UFS › SIGAA - Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas São Cristóvão, 22 de Junho de 2021


Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: RAYLE MONTEIRO ANDRADE
02/02/2021 10:02


Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RAYLE MONTEIRO ANDRADE
DATA: 11/02/2021
HORA: 16:00
LOCAL: Sala de Video-Chamada
TÍTULO: ASPECTOS CLÍNICOS E IMUNOLÓGICOS DA DOENÇA PERIODONTAL E SUA ASSOCIAÇÃO COMO FATOR DE RISCO PARA O AGRAVAMENTO DA COVID-19
PALAVRAS-CHAVES: COVID-19. Doenças Periodontais. Citocinas.
PÁGINAS: 12
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
RESUMO:

A pandemia Covid-19, causada pelo vírus SARS-CoV-2, teve seus primeiros casos identificados em dezembro de 2019, em Wuhan/China. Desde então, a doença se espalhou ligeiramente pelo mundo, infectando mais de cem milhões de pessoas e 2.191.898 de mortes até o dia 30 de janeiro de 2021. A mortalidade e a crescente gravidade da doença estão atribuídas a uma resposta imune exagerada, ocasionado uma hiper-reação chamada de tempestade de citocinas, capaz de prejudicar de forma severa os pulmões e induzir a problemas respiratórios graves. Dessa forma, o enfraquecimento do sistema imunológico devido a condições existentes no indivíduo infectado é uma das causas de uma progressão acentuada da doença. As doenças periodontais (DP) podem elevar as concentrações de citocinas pró-inflamatórias causando agravamento em complicações sistêmicas, como, diabetes mellitus, doenças cardiovasculares e distúrbios respiratórios. Sendo assim, acredita-se que a DP pode ser um fator de risco para o agravamento da Covid-19. Cabe-nos investigar a existência dessa relação, já que poucos estudos foram publicados na literatura investigando essa associação. Dessa forma, o presente trabalho trata-se de um estudo de coorte prospectivo observacional longitudinal com objetivos de avaliar a saúde oral, incluindo a condição periodontal em seus aspectos clínicos e imunológicos, como um fator de risco para o agravamento da COVID-19. Assim, como também, serão coletadas amostras de sangue e fluido crevicular gengival, com o intuito de analisar possíveis associações de marcadores inflamatórios presentes em pacientes com doença periodontal, antes e após a infecção por SARS-COV-2.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3545451 - PAULO RICARDO SAQUETE MARTINS FILHO
Externo ao Programa - 1977480 - PRISCILA LIMA DOS SANTOS
Externo à Instituição - SARA JULIANA DE ABREU DE VASCONCELLOS

SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação/UFS | Telefonista/UFS (79)3194-6600 | Copyright © 2009-2021 - UFRN v3.5.16 -r15440-bf36319aa9