UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 06 de Dezembro de 2022

A UFS preocupa-se com a sua privacidade

A UFS poderá coletar informações básicas sobre a(s) visita(s) realizada(s) para aprimorar a experiência de navegação dos visitantes deste site, segundo o que estabelece a Política de Privacidade de Dados Pessoais. Ao utilizar este site, você concorda com a coleta e tratamento de seus dados pessoais por meio de formulários e cookies.

Ciente


Notícias

Banca de DEFESA: ANA TERESA COUTO FONTES
29/03/2021 12:56


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANA TERESA COUTO FONTES
DATA: 31/03/2021
HORA: 08:00
LOCAL: Online
TÍTULO: Título da tese: INTERVENÇÃO COLABORATIVA FARMACÊUTICO-MÉDICO PARA CONTROLE DA PRESSÃO ARTERIAL EM PACIENTES COM HIPERTENSÃO RESISTENTE
PALAVRAS-CHAVES: Hipertensão Arterial Resistente. Hipertensão Arterial Pseudoresistente. Serviços Clínicos Farmacêuticos.
PÁGINAS: 37
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Farmácia
RESUMO:

A Hipertensão Arterial Resistente (HAR) é definida como a pressão arterial (PA) de consultório não controlada mesmo com o uso de três ou mais anti-hipertensivos em doses otimizadas, incluindo-se preferencialmente um diurético, ou ainda, em uso de quatro ou mais medicamentos para controle pressórico. Entretanto, muitas vezes o diagnóstico da HAR tem sido superestimado, tendo em vista que alguns fatores reportam a pseudoresistência. Esta é caracterizada pelo não controle dos níveis pressóricos devido a falhas na técnica de medição da PA, ao efeito promovido pelo “jaleco branco”, a baixa adesão ao tratamento anti-hipertensivo e a inadequação terapêutica. Nesse sentido, o objetivo do estudo é avaliar os efeitos de uma intervenção colaborativa sobre os desfechos clínicos de pacientes com HAR e pseudoressistente. Será realizado um ensaio clínico randomizado com pacientes atendidos no ambulatório de cardiologia de um hospital privado no Nordeste do Brasil. Nesse local, será desenvolvido e implementado pelo pesquisador um serviço de revisão da farmacoterapia e otimização da adesão terapêutica baseados na colaboração entre farmacêutico e médicos. Nesse modelo, a farmacoterapia do paciente será discutida e a tomada de decisão para resolução de possíveis problemas relacionados a medicamentos compartilhada entre médicos e farmacêutico em colaboração.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ANA PAULA DE OLIVEIRA BARBOSA
Externo à Instituição - CARINA CARVALHO SILVESTRE
Interno - 1315121 - DIVALDO PEREIRA DE LYRA JUNIOR
Externo à Instituição - JULIANA MARIA DANTAS MENDONÇA BORGES
Presidente - 2027473 - MARCELO CAVALCANTE DUARTE

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2022 - UFRN v3.5.16 -r18160-36a7f68df5