UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 14 de Junho de 2021


Notícias

Banca de DEFESA: ALAN BRUNO SILVA VASCONCELOS
26/02/2021 16:15


Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALAN BRUNO SILVA VASCONCELOS
DATA: 25/03/2021
HORA: 14:00
LOCAL: On-line
TÍTULO: EFEITOS DOS TREINAMENTOS FUNCIONAL E CONCORRENTE NA APTIDÃO FUNCIONAL, INFLAMMAGING E FENÓTIPOS DE LINFÓCITOS T DE MEMÓRIA DE IDOSAS
PALAVRAS-CHAVES: Envelhecimento; Exercício; Aptidão Física; Inflamação; Imunossenescência;
PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Fisiologia
RESUMO:

O exercício físico é recomendado para idosos visando atenuar os efeitos deletérios do envelhecimento, tais como a sarcopenia e imunossenescência, bem como preservar a autonomia de senis. Entretanto, não há consenso sobre o melhor tipo de treinamento para atenuar a imunossenescência em idosos. Assim, o objetivo desse trabalho foi investigar os efeitos dos treinamentos funcional (TF) e concorrente (TC) na aptidão física, inflammaging e linfócitos T de memória de idosas. Foram realizados dois ensaios clínicos. O primeiro contou com a participação de 43 idosas aleatoriamente alocadas nos grupos controle (GC), treinamento funcional e treinamento concorrente. Assim, foi investigado o efeito de 24 semanas de treinamento na potência muscular e concentração plasmática de citocinas. Já o segundo ensaio contou com 108 participantes, também alocadas nos grupos GC, TF e TC com o objetivo de avaliar os efeitos de 16 semanas de treinamento na composição corporal, funcionalidade e linfócitos T de memória. O primeiro estudo mostrou que as idosas dos grupos TF e TC apresentaram aumento significativo da potência muscular no supino (TF: +12.37%, p=0,0173; TC: +15.84%, p=0,0010) e no agachamento (TF: +7.16%, p=0,0315); TC: +10.43%, p=0,0007) quando comparados ao pré-teste ou ao GC. Ainda, reduziram as concentrações plasmáticas de TNF-α (TF: p=0,0001; TC: p=0,0410), porém somente o grupo TF reduziu IL-6 (TF: p=0,0072) quando comparados ao momento inicial. Já no segundo estudo, ambos os protocolos de treinamento reduziram o tempo necessário para executar os testes funcionais de vestir e tirar a camisa (TF: -19.71%, p<0,0001; TC: -14.69%, p<0,0001), gallon-jug shelf-transfer (TF: -24.58%, p<0,0001; TC: -17.93%, p<0,0001), Timed up and go (TF: -18.39%, p<0,0001; TC: -15.43%, p<0,0001), sentar e levantar em 5 repetições (TF: -26.38%, p<0,0001; TC: -23.12, p<0,0001) e caminhada de 10 metros (TF: -13.05, p<0,0001; TC: -12.83, p<0,0001), além de melhorar a capacidade de salto (TF: 29.97%, p<0,0001; TC: 20.00%, p<0,0001) tanto em comparação ao momento pré quanto comparados ao GC. Adicionalmente, houve redução do percentual de gordura corporal (TF: -5.42%, p=0,0010; TC: -4.20%, p=0,0010) e aumento da massa muscular (TF: +3.79%, p=0,0010; TC: +2.84%, p=0,0010) quando comparados com o momento pré, porém não foram diferentes do GC. Em relação a frequência de linfócitos T de memória, ambos os protocolos de treinamento reduziram o percentual de células T CD4 TEMRA (TF: -38,73%, p=0,0455; TC: -30,43%, p=0,0036) e CD8 TEMRA (TF: -22,24%, p<0,0013; TC: -13,13%, p=0,0051). Ainda, tanto o TF quanto TC aumentaram o percentual dos linfócitos T CD4 (TF: +55,22%, p=0,0104; TC: +68,03%, p=0,0167) e CD8 (TF: +142,00%, p<0,0001; TC: +83,76%, p=0,0001) de memória central (TMC). Porém, TF e TC aumentaram os percentuais de linfócitos T de memória efetora (TME) apenas das células T CD8 (TF: +63,58%, p<0,0001; TC: +14,12%, p=0,0041). Portanto, conclui-se que tanto o TF quanto o TC parecem ser alternativas eficazes para a melhora da funcionalidade e composição corporal, além promover a redução de células T CD4 e CD8 TEMRA e aumentar a frequência de linfócitos TMC e TME em idosas.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CLAUDIA REGINA CAVAGLIERI
Externo à Instituição - GILMAR WEBER SENNA
Interno - 1656787 - JOSIMARI MELO DE SANTANA
Presidente - 2019019 - MARZO EDIR DA SILVA
Externo à Instituição - PABLO JORGE MARCOS PARDO

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r15368-99f189d34b