UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 24 de Agosto de 2019


PEQ

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

    Últimas Notícias

23/08/2019 Banca de DEFESA: RAÍ MELO DE OLIVEIRA
21/08/2019 Banca de DEFESA: JEFFERSON DAVID OLIVEIRA DA SILVA
19/08/2019 Banca de DEFESA: DANIELLA BATISTA DE JESUS
15/08/2019 Banca de QUALIFICAÇÃO: JULI ÉVELYN NASCIMENTO COUTO

Apresentação do Departamento

     Criado no ano de 2006, através da Resolução nº 12/2006/CONEP, o PEQ/UFS tem por objetivo desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão; visando formar profissionais pós-graduados para as Universidades Brasileiras, Centros de Pesquisa e Indústrias, bem como estimular a pesquisa e o ensino científico em geral. O programa é formado por 06 (seis) Grupos de Pesquisa cadastrados no CNPq e responde pela administração didático-pedagógica do curso de Mestrado em Engenharia Química.

     A criação do PEQ-UFS é uma decorrência do estágio de maturidade e consolidação alcançado pelos Grupos de Pesquisa a ele vinculados, formados na sua maioria por professores doutores em regime de dedicação exclusiva do DEQ/UFS.

     Os convênios para desenvolvimento de projetos atualmente são estabelecidos entre os professores integrantes dos grupos de pesquisa, vinculados ao PEQ-UFS, e os órgãos de fomento e/ou empresas. Atualmente encontram-se aprovados e/ou em desenvolvimento os seguintes Grupos de Pesquisa:

 

O Grupo de Pesquisa em Desenvolvimento e Caracterização de Materiais (GPDCMat) tem por objetivo criar e consolidar competência na área de desenvolvimento e caracterização de materiais através de articulação com empresasas,órgãos de fomento, professores pesquisadores do DEQ e de departamentos que desenvolvem atividades afins tanto da UFS quanto de outras instituições de ensino, buscando contribuir para o desenvolvimento e a modernização das práticas no setor industrial na área de materiais nas industrias da região e do Brasil (GPDCMat). Desde a sua implantação, no ano 2000, o GPDCMat vem se estruturando fisicamente através de recursos advindos de projetos de pesquisa aprovados junto a órgãos de fomento federal, estadual e de empresas. Nos oito anos de sua existência aprovou vários projetos de pesquisa e recebeu apoio financeiro da PETROBRAS S.A. para o desenvolvimento de projetos, através das Redes Cooperativas N/NE e Temáticas de Engenharia de Campos Maduros (RECAM)e Asfalto, e, no Núcleo de Pós-Graduação em Engenharia Química (PEQ-UFS), onde participa do curso de Mestrado em Engenharia Química do referido Núcleo, na área de concentração: Ciência e Engenharia de Processos Químicos, atuando nas linhas de pesquisa: Ciência e Engenharia de Petróleo e Gás e Processos Químicos. O grupo ao longo da sua existência adquiriu uma infra-estrutura voltada para o desenvolvimento de estudos na área de cinética de cristalização, síntese de polímeros, obtenção e caracterização de emulsões, e, desenvolvimento e caracterização de materiais alternativos para a construção civil. Dentre os projetos aprovados e atualmente em desenvolvimento, destacam-se: Inibição de Precipitação de Parafina de Parafina; Caracterização Química e Reológica de Cimento Asfáltico; Obtenção e Caracterização de Emulsões e Síntese de Aditivo Polímerico para a Industrai de Petróleo; e,Desenvolvimento de Argamassa Colante a Partir de Entulho de Construção Civil.
Grupo de Pesquisas em Catálise e Petroquímica (GPCatPetro)
Líder: Prof. Dr. Marcelo José Barros de Souza
Repercussões dos trabalhos do grupo:
O Grupo de Pesquisa em Catálise e Petroquímica foi criado 1996 com o objetivo de promover uma nova interface entre pesquisadores na área de catálise da Universidade Federal de Sergipe e de outras instituições de ensino, com o meio industrial. O grupo atua fortemente na produção do conhecimento científico e tecnológico regional e na formação de recursos humanos na área de catálise para o setor de petróleo, gás natural e biocombustíveis. As principais linhas de pesquisa são voltadas à síntese e caracterização de adsorventes e catalisadores heterogêneos e suas aplicações em processos de interesse industrial.
Grupo de Pesquisa em Biotecnologia e Meio Ambiente (GPBIOMA)
Lider: Prof. Dr. Roberto Rodrigues de Souza
Repercussões dos trabalhos do grupo:
O aperfeiçoamento de processos de separação aliado à otimização de processos de tratamento de rejeitos bem como o desenvolvimento de novos usos envolvendo biorreatores consistem em exemplos de aplicações tecnológicas cujas repercussões destacam-se nos segmentos do processamento de alimentos e na obtenção de derivados de atividade enzimática. Tais avanços contribuirão ao melhoramento do controle e da otimização de bioprocessos no campo das Engenharias Química e Ambiental. As pesquisas com produtos obtidos mediante incremento de atividade de enzimas pela utilização e/ou adaptação de sistemas bifásicos fornecerão dados necessários ao aprimoramento e à elaboração de modelos que propiciem a aplicação de diversas ferramentas de simulação, tais como as múltiplas aplicações das redes neurais e de outros aplicativos em desenvolvimento no âmbito do grupo para o monitoramento de recursos hídricos e de suporte à tomada de decisão em cenários complexos para decisores e gestores de políticas ambientais. A caracterização e o monitoramento de emissões e componentes sólidos, líquidos e gasosos oriundos de atividades urbano-industriais e de resíduos de processamento agrofabril de produtos contribuirá para a avaliação mais aprimorada dos impactos de tais atividades sobre os componentes biofísicos do meio ambiente, subsidiando atividade e desenvolvimento de materiais didáticos e paradidáticos de apoio a atividades de educação ambiental formal e não-formal junto às comunidades atingidas - direta ou indiretamente - pelos efeitos descritos nos trabalhos do GPBIOMA.
Grupo de Pesquisa em Fenômenos de Transporte e Sistemas Particulados
Líder: Prof. Dr. Manoel Marcelo do Prado
Repercussões dos trabalhos do grupo:
Os trabalhos do grupo visam aprofundar os conhecimentos no setor da secagem, através de pesquisas que aliem os fundamentos de transporte de quantidade de movimento, calor e massa com suas aplicações tecnológicas, empregando como objeto de estudo leitos particulados específicos. O Grupo de Pesquisa em Fenômenos de Transporte e Sistemas Particulados busca contribuir para a consolidação do Programa de Mestrado em Engenharia Química da UFS, através da execução de dissertações de Mestrado em temas atuais e de relevância nacional. A formação de recursos humanos nas áreas de fenômenos de transporte e sistemas particulados também é parte integrante dos objetivos do grupo, com a preocupação de promover uma interação entre alunos de iniciação científica e de mestrado.
Grupo de Pesquisas em Engenharia e Modelagem Matemática
Líder: Prof. Dr. Antonio Santos Silva
Repercussões dos trabalhos do grupo:
No caso de funções elementares, a repercussão é na área de ensino, principalmente visando o ensino médio, uma vez que na definição de função por desigualdade, os limitantes inferior e superior estabelecem completamente a função, ou seja, tais limitantes tanto servem para definir a própria função como para determinar valores da mesma, de forma direta e simples. No caso de funções representadas por contractivos e modelagem matemática, a repercussão se dar tanto na área de ensino como também na geração de esquemas numéricos, visando problemas envolvendo equações diferenciais e integrais. No caso de teoria contínua de misturas, a repercutirão é na modelagem de escoamento em meios porosos, visando sistemas particulados, principalmente sedimentação e filtração
Grupo de pesquisa em Desenvolvimento de Tecnologia em Petróleo, Gás, Biocombustível e Energia
Líder: Prof. Dr. Gabriel Francisco da Silva
Repercussões dos trabalhos do grupo:
Este grupo realizará pesquisa em petróleo, gás, biocombustível e energia, dando ênfase nos processos de produção, transformação química, agregação de valor aos co-produtos e eficiência energética com respeito ao meio ambiente tendo como premissa a prospecção, absorção, nacionalização e desenvolvimento de produtos, processos e equipamentos. Algumas ações realizadas pelo grupo estão centradas nos temas: Armazenamento, Refrigeração, Secagem, Extração, Modelagem Termodinâmica, Tratamento de água, Eficiência Energética e Caracterização de óleos e biodiesel. Os produtos desenvolvidos são: Sistema de Transporte de Gás Natural Comprimido, Secador Solar, Sistema de Refrigeração Utilizando Gás Natural, Sistema Multicâmara de Armazenamento, Sistema Compacto de Tratamento de Água, Kit Experimental de Viscosímetro Capilar, Simulador de Propriedades Psicrométricas - PSIC6.5, Simulador para Estimativa do Custo de Armazenamento de Alimentos - CAAL2.0, Simulador para Estimativa de Propriedade Termodinâmica - EPTE1.0, Simulador para Estimativa do Equilíbrio Sólido-Fluido - EESF1.0, Simulador para Estimativa de Propriedade do Dióxido de Carbono - PCO21.0. Os Projetos Desenvolvidos e em desenvolvimento são: Preservação e armazenamento de alimentos usando gás natural como fonte de energia (CTPETRO - FINEP - PETROBRAS),Refrigeração de Alimentos Usando Gás Natural como Fonte de Energia (CTPETRO - CNPq), Caracterização de Óleos e Biodiesel (FUNDECI/BNB) e Sistema Piloto de Captação de Águas Pluviais para Consumo Humano.

Grupo de Pesquisas em Desenvolvimento e Caracterização de Materiais (GPDCMat)

Líder: Profª. Drª. Gisélia Cardoso

O Grupo de Pesquisa em Desenvolvimento e Caracterização de Materiais (GPDCMat) tem por objetivo criar e consolidar competência na área de desenvolvimento e caracterização de materiais através de articulação com empresasas,órgãos de fomento, professores pesquisadores do DEQ e de departamentos que desenvolvem atividades afins tanto da UFS quanto de outras instituições de ensino, buscando contribuir para o desenvolvimento e a modernização das práticas no setor industrial na área de materiais nas industrias da região e do Brasil (GPDCMat). Desde a sua implantação, no ano 2000, o GPDCMat vem se estruturando fisicamente através de recursos advindos de projetos de pesquisa aprovados junto a órgãos de fomento federal, estadual e de empresas. Nos oito anos de sua existência aprovou vários projetos de pesquisa e recebeu apoio financeiro da PETROBRAS S.A. para o desenvolvimento de projetos, através das Redes Cooperativas N/NE e Temáticas de Engenharia de Campos Maduros (RECAM)e Asfalto, e, no Núcleo de Pós-Graduação em Engenharia Química (PEQ-UFS), onde participa do curso de Mestrado em Engenharia Química do referido Núcleo, na área de concentração: Ciência e Engenharia de Processos Químicos, atuando nas linhas de pesquisa: Ciência e Engenharia de Petróleo e Gás e Processos Químicos. O grupo ao longo da sua existência adquiriu uma infra-estrutura voltada para o desenvolvimento de estudos na área de cinética de cristalização, síntese de polímeros, obtenção e caracterização de emulsões, e, desenvolvimento e caracterização de materiais alternativos para a construção civil. Dentre os projetos aprovados e atualmente em desenvolvimento, destacam-se: Inibição de Precipitação de Parafina de Parafina; Caracterização Química e Reológica de Cimento Asfáltico; Obtenção e Caracterização de Emulsões e Síntese de Aditivo Polímerico para a Industrai de Petróleo; e,Desenvolvimento de Argamassa Colante a Partir de Entulho de Construção Civil.

 

Grupo de Pesquisas em Catálise e Petroquímica (GPCatPetro)

Líder: Prof. Dr. Marcelo José Barros de Souza

O Grupo de Pesquisa em Catálise e Petroquímica foi criado 1996 com o objetivo de promover uma nova interface entre pesquisadores na área de catálise da Universidade Federal de Sergipe e de outras instituições de ensino, com o meio industrial. O grupo atua fortemente na produção do conhecimento científico e tecnológico regional e na formação de recursos humanos na área de catálise para o setor de petróleo, gás natural e biocombustíveis. As principais linhas de pesquisa são voltadas à síntese e caracterização de adsorventes e catalisadores heterogêneos e suas aplicações em processos de interesse industrial.

 

Grupo de Pesquisa em Biotecnologia e Meio Ambiente (GPBIOMA)

 

Lider: Prof. Dr. Roberto Rodrigues de Souza

O aperfeiçoamento de processos de separação aliado à otimização de processos de tratamento de rejeitos bem como o desenvolvimento de novos usos envolvendo biorreatores consistem em exemplos de aplicações tecnológicas cujas repercussões destacam-se nos segmentos do processamento de alimentos e na obtenção de derivados de atividade enzimática. Tais avanços contribuirão ao melhoramento do controle e da otimização de bioprocessos no campo das Engenharias Química e Ambiental. As pesquisas com produtos obtidos mediante incremento de atividade de enzimas pela utilização e/ou adaptação de sistemas bifásicos fornecerão dados necessários ao aprimoramento e à elaboração de modelos que propiciem a aplicação de diversas ferramentas de simulação, tais como as múltiplas aplicações das redes neurais e de outros aplicativos em desenvolvimento no âmbito do grupo para o monitoramento de recursos hídricos e de suporte à tomada de decisão em cenários complexos para decisores e gestores de políticas ambientais. A caracterização e o monitoramento de emissões e componentes sólidos, líquidos e gasosos oriundos de atividades urbano-industriais e de resíduos de processamento agrofabril de produtos contribuirá para a avaliação mais aprimorada dos impactos de tais atividades sobre os componentes biofísicos do meio ambiente, subsidiando atividade e desenvolvimento de materiais didáticos e paradidáticos de apoio a atividades de educação ambiental formal e não-formal junto às comunidades atingidas - direta ou indiretamente - pelos efeitos descritos nos trabalhos do GPBIOMA.

 

Grupo de Pesquisa em Fenômenos de Transporte e Sistemas Particulados

 

Líder: Prof. Dr. Manoel Marcelo do Prado

Os trabalhos do grupo visam aprofundar os conhecimentos no setor da secagem, através de pesquisas que aliem os fundamentos de transporte de quantidade de movimento, calor e massa com suas aplicações tecnológicas, empregando como objeto de estudo leitos particulados específicos. O Grupo de Pesquisa em Fenômenos de Transporte e Sistemas Particulados busca contribuir para a consolidação do Programa de Mestrado em Engenharia Química da UFS, através da execução de dissertações de Mestrado em temas atuais e de relevância nacional. A formação de recursos humanos nas áreas de fenômenos de transporte e sistemas particulados também é parte integrante dos objetivos do grupo, com a preocupação de promover uma interação entre alunos de iniciação científica e de mestrado.

 

Grupo de Pesquisas em Engenharia e Modelagem Matemática

Líder: Prof. Dr. Antonio Santos Silva

No caso de funções elementares, a repercussão é na área de ensino, principalmente visando o ensino médio, uma vez que na definição de função por desigualdade, os limitantes inferior e superior estabelecem completamente a função, ou seja, tais limitantes tanto servem para definir a própria função como para determinar valores da mesma, de forma direta e simples. No caso de funções representadas por contractivos e modelagem matemática, a repercussão se dar tanto na área de ensino como também na geração de esquemas numéricos, visando problemas envolvendo equações diferenciais e integrais. No caso de teoria contínua de misturas, a repercutirão é na modelagem de escoamento em meios porosos, visando sistemas particulados, principalmente sedimentação e filtração.

 

Grupo de pesquisa em Desenvolvimento de Tecnologia em Petróleo, Gás, Biocombustível e Energia

Líder: Prof. Dr. Gabriel Francisco da Silva

Este grupo realizará pesquisa em petróleo, gás, biocombustível e energia, dando ênfase nos processos de produção, transformação química, agregação de valor aos co-produtos e eficiência energética com respeito ao meio ambiente tendo como premissa a prospecção, absorção, nacionalização e desenvolvimento de produtos, processos e equipamentos. Algumas ações realizadas pelo grupo estão centradas nos temas: Armazenamento, Refrigeração, Secagem, Extração, Modelagem Termodinâmica, Tratamento de água, Eficiência Energética e Caracterização de óleos e biodiesel. Os produtos desenvolvidos são: Sistema de Transporte de Gás Natural Comprimido, Secador Solar, Sistema de Refrigeração Utilizando Gás Natural, Sistema Multicâmara de Armazenamento, Sistema Compacto de Tratamento de Água, Kit Experimental de Viscosímetro Capilar, Simulador de Propriedades Psicrométricas - PSIC6.5, Simulador para Estimativa do Custo de Armazenamento de Alimentos - CAAL2.0, Simulador para Estimativa de Propriedade Termodinâmica - EPTE1.0, Simulador para Estimativa do Equilíbrio Sólido-Fluido - EESF1.0, Simulador para Estimativa de Propriedade do Dióxido de Carbono - PCO21.0. Os Projetos Desenvolvidos e em desenvolvimento são: Preservação e armazenamento de alimentos usando gás natural como fonte de energia (CTPETRO - FINEP - PETROBRAS),Refrigeração de Alimentos Usando Gás Natural como Fonte de Energia (CTPETRO - CNPq), Caracterização de Óleos e Biodiesel (FUNDECI/BNB) e Sistema Piloto de Captação de Águas Pluviais para Consumo Humano.

 

INFORMAÇÕES GERAIS

 

Secretaria

Horário de funcionamento:

Das 08:00 às 12:00 e das 14:00 às 17:00

 

Secretária: Kathyanne Nunes de Oliveira

 

Localização:

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química

Cidade Universitária Prof. José Aloísio de Campos 
Av. Marechal Rondon, s/n
Bairro: Jardim Rosa Elze
CEP 49100-000
São Cristóvão/SE

Telefone:

+55 (79) 3194-6890

email:  secretariapeq@ufs.br

Chefia do Departamento:
Não informado
Telefone(s):
31946890(Coordenação / Secretaria)
Endereço Alternativo:
http://deq.ufs.br/

<< voltar

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2019 - UFRN v3.5.16 -r8114-320291d4f