. Conclui-se que técnica de extração influencia a ação alelopática dos diferentes órgãos de C. procera e o potencial germinativo.

2022
Descrição
  • SUELY MORAES ALVES
  • Desenvolvimento de Sistemas Estabilizados por Tensoativos para a Administração Tópica de Lapachol no Tratamento de Leishmaniose
  • Orientador : VICTOR HUGO VITORINO SARMENTO
  • Data: 29/08/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A leishmaniose é uma doença infecciosa negligenciada no mundo. Se manifesta emduas formas principais, tegumentar (cutânea ou mucocutânea) e visceral. O tratamentoatravés de medicamentos tem longa duração, alto custo e efeitos adversos. Umaalternativa seria o uso de produtos naturais como o lapachol, que apresenta uma série deatividades farmacológicas, dentre elas leishmanicida. Entretanto, o lapachol tem efeitosadversos por via oral, sendo interessante para aplicação tópica. Este estudo teve comoobjetivo desenvolver e caracterizar formulações a partir de sistemas estabilizados portensoativos para a administração tópica do lapachol no tratamento de leishmaniose. Asformulações foram preparadas por meio do diagrama de fase, utilizando água destilada,Citrus sinensis, Tween 20, Eumulgin Co 40, como tensoativo e cotensoativo,respectivamente, que foram combinados na proporção de 1:1 e 2:1. Desta forma, duasformulações do diagrama de proporção 2:1 foram selecionados. O lapachol foiincorporado na formulação, com a finalidade de avaliar a influência do fármaco nossistemas selecionados. A caracterização estrutural das formulações foi realizada pormeio de análises de microscopia de luz polarizada (MLP), reologia e espalhamento deraios-X de pequeno ângulo (SAXS). As formulações apresentaram-se isotrópicas, umavez que, as propriedades reológicas do sistema apresentaram comportamentocaracterístico newtaniano e os resultados do SAXS confirmaram a formação demicroemulsões. Também foram realizados ensaios biológicos, afim de avaliar o perfilde permeação e eficácia do lapachol sobre os sistemas. Dos resultados pode-se destacara baixa citotoxidade e boa atividade leishmanicida, além de apresentar capacidade depermeação quando comparados ao controle. As formulações podem, portanto, promoverveículos promissores para administração tópica.

  • JORGE LUIZ DA SILVA FILHO
  • SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO DE NANOCRISTAIS SEMICONDUTORES DO TIPO BIVO 4 ANCORADOS EM DIATOMITA: ESTUDO DA ATIVIDADE FOTOCATALÍTICA NA DEGRADAÇÃO DO CORANTE AZUL DE METILENO
  • Orientador : RENATA CRISTINA KIATKOSKI KAMINSKI
  • Data: 29/08/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Efluentes de curtume, são classificados como um dos dez mais prejudiciais ao meioambiente, isso porque sua composição química é formada por uma variedade deelementos, desde corantes até metais pesados. Dessa forma, torna-se urgentedesenvolver métodos de remoção desses poluentes e a tecnologia fotocatalítica, vem semostrando como forte candidata a resolver essa problemática. Devido à sua atividadefotocatalítica à luz visível, fotocatalisadores baseados em bismuto, vem sendo estudadosde forma considerável. Entre eles, o semicondutor Vanadato de Bismuto (BiVO 4 ), comestrutura cristalina monoclínica, tem sido reconhecido como um fotocatalisadorpotencialmente apropriado para a degradação de contaminantes orgânicos sob irradiaçãocom luz visível, isso devido ao seu estreito intervalo de band gap de 2,4 eV. No entanto,A baixa área de superfície e o uso na forma pura, diminuem seriamente a atividade decompostos baseados em BiVO 4 e podem impedir a sua utilização generalizada comofotocatalisadores. Nesse sentido, o presente trabalho estudou a síntese e caracterizaçãode nanocristais do tipo BiVO 4 ancorados em diatomita. Assim como, sua atividadefotocatalítica na degradação do corante azul de metileno e de resíduo de curtume, sobirradiação solar. Objetivando produzir um fotocatalisador mais eficiente possível na degradação desses poluentes orgânicos. Da caracterização estrutural das amostras, foi possível extrair informações, tais como: condições de cristalização dos nanocristais de BiVO 4 e dos compósitos BiVO 4 @diatomita, que apresentou valor médio de 200 ºC/12h. Tamanho do cristalito, que foi da ordem de 32 ± 4 nm para os nanocristais de BiVO 4 e 23 ± 2 nm para o SiO 2 , que forma a matriz porosa da diatomita. Quantificação de fases através do método de Rietveld, que foi de fundamental importância para o trabalho, mostrando que os valores experimentais conferem com os nominais. Quanto a caracterização óptica, os resultados mostraram que o band gap do BiVO 4 varia com a concentração de diatomita, apresentando valores entre 2,26 eV 2,39 eV. Dos testes fotocatalíticos, o compósito BVO_DE02 foi o que apresentou melhores resultados sob irradiação solar, degradando 97% de uma solução do corante MB em um intervalo de tempo de 120 min. Apresentando uma constante de velocidade de reação k = 1,32x10 -3 min -1 , que foi cerca de 30% mais rápido que o BiVO 4 puro.

  • MÉRCIA PASSOS DA CRUZ TAVARES
  • Percepção e atitudes de universitários em relação à Ciência
  • Orientador : MARCIO ANDREI GUIMARAES
  • Data: 25/08/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Este é um trabalho descritivo que busca desvelar as atitudes e percepções de licenciandos em reração à ciência. Para isso foi utilizada a Escada de Atitudes em Relação à Ciência (EARC) avalia, em duas subscalas, a Iniciativa Pessoal (IP) e as Crenças e Afetos (CA) em relação à Ciência. A base de dados utilizada foi prduzida por Lima (2017) em sua pesquuisa de mestrado. Responderam o questionário licenciandos de Ciências Biológicas, Física, Geografia, Matemática, Pedagogia e Química. Nesta fase são apresentados os resultados descritivos da pesquisa.

  • ERIC MARTINS SANTANA SANTOS
  • Mudanças climáticas como Tema Controverso: estudo de caso em um curso de formação de professores de Física.
  • Orientador : TIAGO NERY RIBEIRO
  • Data: 29/07/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Ao utilizar temas controversos em sala de aula, os professores não só tendem a dividir opiniões oupromover pontos de vistas que sejam diferentes, desafiadores e despertem sentimentos fortes nos estudantes,eles oferecem a oportunidade de se discutir e compreender mais profundamente sobre os temas, aumentar aconscientização e o pensamento crítico. Para isso, com a finalidade de criar um ambiente de aprendizagembaseado na equidade, na voz do estudante e em princípios democráticos, faz-se necessário odesenvolvimento de um conjunto de conhecimentos que tenham o potencial de fornecer compreensãonecessária para a análise e discussão de temas que tenham o potencial de ser controversos, permitindo que oestudante aprenda a luz das evidências examinadas criticamente. Dessa forma, neste trabalho, tivemos porobjetivo investigar o potencial de utilização dos temas controversos como situação didático-pedagógica emsalas de aula da educação básica para o ensino de física em um curso de formação de professores de física.Para isso, norteamos o trabalho a partir de princípios da teoria da Aprendizagem Significativa e dos TemasControversos e o delineamos em um estudo de caso qualitativo exploratório decisivo com uma amostragempor conveniência, no qual foi ministrado um curso de formação de professores que contemplou os temascontroversos em sala de aula. A coleta de dados foi realizada a partir de questionários analisados através daanálise de conteúdo de Bardin em uma amostra de quatro professores de física do ensino médio. A partir daanálise dos dados identificamos que, no conjunto de respostas, praticamente todos reconhecem aimportância da realização de atividades de discussão de temas que sejam controversos nas aulas de ciências,atribuindo-lhes potencialidades na análise que realizaram para essas atividades, porém demonstrarampossuir certa resistência às mudanças de hábitos em relação as práticas, principalmente a questões referentesa formação continuada para o trabalho com os temas e a adaptação do tempo com a grande extensão dosprogramas escolares. Em relação ao curso de formação, segundo os professores entrevistados, contribuiupara a formação e o desenvolvimento de competências profissionais necessárias para o ensino de ciênciasque, a partir de temas controversos, proporciona a análise crítica em diversos níveis do empreendimentocientífico. O que sugere a importância de ações do tipo como iniciativa de formação continuada quefacilitam o desenvolvimento dessas competências na prática de sala de aula dos atuais professores, em seusconhecimentos didáticos sobre as abordagens, metodologias e atividades mais adequadas ao ensino dessesconhecimentos e as possíveis reflexões sobre as finalidades do ensino de ciências e a sua concretização.

  • THAMIRES ALMEIDA PEREIRA
  • PADRÃO DE DISTRIBUIÇÃO DA MICOTA LIQUENIZADA EM UNIDADES DE PAISAGEM DO SEMIÁRIDO SERGIPANO.
  • Orientador : MARCELA EUGENIA DA SILVA CACERES
  • Data: 30/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A cartografia de paisagem, chamada também de mapeamento de geossistemas é
    utilizada em vários ramos da ciência, sendo delimitada através das características físico-geográficas da localidade, relevo, solos e biota, entre outros. O sensoriamento remoto é
    bastante utilizado na cartografia de paisagem, a interpretação das figuras e construção demapas são realizados a partir de ferramentas de capturas de imagens e programastecnológicos de geoprocessamento, o SIG é uma dessas ferramentas, que permiteprodução, armazenamento, processamento, analise e representação das informações doespaço geográfico. Estudos sobre o padrão de distribuição espacial da micota liquenizadautilizando o sistema de informações geográficas são escassos, esse é um estudo pioneirono Brasil. Acreditava-se que os liquens eram organismos formados pela associaçãosimbiótica apenas entre um fungo e uma alga e, ou cianobactéria, porém, estudosmostraram a presença de leveduras no talo liquenico. A Caatinga, bioma exclusivamentebrasileiro, sofre a décadas com o grande índice de desmatamento, atualmente possuiapenas metade de sua cobertura vegetal original, mesmo assim, é uma região conhecidapela grande diversidade de fauna e flora, e a quantidade de espécies endêmicas. O objetivogeral do projeto é elaborar um banco de dados georreferenciado das características dapaisagem geoambiental em que liquens ocorrem no semiárido Sergipano. A metodologiapara análise georreferenciadas foi adaptada de acordo com Cavalcanti, 2013 e 2018.Inicialmente foi realizada a determinação dos limites dos sítios, avaliando a diferenciaçãoda paisagem, elementos estáveis da paisagem: formas de relevo, drenagem, litologia econdicionantes climáticos, em seguida a descrição dos atributos físico-geográficos emescala regional, caracterizando os elementos dinâmicos da paisagem, vegetação,características físicas dos tipos de solo e uso e ocupação. Atualmente, está sendo realizadaa produção de mapas e quadros de síntese, para isso as unidades de paisagem classificadasde acordo com três principais temas: relevo, vegetação, solo, posteriormente, seráinserido a geolocalização dos liquens. Como resultado preliminar, temos a realização dolevantamento liquênico e a catalogação dos liquens das cincos regiões, onde foram
    registradas em Nossa Senhora da Glória, 18 espécies, Monte Alegre de Sergipe, 44gêneros, Pedra Mole, 17 gêneros, Poço Redondo, 29 gêneros, Poço Verde, 56 gêneros, ePorto da Folha, 26 gêneros, Lecanora, Leucodecton, Graphis, Glyphis, Trypetheliumforam os gêneros mais representativos.

  • PAULA DE OLIVEIRA PASSOS
  • PADRÃO DE DISTRIBUIÇÃO DOS LIQUENS EM UNIDADES DE PAISAGEM DO DOMÍNIO ATLÂNTICO SERGIPANO
  • Orientador : MARCELA EUGENIA DA SILVA CACERES
  • Data: 30/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Podemos observar diferentes paisagens, ao olhar o horizonte, e essa diversidade depaisagens é fruto de diferentes interações entre fatores abióticos, bióticos e culturais queali ocorrem. O estudo do Geossistema visa compreender essas relações. O bioma MataAtlântica é caracterizado por apresentar uma enorme biodiversidade. Um grupo deorganismo que tem sua distribuição influenciada pelas interações com os fatores presentesem seu entorno são os liquens. Estes organismos são provenientes da relação simbióticaexistente entre o micobionte (fungos) e os fotobiontes (algas e/ou cianobactérias). Opresente trabalho visa realizar o levantamento do padrão de distribuição dos liquenscrostosos que ocorrem no Domínio Atlântico do estado de Sergipe, através dogeorreferenciamento das áreas estudadas. Para observar o padrão de distribuição dasespécies de liquens foi realizada a análise de 14 fragmentos de Mata Atlântica, localizadosno estado de Sergipe, dos quais já existiam dados de ocorrência de espécies. Para talanálise foi realizado a divisão em cinco etapas: 1) identificação das espécies de liquens;2) elaboração de tabelas no programa Excel com as espécies de liquens depositadas no
    herbário ISE; 3) determinação dos limites de sítios; 4) descrição dos atributos físico-geográfico em escala regional; e 5) produção de mapas e quadros de síntese. Como
    resultado, foi possível observar a ocorrência de 382 espécies, 114 gêneros, 32 famílias,16 ordens e 6 classes nos 14 fragmentos analisados no Domínio Atlântico de Sergipe,sendo que maioria pertence à família Graphidaceae, sendo essa caracterizada porapresentar grande diversidade. Em relação à interligação entre os liquens e os atributosgeoambientais, foi possível notar que formação litológica com maior abundâncialiquênica foi a Formação Barreiras. A família Graphidaceae se fez presente em todasformas de litologia. A direção dos ventos que ocorreu uma maior ocorrência de liquensse deu no sentido nordeste. A faixa de temperatura que apresentou uma riqueza liquênicamaior foi entre 24 a 26 °C. Em relação à precipitação, observou-se que não houve umamudança significativa na riqueza dos liquens, isso pode ter ocorrido pelo fato dos liquensutilizarem outras fontes para obter água, como através da neblina ou orvalho. Aspaisagens em discussão apresentaram valores de índice de aridez que enquadra empaisagens subúmidas e úmidas, isso pode ter favorecido a grande ocorrência dos liquens.Também não foi notória uma diferença significativa nas diferentes texturas do solo, issopode estar relacionado ao fato dos liquens serem classificados como organismospoiquilohídricas. A cobertura e uso da terra que tiveram como características a presençade vegetação como a formação florestal e restinga arborizada, houve uma maior riquezaliquênica. Podemos concluir que a análise dos fatores geoambientais na distribuição dosliquens no domínio atlântico sergipano pode ser suma importância para a compreensãoda forma como a biota liquênica distribui-se na Mata Atlântica do estado de Sergipe.

  • EDUARDO ALVES PEREIRA FILHO
  • PERCEPÇÃO DE ALUNOS E PROFESSORES SOBRE O ENSINO REMOTO NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19
  • Orientador : JOSE RONALDO DOS SANTOS
  • Data: 27/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O isolamento social decorrente da pandemia do coronavírus, forçou os sistemas educacionais apassarem por adaptações que possibilitassem a continuidade das atividades escolares. Entre asadaptações encontra-se o ensino remoto emergencial, promovido no Brasil, que se caracterizacomo um país em desenvolvimento, de grande assimetria social e consequente desigualdade deacesso às ferramentas digitais necessárias. Além dos aspectos materiais, destacam-se osaspectos emocionais e motivacionais frente ao contexto de isolamento e insegurança noplanejamento didático. Em muitos casos, houve apenas uma transposição do ambiente de salade aula, com ausência de adaptações metodológicas que facilitem o processo deensino/aprendizagem. Não diferente, encontra-se o ensino superior, que apesar de ser formado,em sua maioria, por uma população jovem adulta, tem apresentado muitas dificuldadessemelhantes às mencionadas. Nesse sentido, o presente estudo se propôs investigar a relaçãoentre autoeficácia e a motivação de professores e alunos do campus universitário ProfessorAlberto Carvalho - UFS, durante o ensino remoto ocorrido na pandemia do coronavírus. Osdados a serem utilizados no presente estudo serão provenientes do banco de dados (microdados)da avaliação institucional realizada pela comissão permanente de autoavaliação (CPA) da UFS- Campus Prof Alberto Carvalho, realizada durante o período letivo remoto de 2020/1. A coletade dados realizada pelo CPA, referente a avaliação do ensino remoto do referido campus foirealizada da seguinte forma: Docentes e discentes de 10 cursos de graduação responderam umquestionário, enviado via sistema, uma semana antes do início das aulas remotas de 2020/1.Após 8 semanas (50% do período letivo) e 16 semanas (fim do período letivo), os alunos eprofessores receberam o questionário on line para respondê-lo novamente. Os questionários nãoforam identificados com nome ou documentos pessoais, haviam questões que buscavam avaliaro perfil, características do espaço de estudo/trabalho habilidades digitais, avaliação doautodesempenho, motivação e segurança em relação ao ensino remoto. Após autorização eacesso aos dados (perguntas e respectivas respostas), os mesmos foram tabulados, garimpadose analisados, agrupando as informações de forma geral, separados entre discentes e docentes eavaliações por área de conhecimento. Os dados também foram submetidos a análises estatísticasde agrupamentos (PCA) e fatoriais. Espera-se no final do trabalho, conhecer um pouco maissobre os aspectos relacionados à motivação, segurança, autoeficácia de docentes e discentessubmetidos ao sistema de ensino remoto. O presente também poderá contribuir na tomada dedecisão de professores e gestores educacionais.

  • MARIA CAROLINA CARVALHO SANTOS
  • Potencial Alelopático de Extratos Aquosos de Espécies da Família Fabaceae, na Germinação de Lactuca sativa L.
  • Orientador : MOACIR DOS SANTOS ANDRADE
  • Data: 27/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Alelopatia é um processo pelo qual produtos do metabolismo secundário de um vegetal sãoliberados, interferindo na germinação e desenvolvimento de outras plantas relativamentepróximas, de maneira positiva ou negativa. Dentre as plantas, com efeito, alelopático presente,tem-se as plantas exóticas invasoras. As plantas exóticas invasoras vêm sendo um dos principaisproblemas sobre a biodiversidade e sobre as plantações. Neste sentido, o presente trabalhoobjetivou avaliar o efeito alelopático das espécies Crotalaria retusa L, Senna occidentalis (L.) eSenna obtusifolia L. (Fabaceae) na germinação de sementes de alface [Lactuca sativa L.(Asteraceae)]. Os paramentros avalidaos neste trabalho foram a germinabilidade (%), velocidademédia de germinação (dias -1 ), o tempo médio de germinação (dias) e sincronia de germinação. Osdados foram tratados utilizando o software Germina Quant, sendo comparados através daANOVA Fatorial, com teste de Tukey a 5%. Os extratos das folhas de C. retusa se mostraramcom maior efeito alelopático e em concentrações de 100%, diminuindo a germinabilidade dassementes, a velocidade com que as sementes germinaram, aumentando seu tempo de germinaçãoe reduzindo sua sincronia. Para as espécies de Senna foram observados que em ambas ocorreramum efeito alelopático mais expressivo nas folhas e em concentrações de 100%. Houve tambémefeito alelopático nos demais órgãos e concentrações, porém, com menor efeito. Em comparaçãoentre as Sennas obteve-se um resultado melhor para a espécie S. occidentalis, fazendo agerminabilidade das sementes serem quase nulas.

  • JOSÉ CÍCERO FERREIRA DOS SANTOS
  • MACRO E MESOFAUNA COMO BIOINDICADOR PEDOLÓGICO DA CAATINGA NO SERTÃO ALAGOANO
  • Orientador : MARCELO ALVES MENDES
  • Data: 26/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho procura descrever e analisar a abundância, riqueza, diversidade e interações da macro e mesofauna como possível bioindicador de qualidade de solo em áreas antropizadas e não antropizadas no bioma Caatinga localizado no Sertão alagoano. Problematiza se os organismos edáficos são indicadores da qualidade do solo já que participam da cadeia alimentar e fluxos energéticos na dinâmica de mineralização dos resíduos orgânicos hipotetizando afirmativamente. Para tanto foram tomadas para análises quatro áreas no município de Santana do Ipanema, AL: Reserva Tocaia preserva (RTP), Tocaia antropizada (TA); Estação Curral do Meio preservada (CP), Curral do Meio antropizada (CA). Para a coleta de macrofauna fez-se uso adaptado do método Tropical Soil Biology and Fertility (TSBF) descrito por Anderson e Ingran, 1993. Já a extração de mesofauna utilizou-se o extrator de Berlese Tullglen. Todas as amostras tiveram seus organismos edáficos quantificados e identificados em nível de ordem e em seguida submetidos ao programa BioEsta 5.0 para verificar a diversidade de Shannon e Uniformidade de Pielou; bem como analisados através de Modelos Lineares Generalizados (GLM), com teste de Tukey a posteriori. As análises foram realizadas no software STATISTICA 13.0 com índice de significância de 0,05; ocorreram análise físicas e químicas do solo. Nos ambientes analisados foram encontrados 1.813 indivíduos, distribuídos em 20 grupos taxonômicos. A macrofauna na área (RTP) apresentou 107 indivíduos e 8 ordens; (TA) 315 indivíduos e 9 ordens; (CP) 302 indivíduos e 14 ordens e (CA) 175 indivíduos e 7 ordens. Para a mesofauna apresentaram: (RTP) 272 indivíduos e 7 ordens, (TA) 359 indivíduos e 5 ordens, (CP) 169 indivíduos e 6 ordens, (CA) 114 indivíduos e 6 ordens. Como resultado geral temos que a área (RTP) teve para a macrofauna em relação a (TA) apresentou maior riqueza e menor abundância, já para mesofauna menor riqueza e maior abundância; a área (CP) em relação à (CA) levando em consideração a macrofauna se mostrou mais rica e abundante e em relação à mesofauna obteve maior abundância, porém com mesma riqueza. Os grupos da macrofauna mais abundantes foram haplotaxida (minhocas), hymenoptera (formigas), isoptera (cupins) e pulmonata (lesmas e caracóis) e para a mesofauana foram Acarina e Collembolas. Pode-se concluir que os organismos edáficos são bioindicadores de qualidade de solo, todavia, se faz necessário novos estudos direcionados a determinados grupos faunísticos.

  • RENATA RODRIGUES DA COSTA
  • FITOTERAPIA E PLANTAS MEDICINAIS EM UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE NO MUNICÍPIOS DE ITABAIANA – SERGIPE: A VISÃO DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE
  • Orientador : VALERIA PRISCILA DE BARROS
  • Data: 26/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Estudo conduzido no município de Itabaiana - SE, constatou que agricultores de umpovoado utilizavam plantas medicinais para o tratamento de dor no estômago, ferimentosna pele, dor de garganta, gripe e dor de cabeça. Devido à baixa assistência médica nolocal e os altos preços dos medicamentos, as plantas no tratamento de muitas doençaseram importantes para a comunidade estudada. Apesar de existirem estudos queevidenciem o uso de plantas medicinais e fitoterápicos pela população do município deItabaiana/SE, não há registros na literatura sobre projetos desenvolvidos pela gestãomunicipal que abordem essa temática e principalmente sobre a percepção dosprofissionais de saúde da região. Esse estudo foi realizado no intuito de contribuir para oconhecimento nesta área e de proporcionar um diagnóstico da aceitação e prescrição defitoterápicos e plantas medicinais por parte de profissionais da saúde que atuam naatenção primária de Itabaiana/SE. Trata-se de um estudo descritivo e exploratório deabordagem quanti-qualitativa e o instrumento de coleta de dados foi questionário viagoogle formulário. Os dados coletados foram submetidos à análise estatística descritivaseguida pela sua categorização e análise percentual pelo Microsoft Excel 2013® etambém foram submetidos à análise de conteúdo. Os resultados indicaram que houve acarência de disciplinas e conteúdos relacionados a Fitoterápicos e Plantas Medicinais aolongo da formação acadêmica dos profissionais da saúde. O déficit de prescrição defitoterápicos e plantas medicinais no âmbito da saúde pública é preocupante porque emnosso país, existe uma política específica para isso, a Política Nacional de PlantasMedicinas e Fitoterápicos.

  • LEONARDO DE ALMEIDA SANTOS
  • Avaliação do impacto do uso de agrotóxicos na saúde mental de trabalhadores de comunidades agrícolas do município de Lagarto - SE
  • Orientador : LÍVIA CRISTINA RODRIGUES FERREIRA LINS
  • Data: 12/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O presente estudo teve como objetivo principal avaliar a ocorrência de transtornosmentais comuns em trabalhadores de comunidades agrícolas expostos a agrotóxicos.Trata-se de um estudo transversal, descritivo e analítico, com trabalhadores rurais, queutilizavam agrotóxicos na lavoura e residiam no município de Lagarto-SE. Os dadosforam coletados entre os meses de maio a setembro de 2021 por meio de visitas técnicasno sindicato rural do município. Foi utilizado um questionário para coleta de dados, comas seguintes variáveis: dados de identificação, sociodemográficos, clínicos, cuidadoscom a saúde, sintomas físicos e emocionais associados ao uso de agrotóxicos einformações sobre a prática do uso de pesticidas. Além deste, foi utilizado o Self-Reporting Questionnaire (SQR-20), escala multidimensional, para a suspeiçãodiagnóstica de transtornos mentais comuns. Todas as fases desta pesquisa foramrealizadas em consonância com as questões ético-legais da resolução n. 466/12 doConselho Nacional de Saúde e aprovadas pelo Comitê de Ética em Pesquisa daUniversidade Federal de Sergipe (CAAE 15412119.4.0000.5546). Os dados foramorganizados no Microsoft Excel e a análise foi feita no programa estatístico - versão 6.0do Graph Pad Prism software. Foi aplicado o Coeficiente Alfa de Cronbach, paraverificar a consistência e a confiabilidade do instrumento, teste exato de Fischer paraverificar existência de associação entre as variáveis estudadas. Foram consideradasdiferenças estatisticamente significativas quando p &lt; 0,05. Amostra foi composta por95 indivíduos, sendo 59% do sexo masculino e 41% do sexo feminino. Verificou-se queo maior percentual dos indivíduos, 53%, encontrava-se na faixa etária entre 40 e 59anos. Destacou-se a baixa escolaridade dos participantes da pesquisa, pois 43% delesrelataram possuir ensino fundamental incompleto. Foi visto que 74 (78%) voluntáriosatuavam na agricultura há mais de 20 anos. A análise dos dados do SQR-20 demonstrouque praticamente a metade dos participantes da pesquisa 45 (47%) apresentousofrimento mental. Verificou-se que existe uma relação significativa (p&lt;0,05), entretempo de agricultura e de exposição a agrotóxicos com os transtornos mentais comuns.Nossos resultados sugerem que o uso indiscriminado de pesticidas pode estar associadoa ocorrência de transtornos mentais comuns, demonstrando a relevância dainvestigação do impacto da exposição a agrotóxicos na saude destes individuos.

  • RUDVAN CICOTTI
  • MEIO AMBIENTE E DOENÇAS NEURODEGENERATIVAS: TRAÇANDO CONEXÕES COM BASE EM POPULAÇÃO DO SUDOESTE SERGIPANO, BRASIL
  • Orientador : DEISE MARIA FURTADO DE MENDONCA MARTINS
  • Data: 03/05/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • As Doenças Neurodegenerativas (DN) são um grupo de doenças queprovocam a morte de neurônios do sistema nervoso central e/ou periférico. São doençasprogressivas, incapacitantes, de alta morbimortalidade e que trazem grande prejuízo nasatividades de vida diária do paciente e seus familiares. As DN não possuem tratamentoeficaz para promoção da cura, mas o tratamento farmacológico sintomático eacompanhamento multidisciplinar contribuem significativamente para a melhoria daqualidade de vida dos pacientes. No Brasil, as DN não são doenças de notificaçãocompulsória e há pouco estudos sobre incidência e condição clínica de pacientes. Osdados epidemiológicos geram informações que contribuem para a pesquisa básica eclínica, além de fomentar a aplicação de novas políticas públicas de saúde paraatendimento de uma determinada população. Objetivo: Realizar levantamentoepidemiológico e clínico de pacientes acometidos por DN em municípios do sudoeste doestado de Sergipe e realizar a análise de fatores ambientais, como possíveis fatores derisco das doenças mais incidentes identificadas. Metodologia: Trata-se de uma pesquisado tipo analítica, descritiva, com delineamento de corte transversal. Essa pesquisa foidividida em duas etapas, no qual, na primeira etapa, foi realizado o levantamentoepidemiológico das DNs dos seis municípios que fazem parte da Região de Saúde deLagarto, junto as respectivas Secretarias de Saúde. Na segunda etapa, pacientespertencentes às doenças com maior número de casos foram recrutados para responder aum questionário semi-estruturado de levantamento de fatores de risco. Resultados:Foram identificados no total 102 pacientes com DN. As taxas de prevalência foram: 0,38para Doença de Parkinson associada à Demência, Ataxia Espinocerebelosa, AtaxiaCongênita Não-Progressiva, Demência Frontotemporal e Síndrome de Parry Romberg;0,76 para Distrofia Muscular de Duchenne, Doença de Huntington e Esclerose LateralAmiotrófica; 3,04 para Charcot-Marie-Tooth; 1,14 para Atrofia Espinal Muscular; 1,52para Ataxia de Friedreich; 12,9 para Doença de Alzheimer (DA) e 15,94 para Doença deParkinson (DP). A DA (n=34) e DP (n=42) foram as doenças com maior prevalênciaidentificadas na área de estudo. Para aplicação do questionário de fatores de risco, ospacientes com Alzheimer (n=16) e com Parkinson (n=17) aceitaram participarvoluntariamente e dentre eles foi obtida a idade média de 81,5±9,37 para DA e 68,3±9,94para DP. Com relação ao sexo, 81,25% (DA) e 58,82% (DP eram do sexo masculino.Com relação a forma da doença, 56,25% de pacientes com DA e 64,71% com DP tinham a doença na forma esporádica. Diabetes e Hipertensão Arterial foram as principais comorbidades identificadas. Fungicida, herbicida e inseticida foram os principais agrotóxicos aos quais os pacientes foram expostos, bem como, foi identificada a exposição a metais provenientes de Solda, Breu/Piche, Alumínio e Cobre e exposição química ao Thinner.

  • IASMIN TELES CARVALHO
  • Geomorfologia da Paisagem através da Quimioestratigrafia de Depósitos de encosta e fluviais do Maciço da Serra Negra e área circunvizinhas, Sergipe
  • Orientador : DANIEL RODRIGUES DE LIRA
  • Data: 29/04/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O período Quaternário surge, como um importante fator de entendimento para toda a evolução geomorfológica, pois, neste período ocorreram a maior parte das mudanças no modelado terrestre hoje identificadas, contribuindo assim para compreensão das alterações e reconstruções da paisagem com a análise dos acontecimentos pretéritos. As condições climáticas do Nordeste, são interpretadas como um dos principais fatores de atuação e modificação associado ao intemperismo químico, relacionando com as alterações na gênese do solo, e sua influência na rede de drenagem. Dessa maneira, tem-se por objetivo geral responder questões acerca do papel da erosão diferencial associada a morfoestrutura entre as bacias hidrográficas com o intuito de entender a morfogênese neste setor da província Borborema. A área estudada corresponde a um maciço conhecido localmente como a Serra Negra de Poço Redondo, na divisa estadual de Sergipe com a Bahia, semiárido brasileiro, por configurar um importante divisor d’águas para a região, é um exemplo de paisagem geomorfológica que sofre com atuação da dinâmica dos sistemas fluviais no processo de morfogênese do relevo. Para execução desta pesquisa quali-quantitativa, serão confeccionados em primeiro momento uma serie de mapeamentos, das unidades do relevo, geomorfológicas, estrutural e aspectos fisiográficos utilizando softwares de geoprocessamento como também visitas de campo, possibilitando a coleta dos sedimentos para realização de análises geoquímica destes perfis estratigráficos pelo método XRF (Fluorescência de Raio X), identificando a origem, proveniência e alterações, facilitando a compreensão dos diversos ambientes geológicos/geomorfológicos de formação, contribuindo para a elucidação da evolução da paisagem local e dinâmica ambiental pretérita. Já a análise granulométrica destes sedimentos dos depósitos fluviais, serviram para auxiliar a compreensão dos processos físicos que ocorreram durante a sedimentação, se tornando também um elemento de interpretação dos processos, além de trazer respostas sobre o comportamento fluvial, transporte e sua sedimentação. Assim a pesquisa, visa a coleta e análise dos dados, para a interpretação da sedimentação fluvial através da análise geoquímica e granulométrica, respondendo questões sobre as mudanças que se sucederam, e como a consequência dessa ação fluvial está explicita nos sedimentos e consequentemente na morfogênese do relevo afim de identificar um parâmetro evolutivo da paisagem geomorfológica e, por conseguinte ambiental para área de estudo.

  • MARCELO DOS SANTOS BEZERRA
  • FORMAÇÃO PARA O USO DAS TDIC EM CURSOS DE LICENCIATURA DA ÁREA DAS CIÊNCIAS DA NATUREZA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE, CAMPUS PROFESSOR ALBERTO CARVALHO
  • Orientador : JOÃO PAULO MENDONÇA LIMA
  • Data: 29/04/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa está vinculada à linha de pesquisa “Formação Docente em Ciências Naturais” etem como objetivo geral investigar e compreender a formação inicial de professores dos cursosde licenciatura da área das Ciências da Natureza da Universidade Federal de Sergipe(UFS/campus Professor Alberto Carvalho), com relação à preparação para o uso dasTecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC). Como objetivos específicos,buscou-se: analisar o lugar das TDIC na formação inicial de professores, a partir dos ProjetosPedagógicos dos Cursos (PPC) das licenciaturas da área das Ciências da Natureza e identificaras concepções dos professores formadores dos cursos de licenciatura da área das Ciências daNatureza sobre a sua atuação na preparação para o uso das TDIC na formação inicial dos futurosprofessores da educação básica. Concernente à metodologia, trata-se de uma pesquisaqualitativa do tipo estudo de caso, alocada nos cursos de licenciatura em Ciências Biológicas,Física e Química da Universidade Federal de Sergipe (UFS/campus Professor AlbertoCarvalho). As etapas da pesquisa contemplaram a análise documental, aplicação dequestionário e entrevistas semiestruturas. A organização e análise dos dados ocorre a partir daanálise de conteúdo (BARDIN, 2011). O resultado deste estudo respondeu ao problema quegerou esta pesquisa e apontou que as TDIC têm lugar nas licenciaturas investigadas, em geral,descrita nas referências legais e normativas, no perfil de egresso, nas competências habilidadesa serem desenvolvidas pelo graduando e na matriz curricular. Em relação às matrizescurriculares dos cursos investigados, observou-se que a abordagem sobre as TDIC noscomponentes curriculares apresenta-se intuitos diferentes por isso, foram classificados emquatro categorias: “Componente curricular com enfoque técnico para o uso das TDIC”,“Componente curricular de conhecimento específico da área” “Componente curricularespecífico de TDIC”, e “Componentes curricular profissional. Mesmo como a presença desteselementos, o espaço ocupado pelas TDIC nos PPC ainda é discreto, pois, o número decomponentes curriculares obrigatórios, que buscam aborda as TDIC no ensino, comoferramenta pedagógica, ainda é restrito. Notou-se também que os professores formadoresreconhecem o potencial das TDIC para melhorar a qualidade dos processos de ensino eaprendizagem. Os motivos elencados para isso, são relativos ao ensino e aprendizagem dos
    objetos de conhecimento abstratos na área das Ciências da Natureza. Além disso, compreende-se as TDIC como ferramenta de auxílio para o desenvolvimento do trabalho docente. A
    triangulação da análise dos dados, evidencia-se que a formação inicial de professores dos cursosinvestigados tem direcionamento de um currículo que aborda, explora, demostra e compartilha
    experiências sobre o uso das TDIC no processo formativo do professor. Embora, precisemelhora alguns aspectos, mas já se trilha um caminho para uma formação para que os futurosprofessores da área das Ciências da Natureza, possam utilizar as TDIC em suas práticas docente.Por fim, tendo em vista essa compressão, chega-se à consideração que algumas iniciativaspodem contribuir para uma formação inicial de professores da área das Ciências da Naturezapara o uso das TDIC mais efetiva: atualização e adequações permanente dos PPC dos cursos delicenciatura, para a construção de um documento cada vez mais próximo da realidade; melhoriana infraestrutura e o acesso as TDIC para que venha contribuir como maior adesão do uso dasTDIC no processo educacional; abordagem mais efetiva sobre o uso das TDIC nos componentescurriculares obrigatórios, que busque desenvolver a criticidade dos licenciandos em relação às
    TDIC e aos conhecimentos científicos específicos da Biologia, Física e Química e didáticos-pedagógicos; vivência de experiencias sobre o uso das TDIC no processo educacional, em
    âmbito como estágio e eventos, com a possibilidade do licenciando colocar em prática osconhecimentos adquiridos em sala de aula; necessidade de incentivo e promoção de cursos deformação continuada e reconhecimento da importância da formação constantes pelosprofessores formadores, a fim de acompanhar as mudanças propostas pela cultura digital.Entende-se que as discussões levantadas no decorrer desta dissertação, podem ser pertinentesna área educacional. Pois, ressalta-se que o resultado deste estudo dá relevo a importância dodebate contemporâneo sobre a formação inicial de professores para o uso das TDIC que atuarãona cultura digital.

  • TATIANE FERREIRA DOS SANTOS
  • AVALIAÇÃO DO IMPACTO DO USO DE AGROTÓXICOS NA SAÚDE DE AGRICULTORES MONTEALEGRENSES
  • Orientador : LÍVIA CRISTINA RODRIGUES FERREIRA LINS
  • Data: 28/04/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • Nos últimos vinte anos, houve um aumento considerável no uso de pesticidas no setor agrícola brasileiro, devido ao crescimento da demanda, causado por uma explosão populacional aliada à grande produção de commodities. Com isso, também se observou um aumento nos casos de intoxicação por agrotóxicos, o que tem sido considerado um problema de saúde pública. O objetivo do presente estudo foi identificar possíveis casos de intoxicação e a percepção de riscos do uso de agrotóxicos em trabalhadores rurais. Foi realizado um estudo transversal, observacional, descritivo e analítico, com abordagem quantitativa. A amostragem foi não-probabilística por conveniência, incluindo trabalhadores da zona rural de Monte Alegre de Sergipe. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Federal de Sergipe, com parecer de n° CAAE 15412119400005546. Os dados foram organizados e analisados no programa BioEstat versão 5.0. A correlação de Spearman foi utilizada para mensurar o grau de associação entre variáveis. A significância estatística foi considerada quando p<0,05. Nossos resultados demostraram que o público masculino (53%) foi o mais exposto aos agrotóxicos, trabalhando diretamente com a aplicação do produto na lavoura. Apenas 16% dos entrevistados afirmaram não fazer uso de agrotóxicos na plantação, mesmo tendo contato indireto com o produto. Dos 100 indivíduos de nossa amostra, 67% não possuíam o ensino médio, 40% compravam as substâncias de vendedores autônomos e 35% não receberam nenhuma orientação de uso. Apenas 10% da amostra relatou utilizar equipamentos de proteção individual. Os sintomas de intoxicação por agrotóxicos mais citados pelos entrevistados foram dor de cabeça (82%)) e dor no corpo (65%) Nossos resultados sugerem que Monte Alegre de Sergipe vem acompanhando a tendência mundial do uso inadequado dos agrotóxicos, em especial no que se refere à sua aplicação, uma vez que se observou falta de informação sobre questões como sinais de intoxicação e uso de EPI´s. Notou-se uma vigilância epidemiológica pouco atuante, uma vez que muitos casos de intoxicação aparentam ser subnotificados. Nesse sentido, faz-se necessária a aplicação de medidas públicas educativas acerca da segurança do trabalhador, a fim de amenizar os prejuizos à saúde causados até então, bem como previnir novos agravos.

  • TAINARA LIMA DA SILVA
  • Tropidurus hygomi e Melocactus violaceus subsp. margaritaceus: saurocoria envolvendo duas espécies endêmicas e ameaçadas de Restinga
  • Orientador : EDUARDO JOSE DOS REIS DIAS
  • Data: 25/02/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A saurocoria é um tipo de interação mutualística entre répteis e plantas, que tem ocorridoem uma variedade de ecossistemas e de formas distintas, sendo ecologicamente essencialpara ambas as partes. Dessa maneira, o objetivo deste estudo foi avaliar a saurocoriaenvolvendo duas espécies endêmicas e ameaçadas em uma extensão de restinga nomunicípio de Pirambu - SE, avaliando o comportamento das interações/visitas, afrequência de visitas do lagarto e a distância de dispersão, além de avaliar o potencialgerminativo das sementes consumidas pelos lagartos. O trabalho de campo foi realizadoem novembro e dezembro de 2020 e janeiro de 2022. Foram feitas observações focais,totalizando um esforço amostral de 9h. Também foi feita a captura dos lagartos para coletade amostras fecais, que foram utilizadas no experimento germinativo, assim como a coletade frutos das próprias plantas. Foi conduzido um experimento (janeiro a março de 2021)comparativo de germinação com as sementes coletadas diretamente dos frutos (controle)e aquelas coletadas a partir das fezes dos lagartos, em quatro tratamentos: Sementesconsumidas (SC); Sementes consumidas e lavadas (SCL); Sementes controle (SContro);e Sementes controle e lavadas (SControL). Foram registradas 9 visitas (1 visitas/h-1) e 22
    interações (2,44 interações/h-1
    ) do lagarto Tropidurus hygomi ao Melocactus violaceussubsp. margaritaceus, com uma média de tempo gasto de 4,46 ± 5,02 minutos. Asobservações mostraram que, frequentemente, esse lagarto utiliza o cacto, tanto para oconsumo de frutos quanto como sitio termorregulatório ou poleiro para observar oambiente. Dos 67 lagartos capturados apenas 53 defecaram, e foram obtidas 37 amostrasfecais contendo sementes (N = 218), em distâncias variando entre 2,0 – 8,0 metros docacto reprodutivo. Os resultados dos testes de germinação mostraram que T. hygomiapresenta uma alta quantidade de sementes viáveis (N = 175) de M. violaceus subsp.margaritaceus em suas fezes. A passagem das sementes pelo trato digestório dos lagartosse manteve alta, com 80% das sementes consumidas germinadas, porém, quandocomparada aos outros tratamentos (por exemplo, sementes controle (SContro – 97%) foiobservado um percentual de germinação menor com diferença significativa (ANOVA:
    F3,12 = 9,949; p = 0,00142). Tropidurus hygomi é um eficaz dispersor do M. violaceussubsp. margaritaceus, pois este ingere as sementes e eliminam elas intactas e viáveis,além de transportá-las para longe da planta mãe. De tal forma que esta interaçãomutualística é importante na garantia do sucesso reprodutivo e na sobrevivência das duasespécies, que já sofrem frequentes pressões antrópicas.

  • MISLENE DE JESUS MENDONÇA
  • “O SOLO NA EDUCAÇÃO BÁSICA: ANÁLISE SOBRE O ENSINO, APRENDIZAGEM E O USO DE JOGOS DIDÁTICOS”
  • Orientador : CRISTIANO APRIGIO DOS SANTOS
  • Data: 24/02/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O solo é um recurso natural que sofre com os impactos provocados pelo uso humano. Mesmosendo um elemento essencial dos ecossistemas, o solo ainda possui sua importância poucopopularizada. E, se tratando de sua relação com a água, a atenção é ainda mais reduzida, sendona maioria das vezes correlacionado ao se tratar da agricultura, mediante a irrigação e aoprocesso erosão. O que leva, dessa forma, à necessidade de se ampliar a Educação em Solos,sobretudo, na Educação Básica com vistas à sensibilização sobre a importância e os usosabusivos dos recursos naturais. Considerando a relevância e a complexidade dos conteúdossobre solos, é necessário que o seu ensino e aprendizagem ultrapassem as metodologiastradicionais, e se priorizem aulas que favoreçam uma aprendizagem mais significativa, nasquais o estudante esteja no centro do processo de construção do conhecimento. Nesse contexto,o trabalho em tela é uma investigação quali-quantitativa que objetiva realizar uma análise doensino e aprendizagem sobre o solo, no Ensino Fundamental II, a fim de oferecer subsídios paraa produção e uso de jogos didáticos. Para isso, propõe-se investigar o conhecimento dosestudantes do 8o e 9o ano, do Colégio Estadual Murilo Braga, por meio de questionários e aprodução de desenhos alusivos ao solo; analisar o tema nos livros didáticos de Geografia eCiências adotados pela unidade de ensino; bem como realizar entrevistas com docentes damesma instituição. Os resultados reforçam que os livros didáticos não dão o suporte necessáriopara os professores e estudantes no processo de ensino e aprendizagem sobre os solos e suacorrelação com a água. Além disso, a ausência da pedologia na formação inicial dos docentesjunto a falta de tempo para um planejamento mais consistente das aulas, pode afetar diretamentena aprendizagem dos discentes. Os resultados obtidos a partir dos questionários e desenhos,evidenciam o quão fragilizado é o ensino e aprendizagem do solo no contexto escolar, além danecessidade urgente de ampliar a Educação em Solos na Educação Básica. Espera-se que osjogos confeccionados a partir deste estudo possam ampliar e facilitar a compreensão dosestudantes sobre a importância, as características e os processos que envolvem o solo e, sejamuteis ferramentas de apoio para os educadores. Portanto, alertamos para a necessidade de serepensar a forma como é desenvolvida a Educação Ambiental nas escolas, em especial aosmétodos que são aplicados, bem como que as ações interdisciplinares entre as diversas Ciênciaspermitam o desenvolvimento de indivíduos comprometidos com as questões ambientais. E que,nesse ínterim, a Educação em Solos seja um dos caminhos para se desenvolver essa consciência.

  • FRANCIELLY OLIVEIRA DA SILVA
  • Leucaena leucocephala (Lam.) de Wit: impactos sobre a vegetação nativa do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe e modelagem de nicho climático
  • Orientador : JULIANO RICARDO FABRICANTE
  • Data: 23/02/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • As invasões biológicas (IB) são uma das principais ameaças à biodiversidade global e sãoresponsáveis por gerar prejuízos econômicos substânciais a agricultura e pecuária. Dianteda gravidade dos efeitos das IB e da baixa disponibilidade de informações sobre a maioriadas espécies que causam esse processo, o presente estudo teve como objetivo avaliar osimpactos da exótica invasora Leucaena leucocephala (Lam.) de Wit sobre a floraautóctone do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe e avaliar a distribuiçãopotencial atual e futura para a espécie por meio da modelagem de nicho climático. Paraaferir os impactos de L. leucocephala sobre a vegetação nativa do local de estudo foramplotadas 20 parcelas, sendo metade em sítios invadidos pela espécie e a outra metade emsítios não invadidos. No interior dessas unidades amostrais, os indivíduos de todas asespécies lenhosas foram contabilizados e com esses dados foram realizadas as análisesestatísticas. Para avaliar a distribuição potencial da espécie, foram obtidos pontos deocorrência georreferenciados nas bases de dados SpeciesLink e GBIF. As análises foramrealizadas para o momento presente e futuro usando variáveis bioclimáticas obtidas noWorldclim 2.0. Para a realização da modelagem utilizou-se diferentes algoritmos paragerar um modelo consensual. Foram amostradas 41 espécies no ambiente invadido e 18no ambiente não invadido. Segundo as análises realizadas, há diferenças significativas nacomposição, riqueza e diversidade entre os ambientes estudados. Os resultados da análisede modelagem indicaram alta susceptibilidade de ocorrência para a espécie em todo oterritório brasileiro. Os resultados também sugerem que sua área de ocorrência potencialpoderá aumentar caso as previsões de mudanças no clima para os próximos anos seconcretizem.

  • LUIS CARLOS SOARES DA SILVA
  • EDUCAÇÃO CIENTÍFICA INFANTIL EM ESPAÇOS NÃO FORMAIS FUNCIONAIS
  • Orientador : MARCELO LEITE DOS SANTOS
  • Data: 17/02/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A educação científica surge em meio as grandes transformações tecnológicas dasúltimas décadas, visando informar e formar as pessoas para o uso das tecnologias e suasimplicações na sociedade e na natureza. Embora a educação científica receba influênciado contexto em que é inserida, no Brasil ela adquire ao longo do tempo, um carátervoltado aos eixos do ensino de ciências, tendo como objetivo auxiliar o estudantes nacompreensão das ciências e suas influências, possibilitando os indivíduos a tomaremboas decisões em suas escolhas da vida em sociedade, sendo estas pessoais ou queculminam escolhas de representações. A educação científica deve ocorrer o quantoantes, sendo assim, os estudantes devem ser oportunizados ainda na educação infantil,pois estes já possuem afinidades com as tecnologias, contribuindo, assim, com o fim daeducação científica tardia. Os sistemas de avaliação do ensino de ciências (PISA e Saeb)evidenciam índices preocupantes quanto ao ensino de ciências no Brasil. Comoferramenta metodológica para o desenvolvimento da educação científica infantil, têm-sea contribuição dos espaços não formais funcionais, que podem configurar-se como osbosques, trilhas, parques nacionais, planetários, museus, praças e centros de ciências. Apresente dissertação se trata de uma pesquisa do tipo exploratória, descritiva edocumental, tendo como natureza uma abordagem qualitativa. Foi utilizado comoinstrumento de coleta de dados a observação estruturada e formulário contendoelementos próprios para a caracterização dos espaços. Como resultado de pesquisaforam apontados três espaços em formato de roteiro, que podem contribuir para umaabordagem em educação científica com a educação infantil, pois apresentam condiçõesfísicas e estruturais para o desenvolvimento dessas atividades. Nesta pesquisa foramcaracterizados três espaços não formais funcionais na Microrregião do Agreste deItabaiana, sendo a trilha principal do Parque Nacional Serra de Itabaiana (PNSI) oParque do Falcões e a Praça Fausto Cardoso. Estes espaços oferecem diferentesrecursos, onde professores podem desenvolver estudos e observações do meio, abordara educação ambiental, a educação para o patrimônio, trilhas ecológicas, e, entre outrasatividades para fins educacionais que pode ocorrer a partir do planejamento doprofessor.

  • ANGÉLICA OLIVEIRA DE ALMEIDA
  • A EDUCAÇÃO EM SOLOS NO CONTEXTO DOS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL
  • Orientador : CRISTIANO APRIGIO DOS SANTOS
  • Data: 20/01/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • A sobre-explotação dos recursos naturais tem impactado diretamente naexpansão dos processos de degradação ambiental. Dentre os recursos atingidos pelosprocessos destrutivos está o solo cuja degradação atinge percentuais consideradospreocupantes. Nesse sentido, e diante da importância do solo para manutenção da vida,é necessário desenvolver de forma significativa o ensino sobre ele na escola. Objetiva-se com este trabalho analisar a abordagem sobre o tema solos e a contribuição do uso demetodologias ativas no processo de ensino e aprendizagem desse tema no currículo deCiências e Geografia nos anos finais do ensino fundamental. Para isso, foi desenvolvidauma sequência didática no 6° ano do ensino fundamental sobre o tema Educação emSolos, considerado um ramo da Educação Ambiental, com o uso de uma metodologiaativa, sala de aula invertida e embasado no método construtivista. Como principaisresultados, tem-se que o livro didático, apesar de ser a principal base de disseminaçãode conteúdos, por si próprio não se constitui como eficaz no processo de ensino eaprendizagem sobre o referido tema. A atividade de campo se constituiu como ricafornecedora de dados e materiais para uso em sala de aula. A entrevista com oseducadores dos componentes curriculares de Ciências e Geografia apontou para umaabordagem tradicional de ensino majoritariamente baseado no uso dos solos para
    agricultura. Através da aplicação de questionário, constatou-se que os conhecimentosdos educandos sobre solos são mínimos e ligados ao uso deste para plantação,implicando necessidade de práticas que levem a um aprendizado mais profundo. Ainversão da sala de aula apresentou resultados positivos quanto à participação doseducandos durante o momento síncrono, percebido através das perguntas, curiosidades,discussões e engajamento, dessa forma, espera-se ter ampliado o conhecimento sobre otema, contribuindo assim na disseminação e sensibilização quanto ao uso sustentáveldesse recurso.

  • MARÍLIA ALANA COSTA DE JESUS
  • Formação de professores de matemática, ciências naturais e física no contexto do PIBID/CAPES: discursão sobre suas estatísticas.
  • Orientador : RENATO SANTOS ARAUJO
  • Data: 03/01/2022
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O objetivo dessa pesquisa foi discutir as estatísticas de formação de professores de matemática,física e ciências naturais no contexto atual, caracterizado por uma carência crônica deprofessores na educação básica e uma série de políticas públicas que buscaram impactar nasestatísticas dos cursos de licenciatura. O problema da falta de docentes teve início ainda noséculo passado, quando a ampliação da educação básica foi acompanhada pelo desprestígiocrescente da profissão e a redução das exigências formativas para a docência. Atualmente,políticas públicas, como o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência daCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (PIBID/CAPES), buscammudar essa realidade. É nesse contexto que essa dissertação buscou analisar parte dos dadosqualitativos coletados pelo Grupo de Pesquisa em Ensino de Ciências da UFS e também coletoue analisou dados quantitativos novos para confrontar com os resultados obtidos na primeiraanálise. Os resultados dessa pesquisa estão em três artigos, submetidos ou já publicados emrevistas científicas. O primeiro levantou as estatísticas de formação de professores dematemática e analisou os resultados encontrados nas falas dos professores das instituições deensino superior participantes do PIBID/CAPES. Os outros dois artigos levantaram e analisaramas estatísticas de formação de professores de ciências naturais e física. Os resultadosevidenciaram que o PIBID/CAPES deixou uma lacuna no sentido de prestigiar a profissãodocente e mostram que as políticas atuais realizaram grandes investimentos no ensino superior,
    sem alterar os salários dos professores das escolas ou as suas condições de trabalho. Observou-se também que a expansão das vagas no ensino superior foi um sucesso. Contudo, essa
    conquista foi da iniciativa privada, que cresceu por meio do dinheiro público. Além disso, essaexpansão não afetou plenamente a formação de professores, visto que curso de Licenciatura emCiências Naturais está em processo de extinção. A relação candidato/vaga superior a 1,0 sugereque a ociosidade das vagas não se deve pela falta de candidatos, mas à má formação destes ou àfalta de interesse dos aprovados em ingressar nos cursos. Também se observou um aumento dastaxas de evasão, indicando que a abrangência e as características das políticas públicasminimizam seus impactos nessas taxas ao limitar o número de alunos contemplados. Por fim,percebeu-se que o número de concluintes ao longo de duas décadas foi aquém do necessáriopara suprir a falta de professores, mostrando que os investimentos realizados pelo governofederal não foram suficientes para alcançar os objetivos das políticas públicas implementadas.Assim, concluiu-se que apesar dessas políticas serem necessárias, ainda são insuficientes, poisestão desacompanhadas de ações concretas nas salas de aula da educação básica que possammelhorar as condições de trabalho do professor, as quais são as promotoras da carência deprofissionais nas escolas.

2021
Descrição
  • MATEUS MATOS FERREIRA
  • POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NO MUNÍCIPIO DE ITABAIANA, SERGIPE
  • Orientador : MARCOS VINICIUS MEIADO
  • Data: 17/12/2021
  • Dissertação
  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho contextualiza o cenário de conflitos ambientais que resultou nosurgimento de alguns conceitos presentes no discurso ambientalista como, por exemplo,“desenvolvimento sustentável” e “educação ambiental”. Esses conceitos atingiram seuauge na realização de conferências globais, enfatizando o papel articulador daOrganização das Nações Unidas (ONU), que resultou na constituição dos Objetivos deDesenvolvimento do Milênio (ODM) e, mais recentemente, na constituição dosObjetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Essas ações e objetivos forampropostos com o intuito de refletir acerca do potencial norteador da Agenda 2030 nodesenvolvimento e avaliação de indicadores ambientais em âmbito local. Para que essaagenda seja uma fonte eficaz de indicadores ambientais, é vital um exercício deterritorialização, trazendo a magnitude da Agenda 2030 para o panorama local efazendo com que essa sobreposição aponte áreas prioritárias de ação que melhor seenquadrem nas demandas particulares de cada município, fator básico quando se querusar a agenda dos ODS como indicador de desenvolvimento sustentável. O dinamismodos 17 ODS tem seu papel ressaltado na elaboração de políticas públicas, como formade potencializar a implementação da Agenda 2030 na sociedade, em diversos âmbitos.Para evidenciar essa versatilidade, são apresentados, neste estudo, dados que triangulamos ODS e as políticas públicas implementadas no município de Itabaiana, através doMétodo de Análise de Conteúdo das edições do Diário Oficial, publicados a parti dejaneiro de 2015 até a presenta data, bem como as impressões e percepções defuncionários públicos de diversas secretarias estratégicas para o tema de estudo, as quaisforam obtidas através de entrevistas semiestruturadas. Por fim, sabe-se que o caminho écomplexo, mas, se a implementação dos ODS nas políticas públicas estiver sendo bemarticulada pela gestão pública municipal, esta pode acelerar e tornar mais eficaz aimplementação da Agenda 2030 na gestão ambiental do município de Itabaiana.

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS - - | Copyright © 2009-2024 - UFRN - bigua3.bigua3 v3.5.16 -r18960-cc43e1a90e