UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 01 de Dezembro de 2022

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de DEFESA: MARIA ALICE PIMENTEL FALCÃO
01/06/2021 11:11


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA ALICE PIMENTEL FALCÃO
DATA: 17/06/2021
HORA: 09:00
LOCAL: Online
TÍTULO: O EFEITO ANTI-INFLAMATÓRIO DO tnp, EM ZEBRAFISH, POSSUI UM MECANISMO DE AÇÃO EPIGENÉTICO, REGULADO PELO dre-miR-26a-1
PALAVRAS-CHAVES: Zebrafish. TnP. Inflamação. Neutrofilia. Epigenético.
PÁGINAS: 94
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
RESUMO:

Os neutrófilos são células cruciais para o sistema imunológico e sua migração de neutrófilos para um local de lesão, como uma resposta à inflamação, deve ser transitória e de autorresolução porque sua resposta exacerbada pode causar várias patologias crônicas. Apesar do avanço nas terapias tradicionais, alvos terapêuticos usando microRNAs podem modular e suprimir a migração de neutrófilos. Para explorar o potencial envolvimento do mecanismo epigenético do TnP, um peptídeo anti-inflamatório derivado do peixe brasileiro Thalassophryne nattereri, explorou-se o dre-miR-26a-1 usando técnicas de ganho e perda de função no modelo de inflamação do zebrafish, através da amputação da cauda. Inicialmente, os dados confirmaram que o TnP reduz a neutrofilia, em feridas induzidas por larvas WT. Em seguida, avaliamos as malformações do desenvolvimento dependentes da concentração de morfolino (5, 2,5 e 1,25 mg/mL). Nas concentrações mais elevadas, as malformações (edema de vitelo/coração) e a mortalidade aumentaram. Além disso, também verificamos que o miRNA mimético (20 µM/mL) não desenvolveu nenhuma malformação em larvas de zebrafish. Além disso, analisamos que a resolução da inflamação foi prejudicada após o knockdown do dre-miR-26a-1, pela técnica do morfolino 1,25 mg/mL, resultando em nenhuma eficácia do TnP no controle do recrutamento de neutrófilos. Em contraste, a superexpressão de dre-miR-26a-1 (20 µM/mL), usando miRNA mimético, melhorou o efeito terapêutico de TnP, reduzindo a neutrofilia. A investigação subsequente com co-injeção de morfolino e miRNA mimético indicou resgate nos efeitos terapêuticos do TnP. Em conjunto, os dados ratificam o zebrafish como modelo animal de inflamação, além de confirmar o efeito anti-inflamatório terapêutico do TnP e também destaca a regulação epigenética desse efeito pelo dre-miR-26a-1.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1964297 - CRISTIANI ISABEL BANDERO WALKER
Externo à Instituição - DANIELLE GOMES SANTANA
Externo à Instituição - GABRIELA TREVISAN DOS SANTOS
Externo à Instituição - KAMILA CAGLIARI ZENKI
Interno - 2030649 - MAIRIM RUSSO SERAFINI

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2022 - UFRN v3.5.16 -r18156-ca4d4a6fac